Autor Tópico: Larguei a pirataria porémm....  (Lida 20531 vezes)

Offline GuidjeLeGamba

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 191
  • Não há fatos eternos ou verdades absolutas
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #45 Online: 13 de Novembro de 2009, 23:11 »
Então a solução para o combate à pirataria é diminuir os preços e oferecer mais recursos únicos?

Ha!
Eu vejo um problema nisso... eles não estariam "combatendo" de forma direta a pirataria, mas sim competindo com a mesma. Já que tudo não passa de competição, por que demonizar a cópia não autorizada?

Eu acredito que a competição - que de fato seria o termo mais indicado para as mudanças de paradigma - seria também o combate! Já sobre a questão de demonizar a cópia pirata... Olha, na verdade, a maioria das pessoas que eu conheço não demonizam a questão, senão muito pelo contrário: tenho um amigo que é ávido seguidor do lema "pirataria é crime, original é roubo, mas compartilhar é legal!" (veja, isso é uma clara apologia à pirataria, porque compartilhar arquivos, segundo as leis vigentes, não deixa de ser pirataria).

Citar
E acredito não existir esta lei do abbadonware pois como detentores do direito de cópia, eles podem fazer o que quiser com ela, até mesmo não vendê-la. Assim como eu já ouvi falar que a rede globo compra alguns programas só para outras tvs não exibirem e competir com ela.

Não existe - nem nunca existiu - lei sobre "abandonwares". Aliás, também não tramita e provavelmente jamais será considerada uma lei desse tipo. Há certo tempo, alguns grupos começaram a afirmar, sem qualquer embasamento, que após 15 anos qualquer software virava domínio público (mais ou menos como os 90 anos para músicas e etc). Mas isso é papo furado. O que acontece, na prática, é que com o passar dos anos as empresas não lucram mais com os jogos (seja com o suporte, seja com as vendas) justamente porque outros jogos foram lançados e aqueles mais antigos acabam caindo no esquecimento da maioria das pessoas e são "abandonados" pelos seus fabricantes. Por esse motivo, a vigilância sobre alguns títulos é amenizada. Por exemplo: é improvável que a Atari vá processar alguém que possua uma rom do "Pitfall" no PC. Pode acontecer, mas convenhamos, é improvável.

Citar
Eu também sou doido pra ter um super nintendo com tudo originalzinho e novo de fábrica pra poder jogar na tv, assim como também poder usar as roms no meu pc. Masss sabe como é né?

Meu caso de "amor" é com o Master System... Sei exatamente como é!  ;D ;D ;D

Citar
Ah! Ta aqui uma matéria em que a ms acusa o linux de violar várias patentes. Já pensou se a "justiça" concorda com eles?
http://br-linux.org/linux/microsoft-diz-que-linux-viola-42-patentes

Como o próprio artigo menciona:

"É mais um lance da guerra de FUD tipicamente associada a Steve Ballmer, e mais uma vez estão presentes as características essenciais: as patentes não são identificadas, e ninguém diz o que pretende fazer a respeito."

Citar
Ainda não li esta notícia porém parece que algo está acontecendo... kkkk
http://br-linux.org/2009/projeto-de-lei-pretende-liberar-copia-de-musicas-e-de-livros/

Bah... Esse texto não está muito preciso - pelo menos no que tange aos arquivos MP3. Sobre os livros, apesar de eu mesmo usar praticamente somente cópias xerocadas em meus estudos, se formos parar pra pensar em quem elabora essas edições, isso é meio injusto: afinal, a lei permitiria a cópia para aquele cara que quer somente estudar e tal... Mas qual é o outro fim do livro didático? Ou existe alguma outra coisa que se possa fazer com ele e nunca me disseram? Acho que o melhor seria haver algum tipo de subsídio para que saísse mais em conta para o estudante. As coisas como estão atualmente, são absurdas: um livro de eletrônica que me custaria quase R$150,00, me saiu por menos de R$30,00... Um outro de alemão que me custaria mais de R$70,00 (e esse faz parte de uma coleção, dividida em módulos, o que quer dizer que eu seria obrigado a comprar os próximos livros, também) paguei menos de R$20,00 na cópia...

E sobre os arquivos MP3: pelo que consta do artigo, se eu tenho um CD e faço uma cópia integral do álbum para dentro do meu aparelinho de MP3, eu estaria cometendo pirataria. Mas baseado em que se afirma isso? Afinal, se eu possuir o original, me é permitido a "cópia de segurança", e converter arquivos para MP3 pode ser considerado isso (estou apenas mudando o tipo de mídia). Além disso, se realmente procedesse essa interpretação equivocada, o iTunes e o Windows Media Player (que são dois "players" e "ripadores" de alguns audazes defensores dos direitos autorais e copyrights) estariam incentivando a pirataria. Aliás, essas empresas também fabricam os próprios aparelhos, em si: o iPod e o Zune, sendo dois exemplos.

Citar
Mas continuaria a ser roubo, caso a lei mudasse, na opinião de vocês?

Cara, vou te ser bem sincero: mesmo a lei dizendo que é, eu não considero roubo. Pelo menos não acho que seja uma questão de "preto no branco". A pirataria não vai deixar de existir, haja o que houver. Mas dependendo dos benefícios e justificativas para se escolher entre o original ou o "alternativo", pode-se diminuir bastante o ilícito. E daí voltamos à questão de que é necessário mudar-se a maneira de se ganhar dinheiro com música, software, filmes, etc. É necessário mudar os paradigmas atuais.

Um abraço!!

« Última modificação: 13 de Novembro de 2009, 23:15 por GuidjeLeGamba »


Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #46 Online: 14 de Novembro de 2009, 19:18 »
vou citar minhas próprias palavras só para esclarecer um detalhe....

Citar
e temos o outro lado da moeda....
eu quero jogar "gabriel knight 2 - the interior beast".... e num acho para vender..... sério mesmo, por ser antigo, nem o distribuidor nacional tme mais.... e no mercado de 2 mão.... quem tem num vende....

e agora? acho que a lei do abandowere deveria ser proposta, sério mesmo... mesmo que seja só para jogos com 15 anos ou mais, isso deveria ser pensado.....

Então percebam que falei em propor a Lei do abandowere... não falei que existe..
Sei que isso daria assunto para outro topico, mas é um problema o copyrigth não permitir a copia,,, a sierra nem existe mais, num tenho nem ideia de quem tem os direitos autorais desse jogo, aqui no brasil, menos... de quem vou comprar esse jogo?
Procurando na net até achamos para download, mas não vou fazer isso... seria hipocrisia demais....

sabe, quando eu tinha uns 13 ou 14 ( sei lá mais ou menos isso ) saiu o 1º e joguei na casa de um amigo, pois eu nem tinha pc ainda.... amor a 1º vista.... mas e agora? tenho grana para comprar, tenho pc para jogar.... mas o maldito jogo num existe para comprar.........

até achei para comprar por download.... mas alem de ser 3 gb, num tenho certeza que aquela empresa pode vender o jogo ...........

Sobre acabar com a pirataria...
Bem eu acho que a pirataria vai ser o que vai mudar a forma de negociar dos peixes grandes... vai mudar a forma como usamos a internet e como tratamos o material alheio.... e no fim ela vai diminuir tanto, que será insignificante... porem não tenho certeza se vamos nos beneficiar disso ou se vamos perder com isso....
duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline GuidjeLeGamba

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 191
  • Não há fatos eternos ou verdades absolutas
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #47 Online: 14 de Novembro de 2009, 20:07 »
sboorbou,

Bah cara... Quando mencionei o fato de não haver leis de abandowares não me referi ao teu comentário, de modo algum. Aliás, nesse caso, eu concordo em absoluto contigo: também acho que deveria existir uma conversa nesse sentido - e pelas mesmas causas que tu citaste. E talvez em razão do mesmo jogo, Gabriel Knight!!  ;D ;D

Me desculpa se soou meio agressivo o meu comentário, mas não foi direcionado a ti, assim mesmo: foi mal!

Um abraço!!


Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #48 Online: 15 de Novembro de 2009, 11:55 »
GuidjeLeGamba

sem problemas.....


e sim, sou a favor da lei do abandonwere, de uma forma justa.. sabe beneficiando ambos os lados, a empresa que detém os direitos e nos pobres mortais que gostam de joguinhos antigos...
.........................

falando novamente em pirataria, mais cedo ou mais tarde ela se tornará inviável, pois as grandes empresas vão achar um meio parar de perder dinheiro... Como falei antes isso pode ajudar a comunidade,  ou não............
duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline Usuario_Leigo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 111
  • Não sei de nada, tô aqui pra aprender.
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #49 Online: 15 de Novembro de 2009, 17:53 »
Concordo contigo sboorbou...

Se este jogo que você fala fosse gratuito, com certeza ele já estaria em algum baixaki da vida...

Se eles de fato vencerem, o software livre terá uma grande oportunidade... o que seria bom mesmo era uma definição a respeito disso. Eu não aguento mais!

A única coisa que estas leis deveriam favorecer é o autor, e não a terceiros.

Acho que 15 anos é um bom prazo para as coisas se tornarem domínio público. Mas pra isso ser válido, os eua e japão é que tem que fazer esta lei, pois o grosso da mídia que o mundo gosta está é lá. A não ser que o Brasil resolva ignorar as leis deles.

Agora o pior é que além de conhecer as nossas leis, temos que conhecer as leis deles.

Citar
E sobre os arquivos MP3: pelo que consta do artigo, se eu tenho um CD e faço uma cópia integral do álbum para dentro do meu aparelinho de MP3, eu estaria cometendo pirataria. Mas baseado em que se afirma isso? Afinal, se eu possuir o original, me é permitido a "cópia de segurança", e converter arquivos para MP3 pode ser considerado isso (estou apenas mudando o tipo de mídia). Além disso, se realmente procedesse essa interpretação equivocada, o iTunes e o Windows Media Player (que são dois "players" e "ripadores" de alguns audazes defensores dos direitos autorais e copyrights) estariam incentivando a pirataria. Aliás, essas empresas também fabricam os próprios aparelhos, em si: o iPod e o Zune, sendo dois exemplos.

Pois é... eu já desconfiava que eles não permitiam a tal "cópia de segurança".
Esse recurso de do windows media player, eles poderiam dar a "desculpa"  de que serviriam apenas para arquivos "legais".


Outra coisa que me deixou encafifado...
Se os estadunidenses tem direito a patente de uma coisa, e de repente alguém aqui no Brasil consegue o mesmo resultado de forma semelhante, porém os brasileiros não sabiam da tal patente. Pergunto.
É justo que eles cobrem patente sobre algo que os brasileiros conseguiram alcançar com trabalho só por que os estadunidenses fizeram antes?
« Última modificação: 15 de Novembro de 2009, 21:55 por Usuario_Leigo »
Um dia, eu acabo aprendendo... ou será que não?

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.369
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #50 Online: 17 de Novembro de 2009, 23:07 »
Citar
Outra coisa que me deixou encafifado...
Se os estadunidenses tem direito a patente de uma coisa, e de repente alguém aqui no Brasil consegue o mesmo resultado de forma semelhante, porém os brasileiros não sabiam da tal patente. Pergunto.
É justo que eles cobrem patente sobre algo que os brasileiros conseguiram alcançar com trabalho só por que os estadunidenses fizeram antes?

Se houver acordo internacional entre os países (eu acho que tem):
- O brasileiro pode até registrar a patente aqui mas o norte-americano pode invalidá-la durante o processo de registro.
- O norte-americano só pode exigir no nosso país se em um ano fizer também o registro no Brasil. Não ocorrido isso, qualquer um pode usar a patente no país.
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #51 Online: 18 de Novembro de 2009, 07:07 »
se eu não me engano, atualmente os registros de patentes esta em esfera mundial. ( fazendo-se em 1 pais, tem-se também em outro )

duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.369
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #52 Online: 18 de Novembro de 2009, 09:29 »
Citar
se eu não me engano, atualmente os registros de patentes esta em esfera mundial. ( fazendo-se em 1 pais, tem-se também em outro )

Estão não.
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #53 Online: 18 de Novembro de 2009, 11:14 »
Citar
Estão não.

não entendi... poderia explicar, desculpa, sou devagar as vezes ...........

Citar

Acho que 15 anos é um bom prazo para as coisas se tornarem domínio público. Mas pra isso ser válido, os eua e japão é que tem que fazer esta lei, pois o grosso da mídia que o mundo gosta está é lá. A não ser que o Brasil resolva ignorar as leis deles.

acho, que as empresas não perdem com isso, no caso de software, de repente seria até interessante... imagina a lei,
10 anos contatos a partir do ultimo dia de suporte oficial... como por exemplo, o windows 95 ainda não seria de "Graça" afinal o suporte oficial acabou em 2005.... sei que isso seria meio que inviabilizante para sistemas operacionais, mas jogos, a grande maioria, tem apenas 1 ou 2 anos de suporte, são rapidamente trocado por outras versões ou novas franquias.... isso também com softwares .

vale lembrar que tornar o software free não implica em liberar os fontes... que poderiam ficar com o detentor dos direitos indefinidamente.
Outra coisa, se olharem no steam existem jogos da ID software com mais de 20 anos sendo vendidos.... acho bacana isso, quem quiser jogar doom II por exemplo paga U$ 1,99 para o steam e tem o jogo rodando no seu sistema operacional lisinho e com suporte.... outras empresas deveriam olhar para essa fatia do mercado e fazer algo a respeito.

++++++++++++ edit +++++++++++

falta steam para linux, nativo, como para windows.... precisamos fazer uma petição para isso........
« Última modificação: 18 de Novembro de 2009, 11:16 por sboorbou »
duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline Usuario_Leigo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 111
  • Não sei de nada, tô aqui pra aprender.
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #54 Online: 20 de Novembro de 2009, 01:02 »
Será que essas petições surtem algum efeito?


Um dia, eu acabo aprendendo... ou será que não?

Offline GuidjeLeGamba

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 191
  • Não há fatos eternos ou verdades absolutas
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #55 Online: 20 de Novembro de 2009, 04:48 »
(...) falta steam para linux, nativo, como para windows.... precisamos fazer uma petição para isso........

Me desculpe a total ignorância no assunto mas, o que é "steam"?

Abraço!


Offline Usuario_Leigo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 111
  • Não sei de nada, tô aqui pra aprender.
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #56 Online: 26 de Novembro de 2009, 00:08 »
Dias atrás eu estava conversando com um amigo meu sobre essa coisa de direitos autorais. Eu esta defendendo o cumprimento da lei e ele estava defendendo a pirataria. Ele é uma das pessoas mais talentosas que já conheci.

Este meu amigo está no mesmo supletivo que eu estudo. E aqui na escola os professores usam músicas com copyright baixadas da internet para ilustrar trabalhos feitos pelos alunos. Eles também fazem cópias piratas de filmes para os alunos assistirem e fazerem exercíos em cima do tema proposto. E no meio desses professores figuram até advogados.

Eu disse; nós devemos respeitar a lei para que haja desenvolvimento cultural em nossa cidade. Aqui reina muita pirataria, e com esta facilidade, nossos artistas não podem competir com coisas de qualidade de nível mundial. Eu vejo os EUA como um grande país produtor de cultura, e acho que essa cultura só pode ser construída quando as pessoas certas podem ser escolhidas. E estas pessoas só podem ser reconhecidas e escolhidas se pelo menos derem atribuição aos seus trabalhos.

Aí ele disse pra mim... Rapaz, como tu acha que nós, um bando de pé rapados, vamos conseguir cultura? Tu sabe quanto custa um livro? Pois é, ler é um luxo! Só gente que tem dinheiro é que tem acesso a esse tipo de cultura. Baixar não é ilegal desde que tu não saia por aí vendendo. Ninguém vai preso por isso, e além do mais, eles lá não tem prejuízo com a pirataria.

E eu respondi... mas isso não é diferente. Crime é sempre crime. Nossa cidade não se desenvolve, nós sempre estamos usando a cultura deles e não ajudamos os que ainda estão se desenvolvendo colocando seus trabalhos acessíveis para as pessoas. O pessoal lá dos EUA crescem mais e mais por causa disso e da lei que são eles quem fazem. Por que nós mesmos não podemos criar nosso conteúdo?

Aí ele disse.. O governo comete crimes bem maiores que este, e enquanto eles não fizerem as coisas direito, eu não sou obrigado a fazer o que eles dizem.

E eu respondo... Você sabia que tem muitos assassinos e ladrões que tem o mesmo argumento?

Apesar de ter respondido isso eu ainda fico imaginando se realmente dá pra se viver honestamente neste país/mundo. Vocês não têm noção do que eu estou passando para tentar fazer as coisas corretamente. Sempre me deparo com algo no qual não há outra saída que não seja a de ser desonesto.

É de enloquecer!
« Última modificação: 26 de Novembro de 2009, 04:21 por Usuario_Leigo »
Um dia, eu acabo aprendendo... ou será que não?

Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #57 Online: 26 de Novembro de 2009, 16:44 »
(...) falta steam para linux, nativo, como para windows.... precisamos fazer uma petição para isso........

Me desculpe a total ignorância no assunto mas, o que é "steam"?

Abraço!

Steam é um serviço encabeçado pela VALVE ( Half life ) onde vc tem um msn de jogos.... mais ou menos isso... vc tem uma conta, compra os jogos on line, faz download e sempre que quer jogar abre o steam e joga,... ele se encarrega de baixar atualizações, fazer controle de versão, arrumar para vc jogar on line etc..... no steam tambem tem jogos free, demos etc.... e tambem da pra baixar midia como musica dos jogos, filmes, propagandas etc.....

resumindo... msn dos jogos!! ahaehaheaeh

Usuario_Leigo

O cidadão de hoje são os politicos de amanha.....
ou seja, ladrão aqui... ladrão lá....

e a desculpa que ele deu dizendo que livro é caro.... por favor... ele rouba carro? moto? cerveja? modelo internacional? prostituta de luxo?... pois é essas coisas dão cadeia ( talvez a prostituta numd e cadeia! haehaehaeh ).. e como ele mesmo disse, ninguem vai preso por pirataria.....

esta ai.. a impunidade é a defesa para a pirataria....
duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline sboorbou

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 385
  • LPIC 2 - LPI 000180523 - Linux user 490229 - MCITP
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #58 Online: 27 de Novembro de 2009, 15:50 »
como falei anteriormente... de uma forma ou de outra a pirataria vai acabar....

espero que ela mude a atitude  que as grandes empresas tem com os consumidores


segue um link onde a pressão esta fazendo a mudança

http://tecnologia.terra.com.br/interna/0,,OI4125570-EI4802,00.html
duvida eu em você sinto... duvida a raiva leva, raiva ao ódio leva, ódio é o lado negro da força - Mestre Yoda

Offline Usuario_Leigo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 111
  • Não sei de nada, tô aqui pra aprender.
    • Ver perfil
Re: Larguei a pirataria porémm....
« Resposta #59 Online: 29 de Novembro de 2009, 04:19 »
como falei anteriormente... de uma forma ou de outra a pirataria vai acabar....

espero que ela mude a atitude  que as grandes empresas tem com os consumidores


segue um link onde a pressão esta fazendo a mudança

http://tecnologia.terra.com.br/interna/0,,OI4125570-EI4802,00.html

Caramba!!! mininova deixou a pirataria!?!?

se apenas eles mudassem as leis sobre o domínio público e dessem especificações quanto ao conteúdo criado por fãs... isso já tava de bom tamanho pra mim...

mas uma coisa é certa, quero diminuir drásticamente as minhas atenções sobre conteúdo com copyright...

no mais acho que a pirataria tal qual qualquer outro crime jamais vai deixar de existir...
« Última modificação: 29 de Novembro de 2009, 05:31 por Usuario_Leigo »
Um dia, eu acabo aprendendo... ou será que não?