Autor Tópico: Microsoft está preocupada com o Ubuntu  (Lida 58440 vezes)

Offline macalex

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 119
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #45 Online: 24 de MAR?O de 2009, 13:44 »
Acho que a MS está mais preocupada com o Open Office do que com o Linux em si.
Então DEUS disse: "tar -zxvf universo-0.1.tar.gz ; cd universo-0.1 ; ./configure --nodeps && make && make install

Offline dom diniz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 152
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #46 Online: 24 de MAR?O de 2009, 14:24 »
Custava os relaxados da SIS colocarem um .deb, que fizesse tudo isso ? Para quem está fazendo o aplicativo, ou driver, é muito mais fácil, é só empacotar o driver e as dependencias.

Claro, temos o problema das milhões de distros linux... aí sim concordo, temos o problema de compatibildiade entre as mesmas... padronizar mais e mais seria o ideal. Sim, precisamos de mais aplicativos em vez de distros.

Carlos

Eu nem sou tão exigente em pedir um .deb, me contentaria em um .run, que é o que vários produtores de hardware tem usado e parece que é bem genérico e funcional para boa partes das distros. Mas a SiS só disponibiliza o .bin que exige um bocado de coisa já instalada no pc para ser instalado e que num pc sem internet me fizeram entrar no tal do "inferno das dependências" ou seja: a atitude da SiS me complicou, mas a falta dos pacotes para compila-los do ubuntu por padrão foi algo que eu não pude engolir.

Mas é complicado pedir que empresas "de fora" do SL sigam padrões quando a comunidade não está nem aí para seu próprios padões. Se estivesse eu poderia seguir um tuto feito no fedora no meu ubuntu sem problemas, mas não posso, pois existem diferenças demais entre um sistema e outro ( nomes de pacotes, organização de diretórios, etc) que impedem isso.

É um circulo vicioso:

>A comunidade e as distros não são fiel aos seus padrões > surgem vários pseudos-padrões> os produtores de hardware ficam perdidos com tantos "padrões" e é financeiramente inviável seguir todos por isso ou fazem algo meia-boca/binário de difícil instalação > usuários novos desistem pq seu hardware não funcionou direito ( driver ruim de instalar ou instala e o sistema insiste em não carregar > poucos usuários desestimulam o produtores de software a produzir ou portar programas para a plataforma > usuários não acham os programa que desejam e abandonam a plataforma > produtores de hardware alegam que há poucos usuários e não é economicamente viável fazer/manter suporte para a plataforma> a comunidade se vira para tornar o hardware compatível > volta ao começo >


A grosso modo seria algo assim ( pode estar faltando algo ou mal colocado aí) mas esse problema sempre gira em torno de como as coisas rolam soltas no SL e dificilmente algum debate em qualquer fórum vai surtir efeito sobre isso a menos se conseguisse levar essa problemática e discuti-la com quem realmente tem poder de ação dentro do SL.



edit: só completando:
> a comunidade se vira para tornar o hardware compatível > cada um faz as coisas da forma que bem entende > volta ao começo >
« Última modificação: 24 de MAR?O de 2009, 19:37 por dom diniz »
Preocupem-se com a criação de mais programas e não de mais distros.
link
Ga-945GM-S2Dual|Core 2 Duo E4600|2GB DDR2 Kingston667|Radeon X300 128|XP+ubuntu 10.04 || DELL Vostro 1310 + ubuntu 10.04

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #47 Online: 24 de MAR?O de 2009, 15:32 »
Custava os relaxados da SIS colocarem um .deb, que fizesse tudo isso ? Para quem está fazendo o aplicativo, ou driver, é muito mais fácil, é só empacotar o driver e as dependencias.

Claro, temos o problema das milhões de distros linux... aí sim concordo, temos o problema de compatibildiade entre as mesmas... padronizar mais e mais seria o ideal. Sim, precisamos de mais aplicativos em vez de distros.

Carlos

Eu nem sou tão exigente em pedir um .deb, me contentaria em um .run, que é o que vários produtores de hardware tem usado e parece que é bem genérico e funcional para boa partes das distros. Mas a SiS só disponibiliza o .bin que exige um bocado de coisa já instalada no pc para ser instalado e que num pc sem internet me fizeram entrar no tal do "inferno das dependências" ou seja: a atitude da SiS me complicou, mas a falta dos pacotes para compila-los do ubuntu por padrão foi algo que eu não pude engolir.

Mas é complicado pedir que empresas "de fora" do SL sigam padrões quando a comunidade não está nem aí para seu próprios padões. Se estivesse eu poderia seguir um tuto feito no fedora no meu ubuntu sem problemas, mas não posso, pois existem diferenças demais entre um sistema e outro ( nomes de pacotes, organização de diretórios, etc) que impedem isso.

É um circulo vicioso:

>A comunidade e as distros não são fiel aos seus padrões > surgem vários pseudos-padrões> os produtores de hardware ficam perdidos com tantos "padrões" e é financeiramente inviável seguir todos por isso ou fazem algo meia-boca/binário de difícil instalação > usuários novos desistem pq seu hardware não funcionou direito ( driver ruim de instalar ou instala e o sistema insiste em não carregar > poucos usuários desestimulam o produtores de software a produzir ou portar programas para a plataforma > usuários não acham os programa que desejam e abandonam a plataforma > produtores de hardware alegam que há poucos usuários e não é economicamente viável fazer/manter suporte para a plataforma> a comunidade se vira para tornar o hardware compatível > volta ao começo >


A grosso modo seria algo assim ( pode estar faltando algo ou mal colocado aí) mas esse problema sempre gira em torno de como as coisas rolam soltas no SL e dificilmente algum debate em qualquer fórum vai surtir efeito sobre isso a menos se conseguisse levar essa problemática e discuti-la com quem realmente tem poder de ação dentro do SL.


Concordo com tudo o que falou. UM padrão é extremamente necessário. Só que os freetards nao gostam do padrão, justamente por causa "da liberdade", daí gostam que existam mais de 400 distros disponíveis (era o que eu vi no distrowatch certa vez) do que ter um SO livre, bom, funcional, e cheio de aplicativos.

Carlos
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline wildner

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 193
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #48 Online: 24 de MAR?O de 2009, 19:55 »
Carlos,

Com relação ao acesso remoto tive alguns problemas:
 
1. Não entendi o que devo mexer no arquivo abaixo?
/etc/ssh/sshd_config
Segue o que consta no meu arquivo, o que está errado?

# Package generated configuration file
# See the sshd(8) manpage for details

# What ports, IPs and protocols we listen for
Port 22      
# Use these options to restrict which interfaces/protocols sshd will bind to
#ListenAddress ::
#ListenAddress 0.0.0.0
Protocol 2
# HostKeys for protocol version 2
#HostKey /etc/ssh/ssh_host_rsa_key
#HostKey /etc/ssh/ssh_host_dsa_key
#Privilege Separation is turned on for security
#UsePrivilegeSeparation yes

# Lifetime and size of ephemeral version 1 server key
#KeyRegenerationInterval 3600
#ServerKeyBits 768

# Logging
#SyslogFacility AUTH
#LogLevel INFO

# Authentication:#2m
#LoginGraceTime 120
#PermitRootLogin yes
#StrictModes yes

#RSAAuthentication yes
#PubkeyAuthentication yes
#AuthorizedKeysFile   %h/.ssh/authorized_keys

# Don't read the user's ~/.rhosts and ~/.shosts files
#IgnoreRhosts yes
# For this to work you will also need host keys in /etc/ssh_known_hosts
#RhostsRSAAuthentication no
# similar for protocol version 2
#HostbasedAuthentication no
# Uncomment if you don't trust ~/.ssh/known_hosts for RhostsRSAAuthentication
#IgnoreUserKnownHosts yes

# To enable empty passwords, change to yes (NOT RECOMMENDED)
#PermitEmptyPasswords no

# Change to yes to enable challenge-response passwords (beware issues with
# some PAM modules and threads)
#ChallengeResponseAuthentication no

# Change to no to disable tunnelled clear text passwords
PasswordAuthentication no

# Kerberos options
#KerberosAuthentication no
#KerberosGetAFSToken no
#KerberosOrLocalPasswd yes
#KerberosTicketCleanup yes

# GSSAPI options
#GSSAPIAuthentication no
#GSSAPICleanupCredentials yes

X11Forwarding yes
#X11DisplayOffset 10
#PrintMotd no
#PrintLastLog yes
#TCPKeepAlive yes
#UseLogin no

#MaxStartups 10:30:60
#Banner /etc/issue.net

# Allow client to pass locale environment variables
#AcceptEnv LANG LC_*

Subsystem sftp /usr/lib/openssh/sftp-server

UsePAM yes


2 . Ao digitar o que me sugeriste apareceu esta mensagem
$ /etc/init.d/ssh start
 * Starting OpenBSD Secure Shell server sshd                                   
Could not load host key: /etc/ssh/ssh_host_rsa_key
Could not load host key: /etc/ssh/ssh_host_dsa_key

O que fiz de errado?

Uma pergunta o Vinagre não funciona, não é mais fácil?

Offline carlosaluisio

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 554
  • Só o capitalismo salva!
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #49 Online: 24 de MAR?O de 2009, 20:40 »
Carlos,

Com relação ao acesso remoto tive alguns problemas:
 
1. Não entendi o que devo mexer no arquivo abaixo?
/etc/ssh/sshd_config
Segue o que consta no meu arquivo, o que está errado?

# Package generated configuration file
# See the sshd(8) manpage for details

# What ports, IPs and protocols we listen for
Port 22      
# Use these options to restrict which interfaces/protocols sshd will bind to
#ListenAddress ::
#ListenAddress 0.0.0.0
Protocol 2
# HostKeys for protocol version 2
#HostKey /etc/ssh/ssh_host_rsa_key
#HostKey /etc/ssh/ssh_host_dsa_key
#Privilege Separation is turned on for security
#UsePrivilegeSeparation yes

# Lifetime and size of ephemeral version 1 server key
#KeyRegenerationInterval 3600
#ServerKeyBits 768

# Logging
#SyslogFacility AUTH
#LogLevel INFO

# Authentication:#2m
#LoginGraceTime 120
#PermitRootLogin yes
#StrictModes yes

#RSAAuthentication yes
#PubkeyAuthentication yes
#AuthorizedKeysFile   %h/.ssh/authorized_keys

# Don't read the user's ~/.rhosts and ~/.shosts files
#IgnoreRhosts yes
# For this to work you will also need host keys in /etc/ssh_known_hosts
#RhostsRSAAuthentication no
# similar for protocol version 2
#HostbasedAuthentication no
# Uncomment if you don't trust ~/.ssh/known_hosts for RhostsRSAAuthentication
#IgnoreUserKnownHosts yes

# To enable empty passwords, change to yes (NOT RECOMMENDED)
#PermitEmptyPasswords no

# Change to yes to enable challenge-response passwords (beware issues with
# some PAM modules and threads)
#ChallengeResponseAuthentication no

# Change to no to disable tunnelled clear text passwords
PasswordAuthentication no

# Kerberos options
#KerberosAuthentication no
#KerberosGetAFSToken no
#KerberosOrLocalPasswd yes
#KerberosTicketCleanup yes

# GSSAPI options
#GSSAPIAuthentication no
#GSSAPICleanupCredentials yes

X11Forwarding yes
#X11DisplayOffset 10
#PrintMotd no
#PrintLastLog yes
#TCPKeepAlive yes
#UseLogin no

#MaxStartups 10:30:60
#Banner /etc/issue.net

# Allow client to pass locale environment variables
#AcceptEnv LANG LC_*

Subsystem sftp /usr/lib/openssh/sftp-server

UsePAM yes


2 . Ao digitar o que me sugeriste apareceu esta mensagem
$ /etc/init.d/ssh start
 * Starting OpenBSD Secure Shell server sshd                                   
Could not load host key: /etc/ssh/ssh_host_rsa_key
Could not load host key: /etc/ssh/ssh_host_dsa_key

O que fiz de errado?

Uma pergunta o Vinagre não funciona, não é mais fácil?


a principio nada. é só iniciar o serviço

o SSH é um servico de acesso a pastas e arquivos, e gerenciamento remoto via terminal.

o vinagre é via desktop.

precisa ter o noip instalado para resolver o nome do computador na rede. e precisa abrir a porta correspondente do vinagre, creio ser a 5900. tem que abrir na caixa do modem e também no firestarter.

qqer duvida, só postar, neste, ou noutro tópico, que respondo.

feito!
carlos
Ubuntu Lucid é 10 !!!

Offline FaBMak

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 724
    • Ver perfil
    • fabmak://website
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #50 Online: 25 de MAR?O de 2009, 20:48 »
Manter o assunto do tópico.
"Não creias impossível o que apenas improvável parece". (Shakespeare)
fabmak://website | http://twitter.com/fabmak

Offline ferrazao

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 42
  • Felipe Ferraz
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #51 Online: 29 de Abril de 2009, 23:20 »
é verdade que o ubuntu esta cada vez mais fácil de usar, e também é verdade que cada vez mais temos usuários linux e ubuntu no Brasil e no mundo, mas vamos pensar um pouco, faça essa pergunta para vc mesmo. de cada 20 pessoas que eu conheço mais ou menos quantas usam linux? se for duas em média é muito! eu pelo menos nunca cheguei na casa de um colega e tive a surpresa de ver na maquina dele o ubuntu rodando super bem. ao contrario disto eu vejo a carroça do pentium III puxando um peso danado (pra ele) um Windows XP. e tente convencê-lo de que o Ubuntu teria um melhor desempenho. é dificil viu?
AMD Sempron 2600 motherboard asus k8v-x SE 256 RAM DDR 400 video GeForce FX 5200 128mb

Offline raimundo1

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 111
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #52 Online: 23 de Maio de 2009, 11:23 »
O mercado de Windows pirata é onde o Ubuntu vai entra....Aliás não é mercado, é jeitinho Brasileiro. Perto da minha casa tem três computadores 1 com windows pirata em 2 com Duo boot. O que tem só windows, fala o tempo todo de Vírus, os que Duo Boot, não. O open office é muito bom...Espero divulgar e instalar em cerca de 50 PC...Toma Windows.

Offline wildner

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 193
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #53 Online: 23 de Maio de 2009, 15:52 »
Preocupados devemos nos estar em fazer um sistema cada vez melhor com aplicativos de qualidade, o resultado virá com o tempo.

Já instalei a 9.04 em 5 Pcs, pessoas que antes tinham aversão ao Linux. Como o sistema está bonito"Maquiei ele do meu jeito" estável e aceitando quase todos os drives, a galera achou o máximo estão todos encantados com o Ubuntu e se perguntando por que não instalaram antes.

É claro gastei um bom tempo deixando os sistemas redondos com tudo funcionando perfeitamente.  Mas são pessoas que estão satisfeitas e agora sem trauma de Linux.

Offline rcampos

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #54 Online: 30 de Maio de 2009, 14:46 »
Para mudar a situação dos padrões, o ideal, é ter um padrão único. Ou ter uma ferramenta que se comunicasse com todos já existentes para que não haja mais trabalho do que já existe.

Offline Amadeu1

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 0
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #55 Online: 28 de Agosto de 2009, 18:04 »
Eu acredito com isso mesmo também, e já se esperava isso ainda mais com a crise mundial financeira ninguem estaria a vontade gastando fortuna para pagar licensas pra o tio Bill

Nós cá em Angola estamos cada vez mais a deixar o Windows e aderindo ao Linux principalmente a distro Ubuntu !


Viva o Linux a microsoft que se cuide !

Offline wildner

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 193
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #56 Online: 28 de Agosto de 2009, 21:13 »
Eu acredito com isso mesmo também, e já se esperava isso ainda mais com a crise mundial financeira ninguem estaria a vontade gastando fortuna para pagar licensas pra o tio Bill

Nós cá em Angola estamos cada vez mais a deixar o Windows e aderindo ao Linux principalmente a distro Ubuntu !

Viva o Linux a microsoft que se cuide !
Saudações a você a ao povo Angolano, que bacana saber que estão conosco dividindo informações aqui do Forum.

Offline CientistaMaluco

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 20
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #57 Online: 05 de Setembro de 2009, 13:35 »
Eu acredito com isso mesmo também, e já se esperava isso ainda mais com a crise mundial financeira ninguem estaria a vontade gastando fortuna para pagar licensas pra o tio Bill

Nós cá em Angola estamos cada vez mais a deixar o Windows e aderindo ao Linux principalmente a distro Ubuntu !


Viva o Linux a microsoft que se cuide !

Por aqui por Portugal o nosso governo continua a gastar milhões em licenças Windows como pode ver por este link:

http://transparencia-pt.org/?search_str=microsoft

Enfim...  :-\

Offline ubuntunoob

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3
  • Cheguei... :(
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #58 Online: 16 de Setembro de 2009, 14:06 »
Sim, eu creio que ela está preocupada. O alavancamento do software livre nos últimos anos tem crescido muito, e muitas empresas tem aderido ao opensource. Lembram o que aconteceu com o Internet Explorer, o IE ficou muito tempo parado na versão 6, porque ele dominava geral o mercado de navegadores e não tinha um competidor a altura. Então a Microsoft ficou tranquila quanto a um update do IE, pois não tinha concorrência mesmo ué! E AI ENTÃO chegou o firefox, que foi crescendo e ganhando popularidade rapidamente, e a Microsoft percebeu isso, e VIU que apesar de ainda o IE estar no topo, não era uma boa idéia deixa-lo na versão 6 e lançou a versão 7. Foi como se a Microsoft tivesse pensado "Êpa! Precisamos acordar! Estamos no topo dos navegadores hoje, mas e amanhã? E esse Firefox incherindo ae?!" Creio que é isso que está acontecendo hoje em dia, a Microsoft está percebendo que o mundo opensource não está dormindo, e pode sim atrapalhar o seu monopólio.

Essa é minha opinião!  ;D

Offline pigdin

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 723
  • Terra - Brasill - SP-Capital
    • Ver perfil
Re: Microsoft está preocupada com o Ubuntu
« Resposta #59 Online: 16 de Setembro de 2009, 14:22 »
Desk: Phenom X3 2GB DDR II - Win 7 / Ubuntu 10.04 64 Bits
Note MUB: Core2Duo 4GB - Win7 / Ubuntu 10.04 / Bodhi Linux.
@alexpigdin