Autor Tópico: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!  (Lida 2321515 vezes)

Offline lucas18

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 12
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1515 Online: 06 de MAR?O de 2010, 03:28 »
Hqxriven,

poderia me indicar uma distro (sou iniciante no mundo Linux)

Offline Hqxriven

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.456
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1516 Online: 07 de MAR?O de 2010, 09:12 »
Citar
alguma sugestão a mais?

Por enquanto não, vou fazer o mesmo que vc no 2.6.33 é só aguardar um pouquinho amigo (net discada)

Citar
Quando do o seguinte comando:
root@debian:/usr/src/linux# bzcat omnislash.bz2 |patch -p1

Surge a seguinte informação:
bzcat: Can't open input file omnislash.bz2: No such file or directory.

O arquivo omnislash.bz2 não está no diretorio :/usr/src/linux
O arquivo omnislash.bz2 está no diretorio  /usr/src

Posso executar o comando (bzcat omnislash.bz2 |patch -p1), dentro do diretorio /usr/src  ou executo o comando depois de copiar o arquivo para dentro do diretorio /usr/src/linux?

Pode parecer uma dúvida bem besta mas eu não entendo bem a diferença.

Grato pela atenção

Execute o comando depois de copiar o arquivo para o usr/src/linux

Citar
Hqxriven,

poderia me indicar uma distro (sou iniciante no mundo Linux)

Eu uso Debian com Kde 3.5 e para mim é fácil (a instalação foi um parto a do slackware foi a mais fácil de todas no 10.1).

Mas indico as seguintes:


1 - Ubuntu (não considero como a distro mais fácil mas tem um fórum de excelente qualidade)

2 - Epidemic ou Metamorphose (cara ela me surpreendeu)

3 - Mint

5 - Debian

Já testei todas e fiquei no debian por ser o mais rápido. Muitos usuários que conheço começaram no Ubuntu e acabaram migrando (ou deixando uma partição) no debian e eu também sou um deles. Se for começar no debian aconselho a ler muitos tutoriais para ver a instalação (bem chata por sinal) e instalação de coisas manualmente (que o ubuntu faz automaticamente).
Sem distro Linux fixa - Kernel Omnislash
Meu objetivo nesse fórum é ajudar. Sou um mero humano mas desejo sempre aprender e melhorar em tudo o que faço em minha vida. Então, por favor, quando eu postar me notifique depois

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1517 Online: 07 de MAR?O de 2010, 18:17 »
Como aplicar no Ubuntu o patch zen no kernel 2.6.33? E qual versão do patch usar?
http://zen-kernel.org/


[]'s


Alyscom
O álcool é o photoshop da vida real
 

Offline pyfuji

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 81
  • LinuxUser479662
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1518 Online: 07 de MAR?O de 2010, 20:34 »
Caros colegas,

O processo rolou perfeitamente.
No site falava em 40 minutos a 4 horas para compilar.
Iniciou a fase de compilação e por incrível que pareça acabou em 20 minutos.  :D :D :D :D :D

Cheguei na fase de instalar o Kernel Omnislash.

Tem 3 .deb no diretorio.

linux-headers-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb
linux-image-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb
linux-image-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb

Instalo um por um? Tem sequência correta? Ou só o linux-image e as "coisas" vão acontecendo normalmente?

Tem que ser tudo só no modo texto ou posso abrir um terminal como root e manda bala?
Lembro que qdo compilava para instalar o Nvidia no Debian fazia em modo texto.

Abraços

Paulo Fujihara
Desktop - Fonte Corsair 450W - MoBo Asus M4A79T-DELUXE :( - AMD Phenom II X4 955 - 2 x 2GB DDR3 Corsair - 2 x SSD 60GB Corsair Force3 RaidO + Seagate 2TB 5900 rpm - GeForce 9500GT - Cooler Master V8

Seja livre, use.... o que você quiser.

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1519 Online: 08 de MAR?O de 2010, 03:14 »
Olá Hqxriven!!  :D :D Tentei t mandar uma MP mais não consegui! :P
Queria que você me ajuda-se em uma coisa, se não quiser ajudar não faz mau!

É o seguinte, estou com o kernel 2.6.33 aqui e queria sua ajuda para deixar ele voando que nem o omnislash entende? Tipo.. Aplicar os patches CK, RT, Zen, etc... [preferencia no RT e Zen] Só que não desabilitar nada deles, tipo deixar com todos os drivers disponíveis como padrão e talvez tentar melhora-los!

Queria utilizar uma configuração boa, mais que também não conflita-se em nada, entende? Só que deixasse o PC mais esperto! ;)

Se não puder me ajudar, apenas me de uma dica de como prosseguir, ok?!  :)


Forte abraço e boa sorte!


Alyscom
O álcool é o photoshop da vida real
 

Offline havocz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 77
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1520 Online: 08 de MAR?O de 2010, 10:11 »
Quanto tempo não passo por aqui  :o
O tópico ficou grandinho...

Bom respondendo a pergunta acima( Alyscom), somente acerca do zen-source:

-  use este patch: http://zen-kernel.org/2.6.33-zen1-dust-remover
- siga estas instruções: http://zen-kernel.org/tutorials/distribution-specific-installation/debian-ubuntu-installation
- Boa sorte  ;)
°v°
/( )\\ Linux User #433307
^ ^   Debian 7

Offline Hqxriven

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.456
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1521 Online: 08 de MAR?O de 2010, 10:25 »
Citar
Caros colegas,

O processo rolou perfeitamente.
No site falava em 40 minutos a 4 horas para compilar.
Iniciou a fase de compilação e por incrível que pareça acabou em 20 minutos.  Contente Contente Contente Contente Contente

Cheguei na fase de instalar o Kernel Omnislash.

Tem 3 .deb no diretorio.

linux-headers-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb
linux-image-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb
linux-image-2.6.30-omnislash1_x86-64_amd64.deb

Instalo um por um? Tem sequência correta? Ou só o linux-image e as "coisas" vão acontecendo normalmente?

Tem que ser tudo só no modo texto ou posso abrir um terminal como root e manda bala?
Lembro que qdo compilava para instalar o Nvidia no Debian fazia em modo texto.

Tutorial que eu uso...

Passo-a-passo geral

1 – Em primeiro lugar vire o root e baixe as bibliotecas de compilação mais alguns utilitários

$su (depois digite a senha do root)

#aptitude install build-essential bin86 kernel-package libqt3-headers libqt3-mt-dev wget libncurses5 libncurses5-dev

2 – Agora baixe a versão 2.6.30 do kernel vanilla e o patch omnislash e a configuração para o kernel

http://www.kernel.org/pub/linux/kernel/v2.6/linux-2.6.30.tar.bz2

http://sharebee.com/db3d2a47

http://sharebee.com/4a40a7f9

http://sharebee.com/ec3d9415

3 – Verifique a integridade do arquivo abrindo um novo terminal e digitando o seguinte comando

$md5sum linux-2.6.30.tar.bz2

Veja se o resultado dos números é igual a esse:
7a80058a6382e5108cdb5554d1609615  linux-2.6.30.tar.bz2

$md5sum configx86 configx86-64 omnislash.bz2
f592dd3dedc5229ad6f51e3dbeb0deca  configx86
abe114a5759e521e79cbb05a27277afd  configx86-64
4cb530233b51fc5e90e15379aa9cdc4d  omnislash.bz2

3 – Copie o arquivo baixado para /usr/src para isso digite os comandos abaixo:

$su (depois digite a senha do root)

#cp linux-2.6.30.tar.bz2 omnislash.bz2 configx86 configx86-64 /usr/src

Descompactação e link simbólico

#cd /usr/src

#tar -xvjf linux-2.6.30.tar.bz2

#chmod -R a-s /usr/src/linux-2.6.30 (possivelmente será necessário usar esse comando em distribuições baseadas no debian)

#rm -rf linux && ln -s /usr/src/linux-2.6.30 linux

#cd /usr/src/linux

Colocando o patch e a configuração otimizada

#bzcat omnislash.bz2 |patch -p1

Caso use a arquitetura x86 (32bits) use o comando abaixo:

#cp /usr/src/linux-2.6.30/configx86 .config && make xconfig

Caso use a arquitetura x86-64 (64 bits) use o comando abaixo:

#cp /usr/src/linux-2.6.30/configx86-64 .config && make xconfig

Customização do kernel

Chegamos ao ponto de escolher o que queremos no nosso kernel, para que ele se adapte as nossas necessidades, seja um desktop, servidor ou um laptop. Se vc sabe o que está fazendo fique a vontade, explore e customize. A configuração está com o foco em desktops por isso talvez nem seja necessário mexer.

Desktop

Em “Processor type and features”:

- Processor family Choose the model of your processor

Escolha o modelo do seu processador. Na configuração eu escolhi o i686 e é o que uso no meu X2 e gosto do resultado. Porém escolha outra específica para o seu processador.

Ele já está configurado para desktop então deixe as configuração como estão.

Laptop

A escolha para o processador também é útil porém é interessante diminuir o Timer frequency

-Timer frequency
–250 Hz (ou menos)

-Preemption Model
–Voluntary Kernel Preemption (Desktop)

Motivo??? Quanto maior o timer frequency menor a autonomia do laptop quando está sob uso da bateria.

Servidor

Dependendo do servidor o melhor é colocar o timer frequency no mínimo e sem preempção pois assim ele suporta mais requisições

A escolha para o processador também é útil porém diminua mais ainda o Timer frequency

-Timer frequency
–100 Hz

-Preemption Model
–Preempt None

Depois das alterações salve o arquivo e agora vamos para o próximo passo

Compilação do kernel

Digite os seguintes comandos

#make-kpkg clean

#make-kpkg –initrd –revision=x86 kernel_image kernel_headers modules_image kernel_source

Caso seja um dual ou quad core use o comando abaixo para acelerar a compilação

#CONCURRENCY_LEVEL=2 make-kpkg –initrd –revision=x86 kernel_image kernel_headers modules_image kernel_source

Obs.: Lembrando que são dois traços antes de initrd e antes de revision e NÃO um apenas. Se usar uma arquitetura 64 bits pode colocar x86-64 depois de revision…

E agora é só esperar… até compilar e criar um deb. O tempo de compilação varia de 40m a 4horas.

E por último para instalar.

E AGORA ONDE VC ESTÁ

Jogue no lixo a pasta usr/src/linux-2.6.30 linux e o link simbólico pois senão o kernel omnislash usará essa pasta para compilação ao invés dos headers
 
#cd .. && dpkg -i linux*2.6.30*.deb

Sysctl.conf

Podemos utilizar algumas configurações para melhorar a performance do sistema manipulando as entradas deste arquivo que encontra-se em /etc.

Então vamos lá:

#nano /etc/sysctl.conf

vm.dirty_ratio = 20
vm.dirty_background_ratio = 20

Salve o arquivo e digite no terminal o seguinte:

#sysctl -p

Ativando o compcache (contribuição do usuário DiamondMax)

Para ativá-lo:

Nas distribuições baseada no debian como o Ubuntu, digite num terminal:

#echo “ramzswap” >> /etc/modules && echo “/dev/ramzswap0 none swap sw,pri=100 0 0″ >> /etc/fstab

Infelizmente o wordpress acabou com a formatação (as aspas) então clique no link abaixo e pegue o comando certo:

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,29799.msg319812.html#msg319812

Isso fará com que o Compcache e o Xvmalloc sejam carregados durante o boot.

Salve o arquivo Reinicie o sistema.

Verifique se a ramzswap está ativada:

cat /proc/swaps
Filename                                Type            Size    Used    Priority
/dev/sda4                               partition       979956  0       -1
/dev/ramzswap0                          partition       112272  0       100

cat /proc/ramzswap
DiskSize:         112276 kB
NumReads:             20
NumWrites:             0
FailedReads:           0
FailedWrites:          0
InvalidIO:             0
PagesDiscard:          0
ZeroPages:             0
GoodCompress:          0 %
NoCompress:            0 %
PagesStored:           0
PagesUsed:             0
OrigDataSize:          0 kB
ComprDataSize:         0 kB
MemUsedTotal:          0 kB

Agora quando o sistema começar a usar a swap, o compcache irá comprimir e armazenar os dados na própria RAM! Observe que a ramzswap0 tem o nível de prioridade maior do que a swap do HD. Isso significa que a primeira memória virtual utilizada será a da RAM e assim que ela estiver totalmente preenchida, o sistema passará a utilizar a memória virtual do HD.

Dê o boot e desfrute do novo kernel…

O projeto Omnislash é GNU/GPL…

Gostaria de agradecer aos usuários DiamondMax, DJ, Gatohumano, Violencia.com, Freud.jr, Buli e todos os amigos que apoiam e ajudam o omnislash!! Valeu Pessoal!!

Abraços

Hqx


Citar
É o seguinte, estou com o kernel 2.6.33 aqui e queria sua ajuda para deixar ele voando que nem o omnislash entende? Tipo.. Aplicar os patches CK, RT, Zen, etc... [preferencia no RT e Zen] Só que não desabilitar nada deles, tipo deixar com todos os drivers disponíveis como padrão e talvez tentar melhora-los!

Ainda não tem tudo para o 2.6.33 mas vamos lá...

Eu aconselho aguardar mais um pouco (pelo menos um 2.6.33.2)

CK e Zen juntos dão problemas. Pq o zen geralmente tem o ck aí na hora de colocar o path dá problemas.

Eu gosto do patch pf pq ele acrescenta poucas coisas e com isso diminui a possibilidade de aparecerem problemas.

Se vc colocar alguns patches do ck separadamente mais o pf acho que vai legal. Não gosto do zen (apesar de ser um excelente patch) pq eu perco o controle por causa da grande quantidade de mudanças e pq algumas vezes as soluções utilizadas para corrigir problemas exigiam atualizações de coisas que não haviam na minha distro.

Mas a escolha é sua...

http://zen-kernel.org/2.6.33-zen1-dust-remover

e http://postfactum.pl.ua/nebula3/tags.php?tag=linux

Eu estou no momento dando uma olhada no http://blog.robertalks.com/ para dar umas olhadas no kernel dele

Citar
Olá Hqxriven!!  Contente Contente Tentei t mandar uma MP mais não consegui! Lingua

Estourei o limite de mp do fórum hehehehe

fui!!!

Obrigado a todos e bom dia!!!

Hqx
Sem distro Linux fixa - Kernel Omnislash
Meu objetivo nesse fórum é ajudar. Sou um mero humano mas desejo sempre aprender e melhorar em tudo o que faço em minha vida. Então, por favor, quando eu postar me notifique depois

Offline velox256

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.915
  • Debian é Debian... :)
    • Ver perfil
    • Linux Inside
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1522 Online: 08 de MAR?O de 2010, 11:18 »
Eu instalei o omnislash e não notei diferença entre o kernel 2.6.30 e o 2.6.32.8 que eu compilei no meu Debian Lenny, será que a minha máquina é tão boa que dispensa essas otimizações de kernel? Conversando com alguns amigos mais antigos no Linux do que eu, todos me falaram que usar otimizações em máquinas novas não tem muito sentido e que isso só deveria ser tentado em máquinas 'fuleiras' (mais antigas, que ainda usem DDR comum).

Será?
Computador perereca, com disco perereca, monitor perereca e sistema super xuxu. Visitem a minha página em http://sidserra.k6.com.br ou meu blog em http://sidserra.blogspot.com.br.

Offline Hqxriven

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.456
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1523 Online: 08 de MAR?O de 2010, 14:49 »
Citar
Eu instalei o omnislash e não notei diferença entre o kernel 2.6.30 e o 2.6.32.8 que eu compilei no meu Debian Lenny, será que a minha máquina é tão boa que dispensa essas otimizações de kernel? Conversando com alguns amigos mais antigos no Linux do que eu, todos me falaram que usar otimizações em máquinas novas não tem muito sentido e que isso só deveria ser tentado em máquinas 'fuleiras' (mais antigas, que ainda usem DDR comum).

Será?

Eu uso o debian lenny com um X2 com 2GB DDR2 e vejo diferença e o Galactus com o seu processador de arquitetura core também...

A questão é:

O omnislash não é feito por padrão para usar o máximo da capacidade de uma máquina realmente boa. Pq se eu fizer isso as máquinas antigas vão sofrer pois os processadores mais antigos não aguentam a carga e nem tem memória suficiente para isso, faltam recursos e tecnologia. Por isso fiquei no meio termo.

Esse mesmo assunto foi um assunto de conversa entre galactus e eu e o Alyscom mais recentemente.

Como eu deixo o omnislash com as configurações do scheduler funcionais vc mesmo pode alterar a latência e deixá-lo mais rápido ou mais lento e assim melhorar a velocidade do sistema em geral.

Eu instalei o omnislash e não notei diferença entre o kernel 2.6.30 e o 2.6.32.8 que eu compilei no meu Debian Lenny

Ainda bem pq vários patches do 2.6.32 estão no omnislash 2.6.30 e se não fosse isso vc perceberia bastante diferença... O 2.6.32 padrão sem nada é visivelmente melhor que o 2.6.30 normal.

Citar
Conversando com alguns amigos mais antigos no Linux do que eu, todos me falaram que usar otimizações em máquinas novas não tem muito sentido e que isso só deveria ser tentado em máquinas 'fuleiras' (mais antigas, que ainda usem DDR comum).

Eu penso o seguinte:

Se eu puder fazer algo para melhorar um pouco o meu sistema é válido:

Acrescente essas linhas no sysctl.conf (dê um boot) e veja se melhora um pouco:

vm.dirty_background_ratio = 20
vm.dirty_ratio = 50
kernel.sched_latency_ns= 4000000
« Última modificação: 08 de MAR?O de 2010, 14:52 por Hqxriven »
Sem distro Linux fixa - Kernel Omnislash
Meu objetivo nesse fórum é ajudar. Sou um mero humano mas desejo sempre aprender e melhorar em tudo o que faço em minha vida. Então, por favor, quando eu postar me notifique depois

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1524 Online: 08 de MAR?O de 2010, 17:32 »
@havocz e @Hqxriven obrigado por responderem!! :D :D :D
Vou tentar aqui e já retorno explicando como foi!


[]'s


Alyscom
O álcool é o photoshop da vida real
 

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1525 Online: 09 de MAR?O de 2010, 00:14 »
Opá..  ;D
Bom tentei compilar, só que quando chega no final, depois que dou o comando CONCURRENCY_LEVEL=2 make-kpkg --initrd --revision=x86 kernel_image kernel_headers modules_image kernel_source aparece esse erro:
Citar
make[1]: Saindo do diretório `/usr/src/linux-2.6.33'
test ! -e scripts/package/builddeb || mv -f scripts/package/builddeb scripts/package/builddeb.kpkg-dist
test ! -e scripts/package/Makefile || test -f scripts/package/Makefile.kpkg-dist || (mv -f scripts/package/Makefile scripts/package/Makefile.kpkg-dist && (echo "# Dummy file "; echo "help:") >  scripts/package/Makefile)
COLUMNS=150 dpkg -l 'gcc*' perl dpkg 'libc6*' binutils make dpkg-dev |\
    awk '$1 ~ /[hi]i/ { printf("%s-%s\n", $2, $3) }'> debian/buildinfo
uname -a >> debian/buildinfo
echo using the compiler: >> debian/buildinfo
grep LINUX_COMPILER include/linux/compile.h | \
      sed -e 's/.*LINUX_COMPILER "//' -e 's/"$//' >> debian/buildinfo
grep: include/linux/compile.h: Arquivo ou diretório não encontrado
echo applied kernel patches: >> debian/buildinfo
echo done > debian/stamp/build/kernel
/usr/bin/make -f ./debian/rules    debian/stamp/binary/pre-linux-image-2.6.33-zen1
make[1]: Entrando no diretório `/usr/src/linux-2.6.33'
====== making target debian/stamp/install/linux-image-2.6.33-zen1 [new prereqs: ]======
This is kernel package version 11.015.
echo "The UTS Release version in include/linux/version.h"; echo "      \"\" "; echo "does not match current version:"; echo "      \"2.6.33-zen1\" "; echo "Please correct this."; exit 2
The UTS Release version in include/linux/version.h
      ""
does not match current version:
      "2.6.33-zen1"
Please correct this.
make[1]: ** [debian/stamp/install/linux-image-2.6.33-zen1] Erro 2
make[1]: Saindo do diretório `/usr/src/linux-2.6.33'
make: ** [kernel_image] Erro 2
root@ubuntu-desktop:/usr/src/linux# make-kpkg --initrd --revision=x86 kernel_image kernel_headers modules_image kernel_source
exec debian/rules  DEBIAN_REVISION=x86  INITRD=YES  kernel_image kernel_headers modules_image kernel_source
/usr/bin/make -f ./debian/rules    debian/stamp/binary/pre-linux-image-2.6.33-zen1
make[1]: Entrando no diretório `/usr/src/linux-2.6.33'
====== making target debian/stamp/install/linux-image-2.6.33-zen1 [new prereqs: ]======
This is kernel package version 11.015.
echo "The UTS Release version in include/linux/version.h"; echo "      \"\" "; echo "does not match current version:"; echo "      \"2.6.33-zen1\" "; echo "Please correct this."; exit 2
The UTS Release version in include/linux/version.h
      ""
does not match current version:
      "2.6.33-zen1"
Please correct this.
make[1]: ** [debian/stamp/install/linux-image-2.6.33-zen1] Erro 2
make[1]: Saindo do diretório `/usr/src/linux-2.6.33'
make: ** [kernel_image] Erro 2
Alguma dica?
Eu segui o tutorial corretamente, não sei qual o problema! :-\
Utilizei o kernel 2.6.33 com o patch 2.6.33-zen1.patch.lzma ea config 2.6.33-zen1-x86-07.config

[edit]: Eu estou com os patches 2.6.33-zen1.patch.lzma patch-2.6.32-pf16.bz2 patch-2.6.33-ck1.bz2 patch-2.6.33-rt4.bz2 aqui, qual deles seria o melhor e qual deles tem o x em RT"Tirando o ultimo é claro"? Só mais uma coisa, eu posso usar essa configuração config-2.6.31-9-rt??


[]'s


Alyscom
« Última modificação: 09 de MAR?O de 2010, 00:27 por Alyscom »
O álcool é o photoshop da vida real
 

Offline Hqxriven

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.456
    • Ver perfil
Sem distro Linux fixa - Kernel Omnislash
Meu objetivo nesse fórum é ajudar. Sou um mero humano mas desejo sempre aprender e melhorar em tudo o que faço em minha vida. Então, por favor, quando eu postar me notifique depois

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1527 Online: 09 de MAR?O de 2010, 04:49 »
Oque você me recomenda então Hqxriven?  :)
Eu queria ter a ultima versão, pois vou criar uma versão remasterizada do Ubuntu e distribuir para meus amigos mais próximos(2)!

[edit]: Lá eles falam em criar um link ou alguma coisa parecida digitando ln -s ./include/generated/utsrelease.h ./include/linux/utsrelease.h e depois make-kpkg, eu não não entendi muito bém oque eles falaram, poderia me explicar melhor???


[]'s


Alyscom
« Última modificação: 09 de MAR?O de 2010, 05:06 por Alyscom »
O álcool é o photoshop da vida real
 

Offline havocz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 77
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1528 Online: 09 de MAR?O de 2010, 23:03 »
poderia me explicar melhor???
O make-kpkg não está encontrando o utsrelease.h na pasta include/linux
Um  "workaround"(quebra-galho) é criar um symlink para ele. Dentro da pasta de compilação (p.ex. /usr/src/linux) faça assim
Código: [Selecionar]
ln -s ./include/generated/utsrelease.h ./include/linux/utsrelease.he rode o make-kpkg novamente. Faça suas preces  ::)
°v°
/( )\\ Linux User #433307
^ ^   Debian 7

Offline Alyscom

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 774
  • Apenas me dê o feijão!
    • Ver perfil
Re: Kernel Omnislash (Unofficial) - Aprendendo a voar sem segredos!!!
« Resposta #1529 Online: 10 de MAR?O de 2010, 03:32 »
@havocz Obrigado pela ajuda, vou testar aqui e já retorno explicando como foi!! :D :D


[]'s


Alyscom
O álcool é o photoshop da vida real