Autor Tópico: Decepção com todas as distribuições Linux  (Lida 94835 vezes)

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #30 Online: 01 de Setembro de 2007, 17:55 »
Desde que o ./configure, make e make install continue existindo, não vejo problema, principalmente se considerar que nem toda distro é Debian ou Redhat like.

isso é fato
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline Mythus

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 264
  • Liga dos Dinos
    • Ver perfil
    • http://www.protopage.com/skopein
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #31 Online: 01 de Setembro de 2007, 20:04 »
Linux voltado estritamente para desktop é coisa nova.

Nem tanto assim. A Mandrake, na minha memória, foi a primeira distro que quis focar o usuário final. Eram milhares de wizards para praticamente qualquer configuração. O Kurumin, Kanopix e outros do gênero também nunca tiveram o afã de ser "linux server". O que essas distros erradam e acertaram certamente serviu de base para o que o Ubuntu, o Fedora e outras distros de grande aceitação são hoje. Mark Shuttleworth disse certa vez que ainda não existe um conceito moderno de empreendimento no mercado de software, as gigantes do mercado ainda funcionam como se estivessem nos anos 70 e 80 e o sotfware livre ainda não encontrou um formato empresarial realmente eficiente isso criou um desafio para ele montar o Ubuntu.

como disse antes: programação leva tempo, não se faz um programa complexo do dia para a noite. Superar vai ser meio dificil, afinal eles são donos da rede e estão sempre um passo à frente.

Um passo à frente? Tipo à "Vista"? Se escrever um sistema que praticamente não há base de hardware para suportá-lo é estar à frente enquanto seu concorrente faz praticamente a mesma coisa (Aero x Beryl) com menos da metade dos recursos, então eu prefiro ficar com meus pés atrás. Inovação vem primeiramente com criatividade, um atributo que Deus deu gratuitamente à humanidade, depois com inteligência, pesquisa, esforço, cooperação e dinheiro, claro. Como existem muitas variáveis, ter dinheiro só, não basta. Recomendo a leitura de "A Catedral e o Bazar" de Eric S. Raymond.

Um ultimo pitaco:
O modo de instalação dos programas, queiram ou não, ainda é um problema a ser resolvido. O conceito dos pacotes DEB e RPM creio que seja o melhor: pré-compilados, basta jogar os arquivos nas pasta e pronto, está funcionando. Mas a incompatibilidade entre os sistemas é que atrapalha. O melhor exemplo a ser seguido é o do Nero, basta jogar os arquivos nos respectivos diretórios e independe de distribuição (com um wizard ficaria perfeito). O tempo do configure, make, make install para desktops já passou. E não tratem a opinião contrária como coisa de Troll, a "Trollação" (ato de "Trollar", nenhuma das expressões existe mas acho que da para captar a mensagem) é uma rua de duas vias.

Aqui nos deparamos novamente com uma questão de conceitos (eu realmente recomendo a leitura de A Catedral e o Bazar), a grande maioria do software desenvolvido para linux segue o sistema de bazar, várias versões são feitas e distribuídas num intervalo curto de tempo. Isso funciona nas coisas mais ordinárias como nesse tópico http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,24221.0.html mostrando como o que é a filosofia do sistema: 1 programa, 2000 testam 3 criam pacotes e por aí vai -- se o estamos falando de um programa maduro, mas é muito fácil encontrar casos onde só existe 1 programador e um milhão de usuários e ninguém para fazer pacotes. Não faz mais de dois anos que isso era a realidade do Mercury (antes dMSN - Dany fazia tudo sozinha, hoje já tem mais gente). Quantos programam no VIM? 1, Bram Moolenaar. E no gFTP? 1, Brian Masney. Jpilot? 1. Judd Montgomery. Deixar nas mãos do programador a tarefa de programar, testar, montar pacotes e distribuir é no mínimo uma atitude ingrata.

Sinceramente, não sei como alguém prefere fazer uma crítica pública em vez de procurar saber quem está envolvido no projeto e oferecer ajuda. Como diz o ditado: "É mais fácil apontar o dedo do que estender a mão". Na grande maioria das vezes o desenvolvedor, o mantenedor do pacote, o documentador são pessoas bastante acessíveis. Lembro uma vez que pedi ao mantenedor do rpm do ekiga para fedora deixar habilitado o V4L2 como opção padrão na versão de teste (que era lançada uma vez a cada um ou dois dias) porque era o que minha webcam usava. Ele foi supercordial e atendeu de pronto meu pedido. Tudo depende do seu "aproach".

Abraços Trollanos
Abraços,
_________________
Não é programador, não é hacker. Formado em Direito pela UFPb. Usuário de Linux em tempo integral: Linux User Number: 174012.

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #32 Online: 01 de Setembro de 2007, 20:30 »
Mark Shuttleworth disse certa vez que ainda não existe um conceito moderno de empreendimento no mercado de software, as gigantes do mercado ainda funcionam como se estivessem nos anos 70 e 80 e o sotfware livre ainda não encontrou um formato empresarial realmente eficiente isso criou um desafio para ele montar o Ubuntu.

Eu discordo do Mark Shuttleworth  :o  :o  :o

Nossa, essa frase acima vai ser traduzida em todos os idiomas suportado pelo Ubuntu  :-\  :-\  :-\

Ele foi muito feliz na observação feita, e realmente o mercado de software tem conceitos obsoletos. Ex: nos primordios na informatização (vulgo "telemática") os trabalhos eram feitos pelas empresas e arquivados nas empresas. Daí os Offices da vida, etc, etc

Mas o conceito hoje, de Web 2.0, é diferenciado. A informação não fica mais "engavetada", ela tem que ser globalizada.

O que ocorre é que o Mark raciocinou correto, mas o Ubuntu, assim como praticamente tudo que temos em SO, ainda produz para conceitos obsoletos, coisa que por exemplo o Google não faz. A tendência está mais ou menos por aqui, em minha modesta opinião: www.aplicativosvirtuais.com.br

O Google não inova, apenas coloca em prática o que funciona bem e já deveria estar disponível, mas os SO fechados não liberam idéias para isso.

Toda a estrutura de repositórios, um trabalho excelente e que admiro muito, ainda faz parte do conceito anterior, que o próprio Mark sabe que é obsoleto, mas os hardwares disponíveis, e a mentalidade da gente não permite que façamos algo diferenciado ainda.

Tomara que o Mark faça um empreendimento focado para aquilo que ele prega, e que tenhamos maturidade o suficiente para nos adaptarmos a ela, mas daí o Ubuntu perderia o status de SO facilitado para iniciantes e usuarios finais, e acho que esse sim é o maior desafio que o Mark terá que superar.

Posso estar equivocado, mas por favor me esclareçam, pois não estou afirmando, apenas estou dizendo o que penso, e posso estar errado.

Abraços pra vcs. t++
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline Mythus

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 264
  • Liga dos Dinos
    • Ver perfil
    • http://www.protopage.com/skopein
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #33 Online: 01 de Setembro de 2007, 21:16 »
You had a lot of options when you were thinking about another start-up. Why did you choose this path?

I tried to avoid it. But I realized that I needed to be busy and active. I'm fascinated by Linux, passionate about Linux. I started making a list of potential projects, and Linux just kept creeping up to the top of the list. I recognized it was going to be a very, very tough competitive environment. It was by far the most audacious (plan), but it was also pissing me off at that time that the established players weren't going to converge on what I saw as the right strategy. In my mind there really was a clear opportunity both commercially and philanthropically.

Eunir, vou ficar te devendo a citação correta, mas encontrei essa entrevista onde ele trata sobre tema.
Abraços,
_________________
Não é programador, não é hacker. Formado em Direito pela UFPb. Usuário de Linux em tempo integral: Linux User Number: 174012.

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #34 Online: 01 de Setembro de 2007, 21:43 »
Mestre Mythus, sempre contribuindo e esclarecendo pra gente as coisas  ;)

Aposto que o Mark e todo mundo que "lidera" alguma coisa na área de software, com grande abrangência, está sendo "alfinetado" por isso  ;)

Que bom que não estou tão equivocado, como pensei  ;)

Pra quem não entendeu o que o Ptero Mythus postou, taí na figura a tradução mais "tosca" possível, mas pelo menos dá pra sacar a idéia  :D



[ ]s a todos
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline rjbgbo

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.889
  • Xubuntu 18.04LTS
    • Ver perfil
    • Twitter
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #35 Online: 01 de Setembro de 2007, 21:46 »
Minha mãe disse para não alimentar os trolls, mas eu não resisto. :D

O windows tem uma aula de intuitividade e acessibilidade para dar ao Linux em muitos aspectos.

E vice-versa "em muitos aspectos". Exemplos: konqueror, katapult, gedit, kile, glipper, kdissert, gftp, ssh

Além do mais existem coisas realmente importantes que só funcionam no WIndows. Por exemplo: Declaração de imposto de renda, certificado digital de micro empresas...

O DIRPF tem versão em java para usuários de outra plataforma fora da MS. Ter programas que só funcionam em um sistema não é uma limitação dos outros sistemas. Vai me dizer que um sistema é ruim só porque não roda um programa que só foi feito para Mac? É o mesmo que dizer que um carro não presta porque você colocou petróleo no tanque de combustível.

Eu até diria que o Linux hoje com wine, crossover, cedega e blocks seria um "carro flex" já que eu rodo WarCraft e o Aurélio emulados via wine. :P

Isto é materia para discussão séria entre vocês programadores. Copiar coisas da microsoft pode ser uma saída, e melhorá-las (como vocês sempre fazem).

Acho que você está no fórum errado, meu caro. Até onde eu sei, a maioria daqui é usuário e, no máximo, sysadmin. Talvez tenha uns gatos pingados que são programadores e acho que dificilmente você encontre aqui algum colaborador de algum pacote além da documentação.

Parabéns Mythus por esse post.

Pela manhã de uma rápida lida nesse tópico mas, ñ pude responder devido a ter ido p/ um curso de montagem e manutenção de micro que começei a fazer.

Lamento que o forista tucaubuntu seja um troll.

Agora de manhã rapida/ lendo umas das respostas do amigão Eunir

Citar
.... preciso de um "pagemaker" - Scribus ....

E diante do que já citei na minha 1ª reposta ao tópico, vou dissertar mais um pouco.

A 10 anos que faço desktop publishing usando as soluções Adobe Pegamaker e Indesign, desde conheci o Linux em 2003 c/ o Kurumin, venho acompanhando c/ felicidade a evolução do Scribus. Qdo no fim de 2007 pude instalar c/ tudo o Linux, claro que teste o Scribus a fundo.

Os pontos positivos são vários, menor tamanho do programa e consumo de memória, novidades c/ manipulação de imagem (muito bom), execução de .pdf e etc e tal. Até versão p/ Windows, Mac e Solaris...

Agora vi uns problemas que considero crucias p/ o excelente Scribus pensar em brigar de frente c/ os similares proprietários. Faltas que tenho certeza de no futuro serem reparadas:

*Funciona/ parcial de endentação de texto, via paleta de controle de propriedades; editando o estilo ocorre tudo normal
*Ausência de capitulação de texto via paleta de controle de propriedades; editando o estilo ocorre tudo normal
*Fraca ferramenta de tabela - faz um desenho de uma grade c/ caixas de texto - há a opção de se importar via ps (postscript) de um arquivo do OpenOffice - Pagemeker tem um utilitário p/ isso e o Indesign CS2 já faz isso no próprio programa.
*Falta de um utilitário p/ executar o que chamamos de booklet ou caderno ou brochura - isso falarei a seguir.

Catei e perguntei aqui e acolá, encontre um programa gráfico que faz isso no ambiente Gnome, mas que é instalado via compilação, infeliz/ ainda ñ domino essa técnica, mas estou lendo principal/ o guia Foca GNU/Linux p/ aprender um pouco mais.

Pois bem, no KDE li que a execução do booklet é grafica/ fácil de se fazer. Mas tenho usado o Gnome, que venho gostando muito, então parti pro teclado, depois das devidas pesquisas e o perguntei aqui e acolá, consegui sucesso em parte na empreitada, fiz o booklet, mais o mesmo saiu c/ erro de tamanho.

Pois bem resolvi ir por partes no Linux, depois da 1ª impressão do Linux c/ o Ubuntu, passei a me dedicar mais ao aprendizado do SO, depois voltarei a essas questões.

Pois então, ainda mantenho o que disse também está sendo preciso um acompanhamento de ritmo entre distros Linux e o SL, que parece que anda mais lento nesse instante.

Mas acredito sim no futuro dessa área, e ñ concordo que o Linux tenha que virar Windows, pois o que nos afastou do Windows ñ foi suas mazelas. Ñ quero isso pro Linux mesmo.

Hj mesmo na aula de montagem de micro morria de rir por dentro qdo se falava em pau e reisntalações no Janela, dava vontade de dizer: use Linux.
Linux User #440843 | Ubuntu User #11469

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #36 Online: 01 de Setembro de 2007, 22:48 »
Agora de manhã rapida/ lendo umas das respostas do amigão Eunir

Citar
.... preciso de um "pagemaker" - Scribus ....

E diante do que já citei na minha 1ª reposta ao tópico, vou dissertar mais um pouco.

A 10 anos que faço desktop publishing usando as soluções Adobe Pegamaker e Indesign, desde conheci o Linux em 2003 c/ o Kurumin, venho acompanhando c/ felicidade a evolução do Scribus. Qdo no fim de 2007 pude instalar c/ tudo o Linux, claro que teste o Scribus a fundo.

Os pontos positivos são vários, menor tamanho do programa e consumo de memória, novidades c/ manipulação de imagem (muito bom), execução de .pdf e etc e tal. Até versão p/ Windows, Mac e Solaris...

Agora vi uns problemas que considero crucias p/ o excelente Scribus pensar em brigar de frente c/ os similares proprietários. Faltas que tenho certeza de no futuro serem reparadas:

*Funciona/ parcial de endentação de texto, via paleta de controle de propriedades; editando o estilo ocorre tudo normal
*Ausência de capitulação de texto via paleta de controle de propriedades; editando o estilo ocorre tudo normal
*Fraca ferramenta de tabela - faz um desenho de uma grade c/ caixas de texto - há a opção de se importar via ps (postscript) de um arquivo do OpenOffice - Pagemeker tem um utilitário p/ isso e o Indesign CS2 já faz isso no próprio programa.
*Falta de um utilitário p/ executar o que chamamos de booklet ou caderno ou brochura - isso falarei a seguir.

grande rjbgbo, obrigado pela consideração  ;) saiba que é reciproca, ok?  :D

pois então: vc disse tudo que estou passando pelo Scribus, digo, as mesmas dificuldades. Mas como não preciso dos recursos avançados do software, pra mim ele atende minhas necessidades

igual ao Gimp: eu não uso recuros super avançados de Photoshop pra que o Gimp não me atenda, muito pelo contrário. Acompanhei o tutorial do LedStyle e consigo tirar fios de cabelos, rugas, melhorar as curvas de cores e preparar até fotos 3x4  :D  :D  :D

o engraçado é que detectei as msmas falhas no Scribus, mas acho que dá pra trabalhar bem nele sim  ;) pelo menos pro q eu preciso tah bacana  :D  :D fica aí a dica pra quem precisa "chutar" o PageMaker  ;)

[ ]s e boa noite pra vcs
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #37 Online: 01 de Setembro de 2007, 23:10 »
Mythus na página 2 deste tópico eu disse que concordo com você, mas depois que li seu primeiro post desta página retiro tudo que eu disse... Desculpe, mas agora é que concordo com você, antes você ainda não tinha falado o suficiente... hehehehe...

Citar
Lamento que o forista tucaubuntu seja um troll.

rlbgbo eu disse isto já no meu primeiro post neste tópico, lá na primeira página, 3 mensagem. Não considero que seja apenas ele que já tenha feito este papel aqui no fórum.
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #38 Online: 01 de Setembro de 2007, 23:21 »
Não considero que seja apenas ele que já tenha feito este papel aqui no fórum.

tem muita gente que faz isso, e eu faço questão de ler, pois como abandonei o Windows há algum tempo, tento captar o que eles estão dizendo, pra saber se estou sendo muito xiita ou não  ;)

eu alimento os trolls, igual ao Mythus  :D  :D  :D
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #39 Online: 01 de Setembro de 2007, 23:56 »
Eunir o que me deixa feliz no final é o seguinte. Mais um amigo me procurou na sexta-feira, motivo: Comprou um notebook com Windows Vista (o tal software excelente), muito bonito (não tanto como o meu note com o Feisty + Compiz-Fusion + Minhas alterações, sem precisar de nenhum programa adicional) mas demorava uma eternidade para apresentar a tela inicial, aquela do Menu Iniciar (o note de sexta-feira em particular não tinha que fornecer Login/Senha, igual ao meu, mas mesmo assim demorava quase 1 minuto a mais que meu note para estar disponível ao uso... fizemos questão de colocar lado a lado e testar, mais de uma vez!!!!).

Bem, vou colocar o Windows XP no note (igual já fiz em outros casos idênticos), os amigos não tem contato com Linux, mas todos deixaram colocar uma partição pequena com o Ubuntu para teste, o que já é uma vantagem. Claro que faço o favor a eles (favor porque não cobro) de tirar o maravilhoso Vista com a condição de me darem 10% do HD (ou 10 Gb) para deixar o Ubuntu.

Mas agora fica uma pergunta. Em uma propaganda que vi do Vista dizia que era o sistema mais seguro que existe, então porque já vem com firewall habilitado (mesmo que da Microsoft), windows defender, e anti-vírus?

Outra coisa que descobri legal é que agora se você clicar em Iniciar e desligar o PC não desliga, e sim entra em espera.... huahuhauahua... Isto que é software!

Outra coisa, sexta mexi pela primeira vez no Office 2007, e duvido que qualquer usuário normal ache ele mais fácil de usar que o OpenOffice 2.0, depois de usar por anos os Offices anteriores da Microsoft (97, 2000, XP, 2003...), já que a interface é totalmente diferente.

Então com tudo relatado é que pergunto, há comparação?

Vou atrever a responder. Não, não há comparação, são filosofias diferentes, pós diferentes em cada sistema, e contras também. Não aceito quando diminuem o Linux em relação ao Windows.
« Última modificação: 02 de Setembro de 2007, 00:03 por clcampos »
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #40 Online: 02 de Setembro de 2007, 09:42 »
Então com tudo relatado é que pergunto, há comparação?

Vou atrever a responder. Não, não há comparação, são filosofias diferentes, pós diferentes em cada sistema, e contras também. Não aceito quando diminuem o Linux em relação ao Windows.

eu compartilho da mesma opinião tua, amigo cristiano  ;) [ ]s
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline k7br

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 770
  • Ubuntu 9.04
    • Ver perfil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #41 Online: 02 de Setembro de 2007, 10:26 »
Salve!
Para descontrair um pouco, clique aqui→ ;D

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #42 Online: 02 de Setembro de 2007, 10:45 »
Salve!
Para descontrair um pouco, clique aqui→ ;D

já está nos favoritos!!!  :D  :D  :D

acho que esse artigo é excelente para alimentar os Trolls!  :D  :D

muito bom, vlw! Tinha que vir do Led Style, pra variar  ;)

[ ]s
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline Versuri

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 912
  • Linux#436528 ● Ubuntu#9933 MacBook Pro SL 10.6.7
    • Ver perfil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #43 Online: 02 de Setembro de 2007, 11:29 »
Salve!
Para descontrair um pouco, clique aqui→ ;D
Sem alimentar o troll mas deixei meu comentário lá.

Citar
Realmente disse tudo, ninguém que usa windows se lembra de qto tempo demorou para colocar tudo que precisava para rodar (drives, programas, etc), isso porque a maioria já compra micros já com o windows instalados sem contar na ajuda de familiares e amigos que dão aquele "jeitinho" no seu pc qdo algo errado ocorre.
Qtos chamados já recebi de amigos e familiares dizendo que o micro travou depois que recebeu um convite de amor.....mas é tão facil instalar coisas no windows né, dificil é o Linux que tem aquela senha chata do root.
No windows é tão facil deletar uma pasta basta ir no C: e deletar qualquer pasta, vc pode, vc consegue, experimente apagar a pasta Windows....xiiii...travou...tem que formatar novamente.
Sem contar na pirataria...windows pirata, office pirata, softwares piratas, keygen, seriais, cracks, e qdo vc percebe vc virou um Piratão já instalando e distribuindo por aí.
1 CD do Linux contém tudo o que vc precisa de imediato (openoffice, softwares de musica, video, etc, etc, etc).
1 CD do Windows tem exatamente o Windows e o que vc faz com ele???? Ahhhh é só na banquinha no centro e comprar os genéricos e instalar...muito fácil mesmo.
Linux é dificil mesmo vc nem consegue piratear pois é de graça...ou seja....sem graça mesmo.
http://www.tuxresources.org/blog/archives/51#comment-23233

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: Decepção com TODAS as distribuições Linux
« Resposta #44 Online: 02 de Setembro de 2007, 12:33 »
Gente eu comi parte do tal artigo ou o cara nem comentou do Windows ME? Essa era a melhor de todas!
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!