Autor Tópico: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?  (Lida 104551 vezes)

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #45 Online: 13 de Junho de 2007, 23:31 »

P.S.: Meu primeiro computador foi um Pentium 100 com 4MB de RAM e 0,97GB de HD, e aprendi a mexer em computadores num XT sem "winchester", carregava o DOS no disquetão mesmo... Acho que isso não me coloca no Jurassic Park onde habitam alguns dinos aí hehe, mas me deixa lá pela Idade da Pedra Lascada... Wiiiiiiiiiiilma!!!! :D


Glauber, vc nasceu e cresceu no Jurassico, msmo sendo amigo do Barney Rubble

huauhahuauhuhauhuahahuua

Por isso que o visual padrao do Ubuntu é o marrom tradicional, só tem dino aqui  ;D

[ ]s
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #46 Online: 13 de Junho de 2007, 23:39 »

P.S.: Meu primeiro computador foi um Pentium 100 com 4MB de RAM e 0,97GB de HD, e aprendi a mexer em computadores num XT sem "winchester", carregava o DOS no disquetão mesmo... Acho que isso não me coloca no Jurassic Park onde habitam alguns dinos aí hehe, mas me deixa lá pela Idade da Pedra Lascada... Wiiiiiiiiiiilma!!!! :D


Glauber, vc nasceu e cresceu no Jurassico, msmo sendo amigo do Barney Rubble

huauhahuauhuhauhuahahuua

Por isso que o visual padrao do Ubuntu é o marrom tradicional, só tem dino aqui  ;D

[ ]s

Rapaz meu primeiro contato com a micro informática também foi como a do Glauber. Disquetão e pouca memória (ou até melhor né, naquela época computador não tinha memória, tinha uma breve lembrança.... hehehe).

Mas vou te falar que até pouco tempo atrás eu achava que estava no fórum errado, todo mundo que eu conhecia aqui tinha no máximo 16 anos de idade, não de trabalho com informática. Cheguei a perguntar para alguém se sabia o endereço do fórum para maiores de idade (numa clara brincadeira, é claro!!), então é bom ver que tem vocês aqui também, tão ou mais velhos de informática do que eu.

E é claro, antes que eu seja mal entendido, é ótimo estar com a garotada também, que tem uma vontade danada de aprender e de mudar as coisas.
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!

Offline VB5

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.564
  • Liga dos Dinos
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #47 Online: 13 de Junho de 2007, 23:49 »
Ô, Eunir... valeu o avatar, gostei!... e já somos dois na Liga, então!... já dizia meu avô: "El diablo sabe más por viejo que por diablo"...  ;) ;)

Quanto à segurança, acho que temos que ter em vista que acabaram os dias dqueles vírus que deletavam arquivos, apagavam o HD, azedavam o leite na geladeira e reprogramavam o telefone para só ligar para a sogra...  ;D ;D  Hoje o vírus ideal é o que passa desapercebido, seja para roubar informações, seja para transformar a máquina em "bot". De fato, esse é o grande negócio: o cara monta um exército  de "bots" ( às vezes milhares deles) e os aluga para quem quer fazer um ataque Ddos, por exemplo, ou simplesmente espalhar spam. Portanto, sou a favor do "seguro morreu de velho": toda a proteção é em princípio bem-vinda, pelo menos até que se tenha certeza que é desnecessária. Nem sonharia em usar o Windows sem antivirus, antispyware, firewall e o que mais houver à mão. No Linux, sinto-me seguro o suficiente para dispensar pelo menos a maior parte disso.

Abraços a todos,

VB5
Ubuntu 10.04 - Semprom 2600+/Asus K8N/1.5 GB RAM DDR 400/GeForce 6200/HDs: 80MB + 320 GB

Offline glaubergoncalves

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 511
  • Ubuntu User # 10537
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #48 Online: 14 de Junho de 2007, 02:09 »
Glauber, vc nasceu e cresceu no Jurassico, msmo sendo amigo do Barney Rubble

huauhahuauhuhauhuahahuua

   Meu primeiro contato com computadores foi com 11 anos, no início dos anos 90. Apesar do XT já ser considerado ultrapassado mesmo pra essa época, era o computador a que eu tinha acesso no curso de informática que fazia, curtia pra caramba! Isso quando ele não dava pau, o que era meio freqüente hehe. Então acho que tenho um pouco de dinossauro e outro pouco de arqueólogo também... ;D

   E pra não fugir muito do tema inicial do tópico: lá no tempo do XT, quando internet era algo que nem se ouvia falar, que eu usava o DOS, o Wordstar, o Dbase III Plus... vírus era algo remoto, algo que sabíamos que existia, mas que ninguém temia muito pegar, naqueles computadores a única forma de ser infectado era através de disquetes, então era só ter um pouco de critério quanto ao que estava sendo enfiado goela abaixo do PC pelos drives A:/ e B:/...

   Sem tanta preocupação em tornar o PC em uma caixa forte impenetrável e cheia de guardas de segurança pra me proteger de todas as pragas virtuais possíveis e imagináveis como é hoje no Windows XP, era muito mais tranqüilo sentar na frente do computador e curtir a simples descoberta dessa ferramenta tão bacana, entender os programas que podem ser utilizados nela, criados para ela... e como eles podem ser úteis e facilitar a minha vida e a de outras pessoas.

   Então veio a internet, junto com a popularização do Windows, que dominou o setor dos desktops. E junto me parece que veio também uma cultura do vírus de computador, programas que se aproveitam das inúmeras falhas de segurança do OS dominante e da própria ingenuidade do utilizador e se instalam na máquina, roubando dados pessoais, destruindo arquivos... Será que aquele arquivo que chegou no meu email com o nome fotos_da_festa_JPG.exe é seguro de abrir? E lá se vai...

   Acabou se criando uma paranóia (tudo bem, justificável até certo ponto), onde cada clique do mouse pode ser um risco em potencial... Então agora parece que o foco principal deixa de ser o computador, a descoberta da informática, o conhecimento sobre os programas e como utilizá-los, incluí-los no dia-a-dia. Primeiro e antes de mais nada deve-se aprender a manter o computador seguro, saber tudo sobre anti-virus, atualizar o anti-vírus, passar o anti-vírus, saber tudo sobre anti-spy, atualizar o anti-spy, passar o anti-spy, levantar o firewall e instalar as atualizações de segurança do OS, mesmo aquelas que ligam de volta pra casa, ou aquelas que podem estrelar o tray (ops!)... Segurança é a palavra de ordem!

   Com toda essa neurose fica bem mais complicado simplesmente usar o computador, é como se entrar na internet fosse o mesmo que entrar em um campo minado, onde cada passo deve ser meticulosamente calculado. Viajar pela rede deixa de ser algo fluído, fica travado, perigoso... sem defesas contra ataques virtuais o navegante se torna presa fácil... realmente, vendo a coisa desse jeito a internet parece mais um campo de guerra mesmo...

   E agora vem o Ubuntu, e algo que gosto nele: não tenho anti-vírus nem anti-spy instalado, sei que o iptables tá lá, funcionando, embora nunca tenha mexido nele, também tenho um firewall de hardware. Tudo bem, não vou sair a torto e a direito abrindo arquivos com aquelas fotos_da_festa_JPG que eu nem sequer fui, acho que um pouco de discernimento e até ceticismo não é algo ruim, ajuda a evitar roubadas na rede. Mas me sinto livre daquela cultura do vírus de computador que falei antes, aqui sinto que posso focar no que realmente me interessa, que é a informação, o conteúdo, a aquisição e troca de conhecimento... não o vírus. Não estou dizendo que fora do Windows não existem ameaças virtuais, claro que existem, inclusive instalei o Clam e o Firestarter nos primeiros meses em que usei o Ubuntu, só pra "garantir". Percebi que num determinado ponto eles não estavam me fazendo falta, e agora eles não estão mais aqui.

   Acho legal a atitude de manter um anti-vírus com o intuito de ajudar a proteger outras máquinas que podem estar vulneráveis à eles. Felizmente não percebo muita vulnerabilidade na minha neste momento, e acho que o sistema de permissões do Linux é uma boa garantia de que minha máquina vai estar segura, até onde entendi um vírus de Linux só vai me infectar se eu teclar minha senha pra dar permissão!

   Enfim, atualmente no Ubuntu tenho uma sensação parecida com a que tinha lá no tempo do XT no que diz respeito a simplesmente usar o computador e aproveitar o conteúdo que ele tem pra me oferecer. Não vou ignorar hábitos de navegação segura, apenas não quero torná-los uma obsessão que se sobreponha ao propósito de estar navegando... Acho que é isso, e peço desculpas pelo texto longo! Grande abraço, Gláuber.
« Última modificação: 14 de Junho de 2007, 02:19 por glaubergoncalves »

Offline Mythus

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 264
  • Liga dos Dinos
    • Ver perfil
    • http://www.protopage.com/skopein
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #49 Online: 14 de Junho de 2007, 03:16 »
Mythus, em muitos pontos concordo contigo. Mas faça uma relação entre virus Tux/Win e vc chegará a uma razao 0,0000001 de malwares para qquer distro Linux. Fora o tanto de usuarios aqui do forum que clicam em tudo que existe pela frente nos orkuts da vida e ainda acessam o banco, com o java web blackdown 1.4, ou o 1.6 atualizado da Sun batidissimos, e nunca tiveram problemas.

Existe possibilidade: Sim, logico que existe.

Alguns precavidos (como nosso querido Brontossauro) se resguardam, outros não estão nem aí, concorda? Mas pare para observar o seguinte: vc nao pode clicar em nada no seu Janelas, e pode clicar a vontade no Ubuntu, por exemplo. Vc já ouviu alguém dizer que o pc com Linux travou pq estava fragmentado, pelo menos, o hd? Nem fragmentado fica, o danado  ;D

Eu seria imprudente dizer que vc está errado, muito pelo contrário. Mas a culpa disso tudo é da sua irmã, que insiste em usar IE e msn (rsrsrsrsrsrs brincadeira  ;))

Mas me diz uma coisa: o kernel do win, se é que pode-se chamar de kernel, fica no Win\System ou System32, ou por ali?  :-\ Qualquer lugar que ficarem as macros do Word podem chegar até ele. A falha está no sistema de particionamento. Em quesito segurança, a MS tinha Fat para hds até 2 Gb, Depois aumentou para a Fat32 que nem sei até qdo vai. Dai perceberam que a segurança das Fats eram lamentáveis, e incorporaram a NTFS do Win NT, mas msmo assim não é tao segura (a não ser nas propagandas do Janelas, onde ele é um sistema mais seguro que cinto de castidade  ;D) Perceberam que tbm nao estava seguro, e lançaram no Vista uma NTFS 2, que ainda não li nada a respeito. Sei te afirmar que a falha principal está ai, Mythus.

No Linux, além da partição Swap, para memoria variavel, vc escolhe entre Ext, Ext2, muitos de nós por padrao usamos Ext3, por ser melhor testada, e alguns inovadores do Kubuntu gostam de testar a Reisers. Todas esqueleto do Unix.

Além do mais, você pode ir pelo Explorer e "estragar seu pc", no Janelas. É crítica a situação, mas é fato. Para concluir meu ponto de vista, deixo aqui um link interessante, do blog de um amigo meu, dêem uma olhadinha http://ubuntudicas.blogspot.com/2007/05/o-feisty-chato-pra-cacete.html

No mais, boa sorte ai com sua irmã, Mythus.  ;) Pelo visto vc vai precisar

Desculpe as brincadeiras. Espero ter esclarecido as ambiguidades da resposta anterior
[ ]s

Primeiramente, gosto do humor, não precisa pedir desculpas.

Eu lembro do tempo que usava o Windows 3.11 e só me preocupava com arquivos .dll, .exe e .com, não ligava pros .doc ou .xls, afinal de contas, "era só texto". Virus depende do sistema, mas também depende dos recursos do sistema, do usuário e da popularidade.

Pode responder rápido, qual é o sistema mais inseguro que existe hoje? DOS[1-7], Windows9[5,8]? A imensidão de vírus nasce para qual sistema? Não é para o mais popular?. E o Mac OS X? E o Haiku, filho do BeOS? Será que eles são mais seguros do que o linux por existir poucos (ou zero) virus para eles?

Não é só uma questão de sistema. Nem mesmo do tipo de sistema de arquivos. O Fedora tem por padrão a instalação do SELinux para suprir as deficiências do sistema de permissão do ext3.

Até mesmo a política de segurança é algo importante, no Windows eu posso criar um único usuário administrador e todos os usuários serão não-administradores, não poderão nem instalar um programa, ou deletar um arquivo dentro de C:\Windows (obviamente formatado com NTFS), por outro lado, seria um desastre deixar todo mundo que usa o Ubuntu como sudoers. E quantas maldades se pode fazer num computador alheio com uma distro live num computador alheio?

Eu confesso que não uso o um OS da MS a muito tempo, mas eu lembro de um Win95  numa Curadoria, onde estagiei que era ultra seguro, não tinha anti-virus, nem firewall, nem portas usb, nem drive de disquete, nem driver de cdrom, nem plava de modem ou de rede. Era um "standalone complex". Qual o vírus que iria atingir o computador do escrivão? Não tinha nem jeito de usar um zipdrive ligado na porta paralela, porque precisaria de CDRom para instalar os drivers. Eu não acredito que seja a melhor política de segurança, mas lá era o que funcionava.

Sem fugir muito ao tópico, o Kubuntu de minha irmã, ontem, travou com o Kfind, e nesses dias o Firefox tem fechado inesperadamente, mas pior do que travar é o Kprinter que não funciona e me forçou a criar um brug report, sistemas tem problemas que vão além da fragmentação de 128Gb de partição em Fat32 ou 2Tb em NTFS ou mesmo 2Tb de ext3. Sistemas tem problemas, não é a toa que esse fórum existe e é ativo.

Já no quesito IE: minha irmã nem tem culpa, existem sites que só funcionam com o ele. O formulário de dúvidas do www.lfg.com.br, alguns menus da www.folhadirigida.com.br, o acesso ao lojista do autorizado.singer.com.br e tantos outros que é impossível ou extremamente difícil sem o IE.

Se a partição do windows estiver montada, acho que você pode achar o kernel do windows assim: find /media/hd* -iname *kernel* ;) Mas, dependendo da política de segurança (tipo de usuário/formatação da partição) da máquina com Windows, as macros do word não vão achá-lo.

Tembém vou deixar uns links para leitura de coisas que escrevi:
SELinux, falando sobre permissões.
The Windows Way, algo que eu não sei como sintetizar, mas é muito curtinho.

Fazendo uma propaganda de uma atitude louvável do Governo: http://comunidade.cdtc.org.br/ tem um curso introdutório sobre SELinux muito bom aqui.

Boa leitura!
Abraços,
_________________
Não é programador, não é hacker. Formado em Direito pela UFPb. Usuário de Linux em tempo integral: Linux User Number: 174012.

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #50 Online: 14 de Junho de 2007, 14:08 »

Eu lembro do tempo que usava o Windows 3.11 e só me preocupava com...


rsrs mais um Dino  ;D


E o Mac OS X?


O Mac OS X é uma delícia, Mythus. Estava em contato com um note da Apple de um amigo meu. Ele tem uma programação lógica para reconhecimento de voz muito bem estruturada. Pena ser em inglês. Vou contar para vcs: Ele disse pro Mac: Toc-toc e o pc respondeu, juro por Deus: Ruuuus Déeeeer? E eu perguntei q q ele disse? E meu amigo disse: Ruuuus Déeeeer, em linguagem oral inglesa, significa quem é huahuahuahua

Dai o dialogo prosseguiu: Are you fine daqui e dali....  ;D e meu amigo disse: Please, open bíbícíiiiiiii e a $#@ do Mac abriu o navegador no site da BBC, norte-americana. Eu fiquei pasmo, pois o ultimo contato que tive com PL (Programação Lógica) foi há 5 anos, e não estava tão avançada. O Mac é totalmente excelente, se é que existe algo parcialmente excelente hehe


(...) o Kubuntu de minha irmã, ontem, travou com (...)


o problema do pc de tua irmã não é hardware nem software, mas peapleware  ;D se ela trava uma distro linux, ela trava qquer coisa, bicho, concorda? huahuahuahuahuaahu brincadeira


Fazendo uma propaganda de uma atitude louvável do Governo: http://comunidade.cdtc.org.br/ tem um curso introdutório sobre SELinux muito bom aqui.

Boa leitura!


Nossa, que atitude louvável, realmente. Coloque a sugestão em Notícias para a comunidade, Mythus. Vi que vc utiliza o Fedora tbm. Pesado? Qual sua análise rápida a respeito? Obrigado pelos links. São por essas leituras de dinossauros como nós que agregamos conhecimento o suficiente para sermos "duros na queda"

Abraços, Mythus, bom trabalho pra ti. E a todos tbm t+
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline IgorM0L

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 487
  • Lokos está morto. Vamos ressucitá-lo?
    • Ver perfil
    • Yrado.net
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #51 Online: 14 de Junho de 2007, 14:19 »
Nossa.
Perto de vocês sou um Homo Sapien Sapiens mesmo...
Tenho 14 anos apenas. Comecei com Linux aos 11.
Aos 7 mexi com um 386 com 5MB de RAM com DOS.
Depois aos 8 entrei pro mundo Windows, achava um beleza! hahaha
Aos 9 comecei a programar... Delphi, VB, PHP e Pascal.
Aos 10 comecei com C, e aos 11 quiz me aventurar, aprendi assembly.
Aos 12 C++ e até um mes atras garrei na programação C e no mundo Linux. E agora Java...

Em meus 14 anos a melhor coisa que fiz com certeza foi ter conhecido o Ubuntu e vocês, meus colegas do fórum, senão até hoje estaria achando o Windows uma beleza como a maioria das pessoas...
E percebo como o conhecimento esta tão acessível, com 9 anos tive acesso a apostila de programação!

Offline IgorM0L

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 487
  • Lokos está morto. Vamos ressucitá-lo?
    • Ver perfil
    • Yrado.net
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #52 Online: 14 de Junho de 2007, 14:31 »
Um vez quase instalei o Fedora ao invés do Ubuntu.
Ele é bom tal que ubuntu? Compensa usa-lo agora?

Offline samuelbh

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 582
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #53 Online: 14 de Junho de 2007, 14:32 »
igormol, leia a análise que nosso amigo fez do Fedora ontem aqui no fórum e tire suas próprias conclusões.
Assinatura removida pela Equipe do Fórum

Offline nuno_nunes

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 328
  • Linux Ubuntu 12.04 / Windows 7 Ultimate
    • Ver perfil
    • Nuno Nunes Blog
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #54 Online: 14 de Junho de 2007, 14:56 »
Se desse para instalar o autocad no linux atraves do emulador wine eu até tirava logo o windows

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #55 Online: 14 de Junho de 2007, 15:11 »
Se desse para instalar o autocad no linux atraves do emulador wine eu até tirava logo o windows

se eu contar que, alem do fireworks e o dreamweaver, eu preciso do office, eu apanho, neh? huauhauhhua
mas é verdade, eu coleto vários arquivos do Word e preciso devolver em *.doc e, sinceramente, tem alguns recursos avançados do word que não aprendi no o ainda  :o

no serviço tenho que ficar com o Dual boot ainda

aff
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline Tota

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 14.982
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #56 Online: 14 de Junho de 2007, 15:23 »
Eu me encaixaria em qual categoria?

Meu primeiro computador ( desculpe o modernismo ), Meu primeiro cérebro eletrônico (1980 ) foi um que meu tio trouxe da Inglaterra. Chamava-se Sinclair, com um poderoso processador Zilog 80 (1 Mhz), 2 kilobytes de memória, ligado em televisor preto e branco, a unidade de fita era opcional na época e eu não tinha.....
Com ele eu rodava o sistema basic carregado em ROM e era só isto o que ele fazia. Para se colocar um programa, o mesmo tinha que ser digitado em binario, linha por linha. ainda bem que os programas eram minúsculos.

Depois disso ganhei um TRS 80, da mesma linha mas com 4k de RAM e fita cassete. Aí a coisa melhorou pacas, pois era só digitar o programa pretendido em binário e gravar em fita. Tá legal que para recuperar o programa da fita demorava uns 15 a 20 minutos isto se fosse na primeira tentativa, já que era normal só entrar na quarta tentativa. Eu ganhei junto uma fita com o sistema operacional CPM 80, (aquele que o tio Bill comprou do japones para vender para a IBM como DOS ( não DOS 1.0, só DOS ). Bons tempos, onde se compilava tudo em binário ( hoje código de máquina ).

Aí parti para um Apple II e depois para um Prológica CP-500, com gabinete do tamanho de um frigobar todo em fibra de vidro azul, monitor embutido e um ventilador ( não cooler, ventilador mesmo ) atrás. O teclado precisava de força para sua utilização, depois de meia hora digitando, as pontas dos dedos doiam pacas e eu massacrava o BASIC e fazia copias piratas de programas usando o "the magical treasure chest", que fazia um espelho do discão de 5,25 pol. para copiar no outro.

Com ele eu descobri o numero da linha particular do finado Banco Auxiliar (8632 era o numero da linha ) que era usado para carregar da matriz o saldo dos correntistas no unico terminal de atendimento( quem me deu o Numero? sra Monica, gerente da agencia que não viu problemas em fornecer o numero, pois os clientes vip tinham acesso e não era nada ilegal) e eu acessava minha conta de casa. Espetacular. aí eu descobri que se voce entrasse na conta mais de quinze vezes, o programa do banco bloqueava a linha particular por mais ou menos meia hora.
E foi a festa. eu logava e deslogava 15 vezes e deixava o banco fora do ar.
Não dava para crackear o banco, pois tudo era escriturado e enviado por malote.

Era outra vida. Depois meu pai levou o monstro para o escritório e eu tive que comprar por Mil dólares um IBM PC 286 para fazer meu mestrado.

Deixa prá la, voces nunca vão saber a minha idade, eu nasci no tempo do lançamento da aveia Ferla e do suco Yuki. Sim, tomei emulsão de Scott ( aquela do pescador com uma fieira de peixes nas costas impresso no rótulo ).

Ubuntu é mais seguro que o Windows => Sim. Como já foi dito, a base instalada é muito maior no Windows, e perder tempo em criar um virus ( dá trabalho, mesmo que seja um loop for>next que conte a um milhão para acender a luzinha do led do hd enquanto aparece na tela uma mensagem "Mamãe, o que é formatando o drive C: ?" ( eu fiz ele para sacanear a turma que tinha 286 e 386 na USP ). Não apagava o conteúdo do HD mas deixava o pessoal com diarréia.

Quando o sistema livre for maior em base instalada, podem acreditar que novas pragas vão surgir.

Computador ligado 24 horas por dia sem firewall jamais, sem logs de atividade diário idem. Um cracker tem todo o tempo do mundo para invadir o Root e modificar o sistema.

Abraços ao Fórum.
« Última modificação: 10 de Outubro de 2009, 14:26 por Tota »

Offline glaubergoncalves

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 511
  • Ubuntu User # 10537
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #57 Online: 14 de Junho de 2007, 15:38 »
se eu contar que, alem do fireworks e o dreamweaver, eu preciso do office, eu apanho, neh? huauhauhhua
mas é verdade, eu coleto vários arquivos do Word e preciso devolver em *.doc e, sinceramente, tem alguns recursos avançados do word que não aprendi no o ainda

   Elmir, é possível salvar documentos no o.o no formato .doc! Quando for salvar, é só clicar na seta que fica ao lado de Tipo de arquivo, e selecionar ali algum dos tipos de .doc. Mas realmente, quando tu for abrir ele no Word provavelmente alguma reformatação manual do documento será necessária...

Eu me encaixaria em qual categoria?

   Tota, lendo teu post, eu diria que tu fica mais ou menos por aqui...

Offline Eunir Augusto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 853
  • Embaixador do Projeto Fedora Brasil
    • Ver perfil
    • Comunidade PCLinuxOS Brasil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #58 Online: 14 de Junho de 2007, 16:01 »
owa, glauber, concordo contigo. em casa, nos trabalhos da facul utilizo somente o o (minto, to usando o Br-Office  ;D)

a questao é exatamente essa "reformatação", entendeu? tente imaginar todas as apostilas de todas as series de uma escola sendo desenvolvidas por professores no Word (todos diferentes - 97, xp, 2003, 2000, o escambal) imaginou? Dai vc pensa.. vou para o Pagemaker, mas vc tem que devolver para que todos eles façam as correções ortograficas, para depois voltar pra tua mao antes de vc gerar os pdfs e mandar para a grafica, com todas as imagens tratadas.

é complicado, bicho. tem coisa que faço a Diagramação e a comunicabilidade funciona entre os dois, é fato, mas perde em formatação, e quem manda material para gráfica precisa exatamente desses milimetros de diferença

mas vlw pela dica. fica pra quem não sabe que o open office salva por padrao arquivos *.odt, mas le e salva tbm arquivos *.doc

obrigado, glauber

[ ]s
Comunidade PCLinuxOS Brasil - Assinatura modificada a pedido do grande amigo Ricardo (rjbgbo)

Offline zoroastro

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 615
  • Membro de Honra
    • Ver perfil
Re: Ubuntu é + seguro q Windows mesmo?
« Resposta #59 Online: 14 de Junho de 2007, 16:19 »
galera, quanto pesa o FluxBox? posso rodar em live-cd? eu tenhoi um PC ruim, mas eu queria ver se ficava rápido num sempron 2600 1.8ghz de 512 de ram :P

   O Fluxbox é extremamente leve. Meu PC é o da assinatura aí abaixo, e aqui eu rodo o livecd do Fluxbuntu (que como o nome sugere usa o Fluxbox) mais-do-que-traqüilamente, é como se eu estivesse rodando do HD.

--Editado--

   zoroastro, acabei de ler tua assinatura, quanto a placa de som: esse dias comprei uma Trust SC-5100 com saída de som 5.1 (usa os drivers C-Media), é a que tá na assinatura. Custou R$ 70,00, bem mais em conta que uma Sound Blaster por exemplo. Tô gostando bastante dela, excelente qualidade de som, embora um pouco mais baixinha que a minha onboard! Pode dar uma conferida nela aqui e aqui.
pois eh cara, eu editei o meu erro de digita;ao, eu quiz dizer que nao tinha/tenho um PC ruim, tenho eh um razoavel, heheh  ;D

mas respondendo a sua pergunta, tem como baixar o FluxBuntu pronto? ou eh o que vc falou que editou do XFCE?
eu vou ver se fa;o o download pra testar mais um em Live-cd porque eu ainda nao tenho como instalar :P

sobre a placa de som, eu ainda nao sei o que vou fazer. a grana pra mim gastar com a placa de som vai ser pouca, porque eu ja to adquirindo um HD de 80.... valeu pela dica ;)


o Tota eh da pre-historia heheheh :D