Autor Tópico: Microsoft dará suporte ao Linux  (Lida 6469 vezes)

Offline AlexBR

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 391
    • Ver perfil
Microsoft dará suporte ao Linux
« Online: 03 de Novembro de 2006, 07:33 »

Meu, se for verdade... Essa é uma das melhores notícias que recebi esse ano. ;-)

Fonte: http://br-linux.org/linux/microsoft-anuncia-que-ira-promover-o-linux-se-compromete-a-nao-processar-desenvolvedores-e-mais

Microsoft anuncia que irá promover o Linux, se compromete a não processar desenvolvedores, e mais
Publicado em Qui, 2006-11-02 23:14 :: Destaque | Mercado

Mudança surpreendente é divulgada menos de 1 semana após anúncio da distribuição de Linux da Oracle.

O dia de São Nunca foi ontem, mas o anúncio só saiu hoje: a Microsoft anunciou que irá suportar o Linux e promover soluções conjuntas Windows/Linux. Mais importante do que isso: a empresa se comprometeu a não processar os desenvolvedores individuais de software livre (incluindo projetos como o Samba e o aMSN) pelo eventual uso de suas patentes. Nas palavras do anúncio oficial (http://www.novell.com/linux/microsoft/openletter.html) (o link foi enviado pelo Manoel Pinho - obrigado!), trata-se de uma promessa irrevogável da Microsoft para garantir a desenvolvedores individuais e não comerciais a liberdade de continuar desenvolvendo produtos de código aberto, sem qualquer preocupação com patentes da Microsoft. A mesma isenção se estende aos clientes de ambas as empresas envolvidas.

O anúncio complementa 6 meses de negociação entre Novell e Microsoft, e não se restringe à questão do suporte comercial e do compromisso mútuo de não processar por patentes. Outros itens incluem:

• suporte aberto no OpenOffice.org aos formatos XML do MS Office
• investimentos em virtualização, tanto de Windows no Linux quanto de Linux no Windows
• investimentos no desenvolvimento do Mono, OpenOffice.org e Samba

Os demais itens são mencionados no anúncio, cuja leitura é recomendada.

O Linux.com consultou Linus Torvalds e ele disse que havia lido rumores mais cedo em jornais online, mas não sabia de nenhum detalhe. Ainda assim, segundo ele, se a Microsoft quiser lhe enviar patches para o kernel, ele os aceitará de bom grado, desde que venham assinados.

A ZDNet lembrou que a Microsoft pode ter sentido a pressão do recente lançamento do "Linux da Oracle" e não quis deixar esta grande rival desacompanhada neste mercado. Para completar, a Novell colocou no ar uma FAQ sobre o tema.

Offline Screwball

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 11
  • Code Warrior
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #1 Online: 03 de Novembro de 2006, 08:08 »
huaHAuhAUhuaHUAHUAuahua

Boa!
Agora conta a do papagaio!  ;D
$>cd /pub && more beer && \
> cd ~ && make unzip && strip && touch && grep && \
> finger && mount && fsck && \
> more && yes && umount && sleep

Offline usifoto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 320
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #2 Online: 03 de Novembro de 2006, 11:19 »
E li isso na Folha Online

Offline daskrs

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 84
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #3 Online: 03 de Novembro de 2006, 14:18 »
Muito estranha essa noticia.. sera que o Vista ta vindo com código do linux e eles tão com medo de toma processo!?
« Última modificação: 03 de Novembro de 2006, 15:12 por daskrs »

Offline absolut1983

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 72
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #4 Online: 03 de Novembro de 2006, 14:58 »

   Ontem essa parceria foi o assunto do dia nos veículos gringos e hoje vemos a repercussão no Brasil.

   Nunca vi a MS fazer #&%$@ e não é dessa vez que vai fazer, já a Novell... não sei não.

   O termo "abraço de urso", bastante empregado no recente episódio Oracle/Red Hat, parece bastante apropriado.
Acer Aspire 5051 / AMD Turion 64, 14.1", ATI Radeon Xpress 1100, 120GB HDD, 4GB DDR2 / Karmic Koala 64 bits

Offline uplink

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 184
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #5 Online: 03 de Novembro de 2006, 15:31 »
realmente estranha essa noticia.
confiri o link da novell e é totalmente veridico esse texto,a microsoft falando sobre linux??? acordo com a novell que produz linux... uma coisa pode ter certeza... estão começando a ver que o linux ficara forte...

como todos sabemos aqui,a microsoft não quer ser amigavel com a linux,sem motivo nem um ela não iria começar a "ajudar" o linux,tem algo grandiosso por traz disso.. pode ter certeza...

mas a novell uma empresa forte produtora de linux,mas quando se fala em microsoft tudo sempre da um medo porque com o capital gigantesco que ela tem... ela as vezes compra as empresas facilmente,mas não vamos acreditar nisso,vamos ficar do lado da novell nesse caso. e esperarmos que isso de resultados grandes para gente.

a microsoft liberando serviços do .NET entre outras coisas da microsoft,e com mudanças que não serão voltadas atraz isso vai ajudar muito agente. será que a microsoft esta tentando dominar o pessoal por seu lado "generoso"? ainda não sabemos ao certo... mas de qualquer fomra aprovo concerteza essa ideia

T+
Cai fora do Forum...

Entenda o Porque !

Offline rhakkenn

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #6 Online: 03 de Novembro de 2006, 17:01 »
kra..há um tempo eu li na INFO Exame uma entrevista com o Aleksander Mandic e perguntaram pra ele sobre linux e microsoft algo assim..o kra respondeu "a Microsoft vai tentar o ganhar o maximo de dinheiro possivel, dai dpois eles viram Linux" haha..parece q o tio Mandic tava certo ;D

-Ubuntu Linux 6.06 Drapper Drake: Linux 2.6.15-27-386
-ASUS A7N8X-E DELUXE
-CPU Modelo: AMD Athlon(tm) XP 2600+ ° Velocidade: 1913.362 MHz
-768Mb DDR400/PC3200 Kingston (256+512)
-240Gb HardDisk (40+80+120)
-Samsung 793v - 17"
-Gabinete GOLDSHIP Modificado - Casemod rlz ;D

Offline ctavares

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 241
  • Linux
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #7 Online: 03 de Novembro de 2006, 17:21 »
Os passos da Microsoft sempre sao friamente calculados, talvez essa "boa ação" da MS de ontem seja os primeiros passos para uma futura mudança da arquitetura do Windows, talvez utilizando um Kernel de Linux, isso talvez para daqui a 5 ou 10 anos, quem ja leu o livro do Bill Gates sabe que os seus planejamentos e da Microsoft sao para amanha e nao para hoje.

Para quem não sabe a Microsoft é dona de parte das ações da Apple que já utiliza Kernel Linux em seu SO, ou seja, ela ja tem alguma vivencia com a utilizacao do Kernell do Linux em SO proprietário.

E eu nao estranharia que a Microsoft comprasse empresas como Novell, RedHat ou Mandriva ou quem sabe todas elas nos próximos anos.

De qualquer forma, essa noticia eu classifico como uma das melhores de 2006.
Abraço,
Carlos Tavares
Blog: http://ti-online.blogspot.com/ MSN: ctavaresjr@hotmail.com

Offline JeffersonX

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 442
  • Linux User: #364092
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #8 Online: 03 de Novembro de 2006, 17:51 »
Sei lá hein... Prefiro ficar só olhando no que vai dar. Mas tomara que seja uma mudança mesmo de pensamento dela para o bem, apesar de não acreditar muito nisso...
Linux Professional Institute Certified - Level 1, Novell CLA - Certified Linux Administrator, Microsoft Certified Professional - Windows Server 2003, ITIL Foundation Certified
Meu Blog: http://tibyjeffersonx.blogspot.com

Offline gony64

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 558
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #9 Online: 03 de Novembro de 2006, 19:12 »
hahahah! o Linux é que dará suporte a Microsoft... sacou ;) a jogada deles.?

Offline fortunato

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 18
  • Viver é muito perigoso... (Guimarães Rosa)
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #10 Online: 03 de Novembro de 2006, 19:29 »
Podem dizer que eu sou careta, que sou radical, mas não gostei dessa notícia, não. Nem um pouco.

Resumo meu sentimento em uma palavra: MEDO. Muito medo.

Pra explicar melhor, vou reproduzir um texto que traduziram e colocaram nos comentários lá no br-linux:

Citar
Novell-Microsoft: O que não está sendo dito

Bruce Perens
Quinta, 02 de novembro de 2006 16:42: 45 PST

Hoje a Novell e a Microsoft anunciaram uma parceria em que Microsoft fez algumas promessas improváveis a respeito de Linux. O que eles não estão lhe dizendo ? Primeiramente, você pode estar certo que Microsoft não ajuda um concorrente. Este anúncio pavimenta a maneira pela qual a Microsoft implementa um controle significativo sobre o uso de software livre pelo cliente comercial. E tem implicações negativas significativas para o software livre (open source) em geral.

Há dois anúncios significativos. O primeiro, que a Novell e a Microsoft estão participando em um licenciamento-cuzado de patentes e o segundo, que Microsoft está prometendo não exercer suas patentes contra os desenvolvedores não-comerciais individuais. A parte ruim é que isto permite que a Microsoft exerça suas patentes contra todos os usuários de software livre comerciais. Há também alguns pequenos bônus para a Microsoft, como a Novell ajudar a volta da Microsoft para o ODF (OpenDocument Format) e substituir por algo que a Microsoft controle.

Quando nós dizemos “comercial”, é interessante notar que há realmente poucos usuários não-comerciais: pessoas que somente usam seu computador por hobby. Comprar algo em um Web site, por exemplo, é um uso comercial. A maioria de indivíduos usam seus computadores em algum aspecto de fazer seu modo de vida. Haverá agora um trajeto aprovado pela Microsoft para que tais pessoas empreguem o software livre, uma assinatura cara do Novell SuSe Linux que custa tanto quanto ou mais do que o Microsoft Windows e que vem com uma licença de patente.

Assim, a proteção de contribuidores individuais não-comerciais significa que você pode fazer um software livre, mas se alguém realmente o utilizar para algo mais que um hobby ou em uma organização sem fins lucrativos, há uma ameaça implícita que Microsoft pode mover uma ação judicial de patente do software contra eles - a menos que sejam um cliente da Novell.

Uma das perguntas ainda a ser feitas é se a Novell violará a GPL, a licença do kernel Linux e outros softwares importantes, ao oferecer proteção de patente que é exclusiva aos clientes da Novell. A notícia oficial à imprensa indicou consideravelmente isso. Nesse tópico, o preâmbulo da GPL diz isto melhor:

Nós desejamos evitar o perigo que os redistribuidores de um programa livre obtenham individualmente licenças de patente, tornando de fato o programa proprietário. Para prevenir isto, nós tornamos claro que qualquer patente deve ser licenciada para todos que o utilizem sem pagar ou não licenciarem.

A Novell aceitou claramente essa licença. Mas parece que agora estão usando a proteção da patente como um diferencial comercial.

Mesmo se todos estivessem protegidos em relação ao software que Novell distribui, há uma tremenda coleção de software livre que eles não distribuem. Um movimento próximo lógico para Microsoft poderia ser mover ações contra “Linux não licenciado”, e “software livre não licenciado”, agora que ela pode dizer às cortes que há um caminho licenciado pela Microsoft. Ou podem apenas passivamente deixar que a ameaça permaneça lá como um impedimento a qualquer um que usar software livre sem passar pelo caminho Novell aprovado pela Microsoft.

Com este acordo, a Microsoft também assegura o auxílio da Novell para forçar uma agenda pró-patentes-de-software na Europa e em outras partes. Em um painel que eu conduzi na conferência AlwaysOn neste verão, o presidente da Novell tornou claro ser favorável a patentes de software - uma política que trabalha em detrimento de qualquer desenvolvedor de software livre que quer ter usuários sem a bênção da Novell. Você pode estar certo que estarão juntos com a Microsoft agora no encontro com legisladores e pedindo aumentos na proteção de patentes.

O momento deste acordo é significativo. Diz-se que a a Microsoft e a Novell têm trabalhado neste acordo há algum tempo e apressaram o seu anúncio para tirar a atenção do recente anúncio da Oracle e para diminuir ainda mais a Red Hat no mercado de ações. O momento do caso SCO é também significativo. Testemunho recente nesse caso revelou que a Microsoft ofereceu-se para garantir o investimento da empresa Baystar na SCO, pedindo essencialmente para a Baystar ser um testa-de-ferro através da qual a Microsoft financiou a tentativa da SCO de… cobrar royalty dos usuários de Linux. O caso da SCO está afundando, então este é o esquema seguinte da Microsoft para cobrar um royalty dos usuários de Linux e para transformar a Novell na próxima SCO. Groklaw, um jornal respeitado de legislação tecnológica, provavelmente disse melhor com seu título nesta história: Novell se vende.

Este acordo inteiro articula-se em torno de patenteamento de software - monopólios de idéias que estão enterrando a indústria do software no litígio - em vez da inovação. Se nós aprendermos uma coisa da ascensão rápida do software livre, que essa proteção da propriedade intelectual - a coisa que o software livre dispensa - impede realmente a inovação. E que esse acordo Novell-Microsoft surge como um impedimento adicional.
Fonte: http://br-linux.org/linux/microsoft-anuncia-que-ira-promover-o-linux-se-compromete-a-nao-processar-desenvolvedores-e-mais#comment-53661

E agora, José?


Offline mrbin

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 229
    • Ver perfil
    • somnium
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #11 Online: 03 de Novembro de 2006, 20:34 »
Ta aí a Microsoft manobrando para desvirtuar o movimento Software Livre. Assim como o capitalismo fez com o movimento hippie, punk, etc. Pega algo original e com ideologia e transforma em algo comercial e cobra por isso.

Notícia desanimadora.
Ubuntu user nº 4141
Since 2004

Offline ctavares

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 241
  • Linux
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #12 Online: 03 de Novembro de 2006, 23:38 »
Eu nao tenho medo, na minha opinião o Linux ja tem um tamanho que mesmo a Microsoft comprando todas as principais e primarias distribuições (Coisa que eu creio que ela jamais vá conseguir) ela nao consiga mais reverter, o modelo do software livre nao se baseia unicamente no software gratuito mas sim em uma filosofia de liberdade de escolha. Isso nao tem preço e nao tem empresa no mundo capaz de comprar.

Eu acredito mais que ela esteja visionando uma forma para continuar como a maior empresa de soluções de TI do mundo, pois o Linux é uma realidade e uma ameaça a ela.

"Entao, se nao pode contra, junte-se a ele" - Ditado popular...
Abraço,
Carlos Tavares
Blog: http://ti-online.blogspot.com/ MSN: ctavaresjr@hotmail.com

Offline .:Shadow:.

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 119
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #13 Online: 04 de Novembro de 2006, 21:17 »
Sei lá, parece estranho mas realmente essa é uma boa notícia.
Mas eu acho que a Microsoft vai tentar fazer uma mistura e logo veremos um Windows rodando em um Kernel...
Posso estar viajando, mas pra mim é o único motivo pra esse "acordo de paz".
Assinatura removida pela equipe do Fórum

Offline Intruder_A6

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 232
  • Kubuntu 14.04
    • Ver perfil
Re: Microsoft dará suporte ao Linux
« Resposta #14 Online: 05 de Novembro de 2006, 11:27 »
Eu não tenho medo, eu tenho pavor da Micro$oft se meter no software livre. Ela fazendo isto é que nem o beijo da morte no Opensource ( este artigo acima foi bem esclarecedor, e assustador ). Acho mesmo que depois disso vai ter uma tremenda caça as bruxas depois de tudo patenteado. Por sinal acho uma tremenda aberração patentear software, como é que você pode patentear idéias ??? Se isto existisse na Idade Média, ainda estariamos nela, e o pessoal do software livre iria todo para a fogueira.