Autor Tópico: Uma curiosidade sobre a atualização entre versões  (Lida 2334 vezes)

Creto

  • Visitante
Uma curiosidade sobre a atualização entre versões
« Online: 23 de Abril de 2014, 08:04 »
Olá a todos,

Como já estou acostumado a usar Debian's "sid, testing" e Manjaro Linux (arch) que tem suas versões atualizadas como rolling releases, era tentado a fazer isso no ubuntu, mas confesso que não tinha coragem.

Mas matando essa curiosidade seguindo as dicas do Tota, aqui neste tópico fiz a dita atualização entre o 13.10 para o 14.04 que me deu uns 800 e tantos MBs de pacotes a serem baixados, tudo beleza até ai.

Mas agora vem a curiosidade, que achei melhor postá-la aqui no café por se tratar de uma curiosidade e não um problema no sistema, então deixemos de trolóló e vamos ao que interessa:

O kubuntu já estava instalado em uma VM a uns dias, quase ou mais de um mês, sendo assim essa data também foi atualizada junto com a nova versão, gerando um novo arquivo "shadow", olhem:

Código: [Selecionar]
paulo@paulo-VirtualBox:~$ ls -lh /etc/shadow
-rw-r----- 1 root shadow 1,1K Abr 20 07:14 /etc/shadow
paulo@paulo-VirtualBox:~$

Será isso mesmo? O sistema entende como uma nova instalação?

Grato pelas possíveis explicações!

T+

clodoaldops

  • Visitante
Re: Uma curiosidade sobre a atualização entre versões
« Resposta #1 Online: 23 de Abril de 2014, 12:05 »
Off-tópico: Manjaro está show de bola.
Distros não roling eu só faço instalação limpa a partir dvd-pendrive.

Creto

  • Visitante
Re: Uma curiosidade sobre a atualização entre versões
« Resposta #2 Online: 23 de Abril de 2014, 15:23 »
Off-tópico: Manjaro está show de bola.
Distros não roling eu só faço instalação limpa a partir dvd-pendrive.

Concordo Clodoaldops, estou usando eles (todos: Linux) em VMs, por ainda estar sem PC e NET em casa, o Manjaro uso o OpenBox, que apenas nele tive sucesso ao não quebrar tudo ;)

Agora quanto ao tópico, notei que nada esta ruim ou com aplicativos em conflito (ou melhor) com problemas, mas ressalto que tomei a precaução de remover ppas que tinha ativo como o da versão do Gambas3 para o uso do OpenASB que por sinal descobri que o dev responsável é "paraense": antoniocientista

Apenas fiquei com a curiosidade acima, que pelo que vejo é como de fato é, uma nova instalação, porém feita sem uma mídia mas vou aguardar mais um pouco as opiniões dos feras do ubuntuforum-pt

T+