Autor Tópico: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source  (Lida 1310 vezes)

Offline hedertone

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 72
    • Ver perfil
Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Online: 11 de Fevereiro de 2013, 22:07 »
Após diversos dessabores com esta história de Secure Boot, além de tentativas de embargo da própria Microsoft na criação de chaves seguras do Secure Boot para o Kernel Linux, a Linux Foundation anunciou seu próprio sistema de inicialização segura, totalmente Open Source.

Continue lendo:

http://sejalivre.org/linux-foundation-lanca-seu-sistema-de-secure-boot-open-source/

eliseu_carvalho

  • Visitante
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #1 Online: 11 de Fevereiro de 2013, 22:10 »
Morte a essa pouca-vergonha chamada Secure Boot  >:(

Offline bmota

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.040
  • um ex-desocupado à procura de ajudar quem precisa.
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #2 Online: 11 de Fevereiro de 2013, 22:49 »
adeus secure boot  ;D ;D ;D ;D
01- pentium 4 1.8 Ghz 512 MB RAM 40 GB HD- LMDE// 02-notebook Samsung RV415 amd e300 1.3ghz 6gb RAM 320GB HD - Windows 8.1/ Linux Mint 17.2 cinnamon // skype: brandosilva
eu voltei.....

Offline alevian

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 256
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #3 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 01:18 »
Tomara que realmente haja avanços.

Estou usando o 12.04 agora em uma Virtual Box, dentro do W8. Em um Lenovo, com processador i3 de segunda geração e 4 Mb de RAM.

Claro que tive todo o trabalho de descer um Kapersky, vou ter que desembolsar dentro de 30 dias uns R$90,00 em segurança, coisa que nunca fiz na vida.

Porém, como está bem claro no tutorial do pplware, a questão do duplo boot com W8 que vem instalado em máquina nova ainda não está bem esclarecida e dá muito trabalho.

Quem sabe, doravante, todas as minhas distros do coração (Ubuntu, Debian e Mandriva / Mageia) possam trazer tudo mais facilitado para os usuários finais.

Aproveito para registrar que minha experiência com a máquina virtual tem sido melhor do que eu esperava. Pelo menos para o uso básico que faço com o micro tem sido perfeita. Leve, mesmo como o Kapersky. Nem noto que estou em uma máquina virtual.

Por enquanto, só não fiz funcionar o módulo sem fio da impressora.

Penso que seja uma ótima alternativa para estimular novos usuários.
Botar um Virtual Box no W8, juntamente com um Libre Office e permitir a nossos amigos que curtam as distros Linux, sem abrir mão do RW$8, enquanto for necessário...
« Última modificação: 12 de Fevereiro de 2013, 01:24 por alevian »
Linux User 586375

Offline Ioca100

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2.850
  • Rio,Brasil
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #4 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 07:37 »
Movido para===>Cafe com Ubuntu.
Usuário Linux- 449417

Offline haereticus

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 975
  • Xubuntu 12.04.2 x64
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #5 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 10:11 »
Até o momento a melhor noticia de 2013.

Parabéns aos idealizadores do projeto.
Notebook: Samsung 305E4A-BD1 - AMD A6-3420M (Quad Core) @2.4GHz - Radeon™ 6520G 512MB - 8GB - HD 500GB - 14” LED HD - HDMI - Bluetooth - Webcam 1.3 HD - Base CoolerMaster Notepal Ergostand - Mouse X7 Oscar 750bk 3200dpi.

Sony Xperia L - Android 4.1.2

Offline haereticus

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 975
  • Xubuntu 12.04.2 x64
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #6 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 14:01 »
Tomara que realmente haja avanços.

Estou usando o 12.04 agora em uma Virtual Box, dentro do W8. Em um Lenovo, com processador i3 de segunda geração e 4 Mb de RAM.

Claro que tive todo o trabalho de descer um Kapersky, vou ter que desembolsar dentro de 30 dias uns R$90,00 em segurança, coisa que nunca fiz na vida.

Porém, como está bem claro no tutorial do pplware, a questão do duplo boot com W8 que vem instalado em máquina nova ainda não está bem esclarecida e dá muito trabalho.

Quem sabe, doravante, todas as minhas distros do coração (Ubuntu, Debian e Mandriva / Mageia) possam trazer tudo mais facilitado para os usuários finais.

Aproveito para registrar que minha experiência com a máquina virtual tem sido melhor do que eu esperava. Pelo menos para o uso básico que faço com o micro tem sido perfeita. Leve, mesmo como o Kapersky. Nem noto que estou em uma máquina virtual.

Por enquanto, só não fiz funcionar o módulo sem fio da impressora.

Penso que seja uma ótima alternativa para estimular novos usuários.
Botar um Virtual Box no W8, juntamente com um Libre Office e permitir a nossos amigos que curtam as distros Linux, sem abrir mão do RW$8, enquanto for necessário...

Dá uma olhada aqui :

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,101765.0.html

Talvez possa lhe ajudar.
Notebook: Samsung 305E4A-BD1 - AMD A6-3420M (Quad Core) @2.4GHz - Radeon™ 6520G 512MB - 8GB - HD 500GB - 14” LED HD - HDMI - Bluetooth - Webcam 1.3 HD - Base CoolerMaster Notepal Ergostand - Mouse X7 Oscar 750bk 3200dpi.

Sony Xperia L - Android 4.1.2

Offline alevian

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 256
    • Ver perfil
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #7 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 17:21 »
Menciona a utilização do 12.10.
E quem opta por ficar, até 2014, com a 12.04?

Tomara que seja implementado algo automático.
O usuário comum não vai ficar dando tantos rolês, criando uma série de partições, alternando entre um e outro SO...
Linux User 586375

eliseu_carvalho

  • Visitante
Re: Linux Foundation lança seu sistema de Secure Boot Open Source
« Resposta #8 Online: 12 de Fevereiro de 2013, 17:30 »
Acho que, pra quem usa só um SO, isso não fará muita diferença. O brabo é pra quem faz dual boot, triboot ou, ainda, multiboot, por exemplo.