Autor Tópico: A regra V  (Lida 97514 vezes)

Offline henrycv

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 20
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #30 Online: 08 de Setembro de 2009, 16:29 »
Quando se percebe que ninguem passou pelo mesmo problema que o seu, é proibido perguntar se ao menos ja passaram por algum parecido?

Offline Ricardo Ferreira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 238
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #31 Online: 12 de Setembro de 2009, 22:26 »
Desculpem-me.

Não foi minha intenção infringir nenhuma norma do fórum, que prezo muito, na verdade não conhecia tal restrição. 

Não estava tendo problema com o programa, minha intenção foi divulgar algo que achei bastante interessante.

Não sei agora como voltar ao tema.

Vamos em frente.
Vamos lutar sempre pelo software livre!

Offline clcampos

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 10.790
  • .:: User Linux #439596 ::.
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #32 Online: 12 de Setembro de 2009, 23:03 »
Ricardo você chegou a entrar no seu tópico?

Ele esta liberado e aberto a discussão inclusive com uma postagem que foi feita após a sua.

Nestes casos trancamos apenas a mensagem de UP dando a chance do problema/dúvida ser resolvida (desde que o usuário não repita a mesma coisa no mesmo tópico).

Assim não tem como que se preocupar de voltar ao tema, pois o tópico esta aberto.

[]'s

Cristiano
« Última modificação: 12 de Setembro de 2009, 23:05 por clcampos »
Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!

Offline Ricardo Ferreira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 238
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #33 Online: 13 de Setembro de 2009, 10:49 »
Ok, entendido.

Obrigado. 8)
Vamos lutar sempre pelo software livre!

Offline Sorento

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #34 Online: 14 de Setembro de 2009, 09:04 »
ainda acho que pelo menos passado 24 horas poderia ser dado um up no tópico....
mas... como é manda quem pode e obedece quem tem juízo, tá bom do jeito que tá!

Offline supershow

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 50
  • O Pensamento Governa o Universo
    • Ver perfil
    • 999th Night
Re: A regra V
« Resposta #35 Online: 18 de Setembro de 2009, 12:50 »
Vou dar minha opinião (fazendo o post subir na pilha de mensagens mais novas)

   O caso é o seguinte: as pessoas não sabem fazer as perguntas. O fórum está inundado de perguntas repetidas ou que muitas vezes não deveriam nem estar aqui  (o cara pergunta sem nem tentar o google).
   Tem um tópico de como fazer perguntas inteligentes. Eu tento... Mas mesmo assim não consegui resposta. O que posso fazer? Conformar-me. Mesmo depois te ter refraseado uma porção de vezes a busca no google, depois de ter perguntado a alguns conhecidos. Então como última opção eu coloco um post, esperando que alguém vai ser capaz de me responder. Acho que vou usar o fórum apenas para tentar responder as dúvidas, não para sanar as minhas.
   As vezes a pessoa pensa que o post simplesmente não foi lido pelas pessoas certas (as que sabiam a resposta). Eu mesmo não gosto de responder uma pergunta que eu sei que está no google, ou na busca do fórum. Se eu fosse moderador eu saia apagando todos, ou para não ser tão bruto, trancar o tópico após responder: busque no google, use a busca do fórum. O fórum deveria ser para problemas que não são resolvidos convencionalmente; que  exigem discussão; dúvidas estruturais de idéias que se quer implementar, mas que não se pode simplesmente testar sem avaliação/discussão com gente mais informada. Responder cada bobagem que um novato coloca é de lascar. O ubuntu arruma um usuário novo por dia (bem mais eu sei), então se ele não sabe fazer login pois o windows piratão dele não tinha isso eu não vou perder tempo explicando.
   As vezes o que acho é que devia ter porte feito arma, ou habilitação feito carro, pra usar computador. Enquanto computador não atender a pensamento não vai ter jeito do cara fazer algo sem ter de estudar o mínimo. Mas o tema não é esse. O tema é o seguinte: tem mensagem que ainda está sem resposta e o cara não sabe mais pra onde ir - se for algo que não impeça de usar o sistema ele vai continuar usando, senão vai voltar para o windows.
   Um up numa mensagem que não me parece o fim, se tivessemos perguntas não triviais, mas a galera acha que aqui é suporte técnico: liga, pergunta e alguém vai dizer que aquilo é um leitor de CD/DVD não um porta copos.
   Resumindo minha opinião: se não tivessem tantas perguntas repetidas, não teria problema em dar up.
   
Ubuntu 10.04

Offline FLuiz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 6
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #36 Online: 18 de Setembro de 2009, 20:46 »
Caro supershow, o seu post é por demais interessante porque toca em pontos que alguns ou talvez muitos não querem ver e entender, principalmente, no que tange a filosofia do Linux e a suposta “superioridade” de usuários mais experientes que, em meu ponto de vista, nesta hipótese específica, não conseguem, estes conceitos viver no mesmo ambiente, veja só.

“O caso é o seguinte: as pessoas não sabem fazer as perguntas. O fórum está inundado de perguntas repetidas ou que muitas vezes não deveriam nem estar aqui (o cara pergunta sem nem tentar o google).”

Em primeiro lugar, o fórum é irrestritamente aberto a todos os usuários do Ubuntu (experientes, novatos ou muito novatos), motivo pelo qual, as vezes, para se fazer a pergunta é necessário entender o problema. E, como o novato ou o muito novato vai entender o problema se apenas iniciou-se no sistema?

Vc cita a pesquisa no google. Sem mencionar novamente o conceito de entender o problema para, segundo o seu entendimento “fazer a pergunta certa”, causou-me curiosidade, logo abaixo, vc afirmar que,

 “Tem um tópico de como fazer perguntas inteligentes. Eu tento... Mas mesmo assim não consegui resposta. O que posso fazer? Conformar-me. Mesmo depois te ter refraseado uma porção de vezes a busca no google, depois de ter perguntado a alguns conhecidos. Então como última opção eu coloco um post, esperando que alguém vai ser capaz de me responder.”

Não sei porque a sua afirmação de “tópico de perguntas inteligentes” me lembra o filme “zoolander”. Mas, olhe só, vc mesmo afirma que após pesquisar no google, perguntar a amigos, só lhe resta colocar o post. Então como vc acha que que os novatos vão se virar ? Diferentemente de vc que tem experiência ? Ficar aguardando migalhas cairem da mesa dos “mais inteligintíssimos” (lembrei de zoolander de novo) ? Não, vão colocar o seu post e esperar resposta.

“ Acho que vou usar o fórum apenas para tentar responder as dúvidas, não para sanar as minhas.”

Boa idéia, irá, com certeza aumentar a produtividade do fórum e ajudar a manter os novatos e os muito novatos.

“As vezes a pessoa pensa que o post simplesmente não foi lido pelas pessoas certas (as que sabiam a resposta). Eu mesmo não gosto de responder uma pergunta que eu sei que está no google, ou na busca do fórum.”

“Se eu fosse moderador eu saia apagando todos, ou para não ser tão bruto, trancar o tópico após responder: busque no google, use a busca do fórum.”

Falando em nome dos novatos (sem qualquer autorização), agradeço a Deus por vc não ser moderador.


“O fórum deveria ser para problemas que não são resolvidos convencionalmente; que exigem discussão; dúvidas estruturais de idéias que se quer implementar, mas que não se pode simplesmente testar sem avaliação/discussão com gente mais informada. Responder cada bobagem que um novato coloca é de lascar.”

Nooooossssaaaaa, preciso assistir de novo o “zoolander”. Então está certo, fazemos assim, para participar de fórum tem que ter carteirinha de especialista. Ademais, o problema não é responder as “bobagens” dos novatos (até porque uma das caracteristicas do novato é realmente escrever bobagens, até se fosse diferente não seria novato ou não precisaria perguntar nada, né não companheiro?). Mas, ler as bobagens que os mais sábios escrevem. Ou melhor, reformulando o pensamento, em nenhum dos casos precisa-se fazer nada, nem ler e nem responder, não é verdade?

“O ubuntu arruma um usuário novo por dia (bem mais eu sei), então se ele não sabe fazer login pois o windows piratão dele não tinha isso eu não vou perder tempo explicando.”

Falando em bobagens, quer dizer que se o os SO´s (linux e Windows) são diferentes e o novato não tem esse conhecimento de manuseio não merece resposta ? Ainda, se o sujeito tem Windows, obrigatoriamente ele é piratão ?

“As vezes o que acho é que devia ter porte feito arma, ou habilitação feito carro, pra usar computador. Enquanto computador não atender a pensamento não vai ter jeito do cara fazer algo sem ter de estudar o mínimo. Mas o tema não é esse.”

Que tal licença de uso ? Que tal criarmos castas ? Aproveitando a novela que se acabou, teremos os daliths (é assim que se escreve ?) do Linux.

“O tema é o seguinte: tem mensagem que ainda está sem resposta e o cara não sabe mais pra onde ir - se for algo que não impeça de usar o sistema ele vai continuar usando, senão vai voltar para o windows.”

Curiosamente concordo com vc, por isso, os mais “inteligentíssimos” e que tem compromisso com a popularização do SL, principalmente, puxando a brasa para a nossa sardinha, o Ubuntu, é que tem que ter mais tolerância com os novatos.
 
“Um up numa mensagem que não me parece o fim....”

Concordo mais uma vez com vc. Mas, acho que, por enquanto, a solução adotada pelo fórum de mandar para a quarentena apenas a mensagem com o UP, é ideal, até o momento que o Ubuntu seja mais popularizado, quando então, por certo os problemas dos novatos vão estar resolvidos, com mil e uma formas de auxílio (como existe com o Windows, que há tempos atrás chamava de Ruindows e hoje eveluindo o pensamento, prefiro respeitar as características boas deste sistema, mesmo que com várias e várias mazelas).

“....., se tivessemos perguntas não triviais, mas a galera acha que aqui é suporte técnico: liga, pergunta e alguém vai dizer que aquilo é um leitor de CD/DVD não um porta copos.”

Triviais para quem ? Para vc ? Ok, vamos trocar algumas informações sobre transcendência processual para efeitos de recurso em instância máxima, digamos, em sede trabalhista ? Ok ? Vamos lá ? Faça a sua pergunta especializada.

“Resumindo minha opinião: se não tivessem tantas perguntas repetidas, não teria problema em dar up.”

Não companheiro, se vc não percebeu a regra não é para impedir perguntas repetidas mas, para evitar que se use deste expediente para dar maior visibilidade à questão feita em detrimento de outras. Aliás, este conceito consta expressamente na regra. Vc não leu ?

Compreenda, não estou atacando a sua opinião, respeito-a e vou defender o seu direito em manifestá-la, até porque o seu direito é o de todos nós mas, expressando a minha discordância quanto a ela, pelo menos nos conceitos que vc explanou. Devemos nos lembrar que o Linux é minoria esmagadora entre os usuários comuns e que ele faz o caminho inverso do Windows, ou seja, veio dos centros acadêmicos (estes sim, especialistas), para o povão, enquanto o outro, veio do povão para tentar se estabelecer nos “mainframes” etc. Assim, um tem conceito mais voltado para os conhecedores e o outro para os novatos que escrevem bobagens, fatos estes que a popularização do Linux visa suplantar, e que, com certeza, dada a qualidade do sistema, se os “inteligentíssimos” permitirem vai acontecer.

  al salam aleikum

Offline supershow

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 50
  • O Pensamento Governa o Universo
    • Ver perfil
    • 999th Night
Re: A regra V
« Resposta #37 Online: 19 de Setembro de 2009, 16:52 »
Sinceramente, alguém pode me explicar: qual a utilidade de um monte de perguntas repetidas?

O que está em questão não é o esteriótipo dos usuários Linux. O que discuto é que acho que não há proveito em um monte de perguntas repetidas. Se alguém vê me aponte para eu tentar um outro ponto de vista.

Meu posicionamento é que não seria necessário impedir manutenção da visibilidade do post, essa proibição poderia ser relaxada. Para manter a organização bastaria que houvesse uma moderação mais criteriosa.

Digo isso pois não vejo benefício em responder um tópico repetido, nem com a resposta, nem com uma indicação para usar o Google, ou a engine de busca do fórum. Desse modo está se alimentando uma prática indesejável.

É claro que as pessoas tem o direito a livre expressão, mas quando a pessoa entra no fórum ela deve se sujeitar as regras de conduta. Não podemos esperar que as pessoas tenham bom senso, mas é possível moderar os excessos de modo a resumir o conteúdo postado a um conjunto mais produtivo.

Resumindo...
Minha dúvida: qual é o benefício de responder perguntas repetidas?
Minha sugestão: Abrandar a proibição de manutenção da visibilidade de um post
Como evitar desordem: Moderar com mais critério, fechando ou mesmo retirando posts com perguntas de conteúdo repetido.
Ubuntu 10.04

Offline Tota

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 14.987
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #38 Online: 19 de Setembro de 2009, 22:14 »
Ola supershow

Citar
Como evitar desordem: Moderar com mais critério, fechando ou mesmo retirando posts com perguntas de conteúdo repetido.

Vamos olhar por outra ótica.

Um usuario novo no sistema + um forum oficial da distribuição.

Nós moderadores/administradores somos quem "carregam o piano", seria maravilha simplesmente clicar em "excluir este post"

Rápido, simples e indolor para o administrador/moderador no primeiro momento. Depois vêm as mensagens pessoais de protesto que somente nós podemos ler.

voltando então ao usuario novo no sistema + um forum oficial da distribuição, estaríamos sendo elitistas demais em deletar uma mensagem pelo simples fato de ser repetida.

Muitas vezes, o desconhecimento do sistema operacional leva a topicos do tipo => meu computador travou.

simplesmente, o usuario não teve a noção de que existem N computadores, com X configurações e Y tipos de travamentos diferentes.

Se fomos observar outros foruns pela rede, com palavões, pirataria, flames, etc. o nosso é até meio "careta"( ô termo antigo )

Só para ter uma idéia, hoje eu já intervi em seis denuncias administrativas no forum. Isto lembrando que nosso tempo aqui é limitado, somos voluntários, e eu pelo menos,gostaria muito de jogar tudo pela janela de vez em quando.

como um forum de discussão e de idéias, topicos duplicados e topicos não respondidos sempre estarão presentes, é inevitável.

Decerto não descarto sua opinião, mas o lado de cá do balcão nos dá uma outra realidade.

[],s

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #39 Online: 12 de Outubro de 2009, 14:51 »
Respondi a mim mesmo no tópico que criei:
"Ninguém sabe? Vou ter que reinstalar??"

E recebi a resposta que ela foi movida pra quarentena, pois:
 "Caro usuário dar um "UP" no tópico é vetado pelas Regras de Utilização do Fórum."

Quer dizer que se ninguém responder a minha pergunta, eu fico na mão? Em outras palavras, se ninguém responde, não tenho mais direito de perguntar novamente a mesma pergunta neste fórum?
Tenho que achar outro?

Offline Felix

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 3.019
    • Ver perfil
    • Alexsandro Felix
Re: A regra V
« Resposta #40 Online: 12 de Outubro de 2009, 14:55 »
Leu este tópico aqui desde o início para ver o que pode ser feito?

Veja por exemplo a resposta do clcampos logo no início deste tópico:
http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,45048.msg266805.html#msg266805

destaco aqui uma parte citada por ele que é bem interessante:
Citar
Portanto caso você coloque uma dúvida e não tenha resposta você pode postar no tópico as tentativas que executou para tentar resolver o problema, as conseqüências dessas tentativas, ou os tutoriais que tentou e o que aconteceu.

Assim você mostra que não esta apenas esperando que as pessoas resolvam os problemas para você, e que esta empenhado também na solução (como eu disse o maior interessado é quem postou a dúvida/problema, e que ninguém tem obrigação de ajudar), aumentando assim a possibilidade de ter pessoas para te ajudar, e também 'puxando seu tópico novamente para cima' de uma forma justa e com conteúdo relevante.

Já imaginou se todos dessem um 'up' nos seus tópicos? Quantas mensagens desnecessárias? Quantas mensagens sem conteúdo relevantes iriam ser trazidas para o fórum?

Espero que tenha sido claro.

Grato pela compreensão.

Felix

Offline Sersalle

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 86
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #41 Online: 12 de Outubro de 2009, 14:56 »
@max064

Olha...como você deve estar careca de saber: Ninguém aqui é obrigado a ajudar.

Porém as pessoas aqui se ajudam, porque querem ajudar e ser ajudadas, e lhe garanto que se seu tópico não foi respondido é porque não encontraram uma solução.


Dica: Dê uma olhada a sua volta, e mande uma mensagem pessoal para algum membro bem experiente relatando seu problema, e com certeza ele irá lhe indicar um tópico lhe ajudando, ou irá tentar te ajudar...e consequentemente responderá ao seu tópico.

Offline Felix

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 3.019
    • Ver perfil
    • Alexsandro Felix
Re: A regra V
« Resposta #42 Online: 12 de Outubro de 2009, 14:59 »
(...)
Dica: Dê uma olhada a sua volta, e mande uma mensagem pessoal para algum membro bem experiente relatando seu problema, e com certeza ele irá lhe indicar um tópico lhe ajudando, ou irá tentar te ajudar...e consequentemente responderá ao seu tópico.

Particularmente eu sou contra MP pedindo ajuda, eu tento respondê-las o mais educadamente possível indicando à pessoa para que use a Pesquisa do fórum para tentar encontrar a solução. porque respondendo através de MP teríamos que responder à mesma pergunta diversas (ou centenas) de vezes, enquanto que nos tópicos estamos ajudando o maior número de usuários possível.

Offline max064

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 39
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #43 Online: 12 de Outubro de 2009, 15:34 »
Citar
Leu este tópico aqui desde o início para ver o que pode ser feito?


Li, mas sinceramente não vi uma resposta que veja a situação sob o ponto de vista do usuário.


Citar
caso você coloque uma dúvida e não tenha resposta você pode postar no tópico as tentativas que executou para tentar resolver o problema

Sou experiente no Windows e já conheço essas dicas. Tanto que ao criar qualquer tópico, eu digo tudo que já tentei e não funcionou.

Em relação ao "ninguém tem obrigação de ajudar", que muitos dizem, está claro que ninguém tem obrigação, mas quando estamos num fórum, supomos que vamos receber ajuda.
O objetivo de qualquer fórum é a troca de informações. No caso deste, se no fórum oficial da distribuição ninguém responde, como se pode dizer que o Linux é fácil?
E pior, quando o google não mostra algo relevante.

Exemplo: gvfs. O que é isso?
"impossível acessar `/home/max/.gvfs'".

Se digitamos no google: "gvfs ubuntu"(sem aspas), não aparece uma mísera página pra explicar o que significa.

Qualquer usuário vai certamente, e com razão, dizer que o Linux é complicado. E aí começam as farpas entre Windows e Linux.




« Última modificação: 12 de Outubro de 2009, 15:37 por max064 »

Offline Kamei Hyoga

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 1.095
  • Ubuntu 11.04
    • Ver perfil
Re: A regra V
« Resposta #44 Online: 13 de Outubro de 2009, 00:45 »
Citar
Leu este tópico aqui desde o início para ver o que pode ser feito?


Li, mas sinceramente não vi uma resposta que veja a situação sob o ponto de vista do usuário.


Citar
caso você coloque uma dúvida e não tenha resposta você pode postar no tópico as tentativas que executou para tentar resolver o problema

Sou experiente no Windows e já conheço essas dicas. Tanto que ao criar qualquer tópico, eu digo tudo que já tentei e não funcionou.

Em relação ao "ninguém tem obrigação de ajudar", que muitos dizem, está claro que ninguém tem obrigação, mas quando estamos num fórum, supomos que vamos receber ajuda.
O objetivo de qualquer fórum é a troca de informações. No caso deste, se no fórum oficial da distribuição ninguém responde, como se pode dizer que o Linux é fácil?
E pior, quando o google não mostra algo relevante.

Exemplo: gvfs. O que é isso?
"impossível acessar `/home/max/.gvfs'".

Se digitamos no google: "gvfs ubuntu"(sem aspas), não aparece uma mísera página pra explicar o que significa.

Qualquer usuário vai certamente, e com razão, dizer que o Linux é complicado. E aí começam as farpas entre Windows e Linux.






Sem querer "botar lenha na fogueira"... pesquisei agora por gvfs e o primeiro link é: http://en.wikipedia.org/wiki/GVFS

Sobre "ninguém responder", leve em consideração que aqui é um fórum oficial da comunidade e reconhecido pela Canonical (se estiver falando besteira, alguém me corrija).

Tenho vários tópicos que até hj não tenho resposta e continuo frequentando o fórum diáriamente, várias vezes ao dia.

Muitas vezes as pessoas simplesmente não sabem a resposta. Eu entro em vários tópicos aqui, mas respondo poucos, pq não sou "técnico" (e nem precisa ser, na verdade). Só respondo o que eu acho que posso realmente ajudar ou que sei que uma pesquisa simples, já ajuda.

Recentemente eu perguntei sobre ids de resposta no glade ( http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,53744.0.html ) e não fui respondido (pode ver que até tentaram), mas nesse meio tempo não deixei de pesquisar o assunto, até eu mesmo achar a resposta e postar lá e resolver eu mesmo.

Nada na vida é complicado se vc sabe perguntar, pesquisar, perseverar (sic) na pesquisa e entender as respostas.