Autor Tópico: Ponto de montagem  (Lida 2133 vezes)

Offline Weliton Oliveira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #15 Online: 16 de Julho de 2017, 13:27 »

[...] , simplesmente faria uma reinstalação completa, começando do zero, até vale como um bom treino.

Apenas não esqueça nunca que o alvo é sda5.

Não tô conseguindo fazer uma reinstalação! Toda vez que tento usar o live-dvd aparece uma janela em inglês dizendo que o Ubuntu 17.04 encontrou um erro interno! E depois de segundos, o mouse e o teclado param de funcionar! Aí sou obrigado a desligar o Notebook na marra: pelo botão "Power"!

Erro interno:
http://funkyimg.com/i/2vscH.jpg


« Última modificação: 16 de Julho de 2017, 13:28 por Weliton Oliveira »

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #16 Online: 16 de Julho de 2017, 18:32 »
Não tô conseguindo fazer uma reinstalação! Toda vez que tento usar o live-dvd aparece uma janela em inglês dizendo que o Ubuntu 17.04 encontrou um erro interno! E depois de segundos, o mouse e o teclado param de funcionar! Aí sou obrigado a desligar o Notebook na marra: pelo botão "Power"!

Erro interno:
http://funkyimg.com/i/2vscH.jpg

Curioso, e esse é o mesmo pendrive que instalou normalmente da primeira vez?

Bem, verifique se não corrompeu algum arquivo, pendrive tem dessa, é uma media instável.

Abra uma janela de terminal (teclas Ctrl Alt T acionadas simultaneamente), vá para dentro do pendrive

Normalmente, no Ubuntu, o pendrive quando plugado é montado dentro do diretório /media/username/id_ou_label_do_pendrive

O 'username' no caso acima é a usuário real do seu sistema, no seu caso possivelmente weliton e o id ou  label do pendrive é só ver estando dentro do diretório em questão, ou seja, aí é apenas uma questão de se movimentar pelos diretórios através da linha de comando usando o cd (=change directory).

Genericamente (supondo que o usenarme seja mesmo weliton, se não for altere para o caso concreto):

cd /media/weliton

ls  #irá mostrar o que há dentro do diretório, no caso o subdiretório com o id ou label

o ls (letra ele mais letra esse) serve para listar o conteúdo de um diretório

então (já estando dentro de /media/weliton):

cd id_ou_label_pendrive

(lembre-se que, no Linux, caracteres maiúsculos [=caixa alta] são diferentes de minúsculos [=caixa baixa])

Faça um novo ls e observe o que há dentro do pendrive.

Observe que dentre vários arquivos há um de nome md5sum.txt.
Se estiver "vendo" de fato esse arquivo então você está no lugar certo.
Então agora faça:

Código: [Selecionar]
md5sum -c md5sum.txt | grep -v "OK$"
(obs: não precisa realmente digitar códigos como o acima, basta marcar com o mouse e copiar aqui no tópico e depois colar no terminal usando o botão direito do mouse ou ainda as teclas Ctrl Shift V)

Você irá ver uma execução seguida de verificação dos vários arquivos da .iso gravada no prendrive, cada linha seguida da palavra SUCESSO.

Algo aproximadamente assim:

Citar
/pool/main/d/dkms/dkms_2.2.0.3-1.1ubuntu5_all.deb: SUCESSO
./pool/main/f/fakeroot/libfakeroot_1.20-3ubuntu2_amd64.deb: SUCESSO
./pool/main/f/fakeroot/fakeroot_1.20-3ubuntu2_amd64.deb: SUCESSO
./.disk/info: SUCESSO
./.disk/base_installable: SUCESSO
./.disk/casper-uuid-generic: SUCESSO
./.disk/cd_type: SUCESSO
./.disk/release_notes_url: SUCESSO
./EFI/BOOT/BOOTx64.EFI: SUCESSO
./EFI/BOOT/grubx64.efi: SUCESSO
./boot/grub/x86_64-efi/chain.mod: SUCESSO
[...]

É uma longa lista, mas todas as saídas deverão conter a palavra SUCESSO, caso contrário aparecerá uma mensagem de erro em alguma linha cujo arquivo tenha sido gravado com erro e também no final.

Essa é a garantia de que o conteúdo do pendrive contendo a iso está correto.
« Última modificação: 16 de Julho de 2017, 18:39 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline Weliton Oliveira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #17 Online: 16 de Julho de 2017, 20:29 »

[...] Bem, verifique se não corrompeu algum arquivo, pendrive tem dessa, é uma media instável.
Abra uma janela de terminal (teclas Ctrl Alt T acionadas simultaneamente), vá para dentro do pendrive
Normalmente, no Ubuntu, o pendrive quando plugado é montado dentro do diretório /media/username/id_ou_label_do_pendrive

cd /media/weliton
ls  #irá mostrar o que há dentro do diretório, no caso o subdiretório com o id ou label
então (já estando dentro de /media/weliton):

cd id_ou_label_pendrive

Faça um novo ls e observe o que há dentro do pendrive.

Observe que dentre vários arquivos há um de nome md5sum.txt.
Se estiver "vendo" de fato esse arquivo então você está no lugar certo.
Então agora faça: [...].



Não foi um pendrive, foi um dvd.
Não estou conseguindo abrir o drive de DVD! Veja o que fiz no terminal (no final há um link para um print do terminal):

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ cd media
bash: cd: media: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ cd /media
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ ls
weliton
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ ls -lis
total 4
1595866 4 drwxr-x---+ 3 root root 4096 jul 16 19:34 weliton
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd/weliton
bash: cd/weliton: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd /weliton
bash: cd: /weliton: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd /weliton
bash: cd: /weliton: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd /weliton
bash: cd: /weliton: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ /weliton/Ubuntu 17.04amd64
bash: /weliton/Ubuntu: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd..
cd..: comando não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media$ cd ..
weliton@weliton-Lenovo-G460:/$ cd /media/weliton
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls
Ubuntu 17.04 amd64
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls -lis
total 2
1280 2 dr-xr-xr-x 1 weliton weliton 2048 abr 12 00:43 Ubuntu 17.04 amd64
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls
Ubuntu 17.04 amd64
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls -lis
total 2
1280 2 dr-xr-xr-x 1 weliton weliton 2048 abr 12 00:43 Ubuntu 17.04 amd64
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd Ubuntu 17.04 amd64
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04 amd64
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd Ubuntu 17.04amd64
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64 dvd
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64.dvd
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64 pendrive
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64.pendrive
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd Ubuntu 17.04amd64.pendrive
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd Ubuntu 17.04amd64 pendrive
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls cd Ubuntu 17.04amd64
ls: não é possível acessar 'cd': Arquivo ou diretório não encontrado
ls: não é possível acessar 'Ubuntu': Arquivo ou diretório não encontrado
ls: não é possível acessar '17.04amd64': Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd_ Ubuntu_17.04amd64
Comando 'cd_' não encontrado, você quis dizer:
 Comando 'cde' do pacote 'cde' (universe)
 Comando 'cdv' do pacote 'codeville' (universe)
 Comando 'cdp' do pacote 'irpas' (multiverse)
 Comando 'cd5' do pacote 'cd5' (universe)
 Comando 'cdo' do pacote 'cdo' (universe)
 Comando 'cdb' do pacote 'tinycdb' (main)
 Comando 'cdi' do pacote 'cdo' (universe)
 Comando 'cdw' do pacote 'cdw' (universe)
cd_: comando não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd_Ubuntu_17.04amd64
cd_Ubuntu_17.04amd64: comando não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu_17.04amd64
bash: cd: /Ubuntu_17.04amd64: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls #
Ubuntu 17.04 amd64
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu_17.04amd64
bash: cd: /Ubuntu_17.04amd64: Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ls cd Ubuntu 17.04amd64
ls: não é possível acessar 'cd': Arquivo ou diretório não encontrado
ls: não é possível acessar 'Ubuntu': Arquivo ou diretório não encontrado
ls: não é possível acessar '17.04amd64': Arquivo ou diretório não encontrado
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd Ubuntu 17.04amd64 pendrive
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64.dvd
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64 dvd
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64 dvdr
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ cd /Ubuntu 17.04amd64.dvdr
bash: cd: número excessivo de argumentos
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$ ^C
weliton@weliton-Lenovo-G460:/media/weliton$

Os comandos acima também se encontram aqui (mais organizados e com cores):
http://funkyimg.com/i/2vsSj.jpg

Estou desconfiado que queimei a .iso errada! Acho que deveria ter baixado a .iso "i386" (32bits) da Intel, pois o processador (x64) do meu notebook é da Intel!
« Última modificação: 18 de Julho de 2017, 01:19 por Weliton Oliveira »

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #18 Online: 16 de Julho de 2017, 22:07 »
Eita, vamos mais devagar.  :)

Tudo que eu disse no post anterior era na presunção de que se tratava de um pendrive.
Em se tratando de um dvd-rom nada daquilo vale, aí é outra forma de conferir, mas já é mais difícil que tenha se estragado a media do dvd-rom.
A menos que o cdrom tivesse caído de bico e riscado fortemente para estragar ou que fosse uma media física muito antiga mesmo, que molhou, pegou sol, calor excessivo ou já estivesse esfarelando de tão velha que fosse.  :)

Isso posto, parece que seu computador é um Lenovo G460.

Trata-se de uma máquina nova, seguraramente o processador é 64-bit, então irá funcionar sem nenhum problema com o iso ubuntu-17.04-desktop-amd64.iso (ou qualquer outra iso amd64.iso), como aliás já funcionou na primeira instalação que fez.

Não é necessário e nem mesmo adequado baixar a iso i386, que é para sistemas 32-bit.

Só se usa i386, isto é, uma arquitetura 32-bit quando o sistema possui 2GB ou menos de memória RAM para tentar otimizar o uso da pouca memória ram existente (mas também mesmo com 2GB funciona no 64-bit) ou ainda se fosse um computador muito antigo, mas muito antigo mesmo, em que o processador não tivesse as instruções para 64-bit, algo aí como um computer com mais de 15 anos de idade, daí para diante, o que certamente não é o seu caso.

Ainda assim, se quiser conferir se a media do cdrom está íntegra, também é possível fazer.

Quando se inicia o boot usando um cdrom aparece essa tela:



Aí escolhe a opção da terceira linha daquela tela, que é:

Verificar se há defeitos no disco



« Última modificação: 16 de Julho de 2017, 22:15 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #19 Online: 16 de Julho de 2017, 22:26 »
Mas como no seu sistema **já tem o Ubuntu instalado** e funcionando, então também pode conferir o cdrom a partir dele.

Coloque o cdrom na bandeja.

Abra uma janela de terminal.

Faça esse comando:

Código: [Selecionar]
isoinfo -d -i /dev/cdrom | grep size
Você deverá obter uma saída semelhante a isso, embora os números possivelmente sejam diferentes, aqui é apenas um exemplo usando um dvd-rom do ubuntu-14.04-desktop-amd64.iso:

Volume set size is: 1
Logical block size is: 2048
Volume size is: 493568

Dessa saída acima nos interessa os dados 'Volume set size' que no caso do exemplo aqui está assinalado como sendo 2048 e ainda 'Volume size', no caso aqui está marcando como sendo 493568.

Execute então o seguinte comando (substituindo no caso concreto aí existente os números conforme você os apurar no comando anterior):

Código: [Selecionar]
dd if=/dev/cdrom bs=2048 count=493568 conv=notrunc,noerror | md5sum
Demora um pouco para executar, coisa de uns 3 minutos talvez, pois a unidade de cd-dvd-rom é bem mais lenta que o disco rígido, ao final será obtida uma saída semelhante a isso (mesmo formato, outros números conforme o caso concreto):

493568+0 registros de entrada
493568+0 registros de saída
dccff28314d9ae4ed262cfc6f35e5153  -
1010827264 bytes (1,0 GB) copiados, 179,776 s, 5,6 MB/s

O número dccff28314d9ae4ed262cfc6f35e5153 acima é o checksum number, isto é, o número hash, de controle.

Vá agora lá na página do Ubuntu hashes, como já dito anteriormente disponível em:

https://help.ubuntu.com/community/UbuntuHashes

e, usando o Ctrl+F compare o número obtido com o lá existente.

Se estivem iguais o cdrom está íntegro, se estiver difente, então é porque o cdrom estragou, faça outro.  :)
« Última modificação: 16 de Julho de 2017, 22:28 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline Weliton Oliveira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #20 Online: 18 de Julho de 2017, 00:52 »

Coloque o cdrom na bandeja.
Código: [Selecionar]
isoinfo -d -i /dev/cdrom | grep size
Você deverá obter uma saída semelhante a isso, embora os números possivelmente sejam diferentes, aqui é apenas um exemplo usando um dvd-rom do ubuntu-14.04-desktop-amd64.iso:

Volume set size is: 1
Logical block size is: 2048
Volume size is: 493568

Execute então o seguinte comando (substituindo no caso concreto aí existente os números conforme você os apurar no comando anterior):
Código: [Selecionar]
dd if=/dev/cdrom bs=2048 count=493568 conv=notrunc,noerror | md5sum
493568+0 registros de entrada
493568+0 registros de saída
dccff28314d9ae4ed262cfc6f35e5153  -
1010827264 bytes (1,0 GB) copiados, 179,776 s, 5,6 MB/s

O número dccff28314d9ae4ed262cfc6f35e5153 acima é o checksum number, isto é, o número hash, de controle.
Vá agora lá na página do Ubuntu hashes, como já dito anteriormente disponível em:
https://help.ubuntu.com/community/UbuntuHashes
e, usando o Ctrl+F compare o número obtido com o lá existente.
Se estivem iguais o cdrom está íntegro, se estiver difente, então é porque o cdrom estragou, faça outro.  :)

Executei todos esses comandos e o hashe obtido é exatamente  igual a .iso queimada: Ubuntu 17.04 desktop amd64:

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ isoinfo -d -i /dev/cdrom | grep size
Volume set size is: 1
Logical block size is: 2048
Volume size is: 785664
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ dd if=/dev/cdrom bs=2048 count=785664 conv=notrunc,noerror | md5sum
18cc54af55d7ca931bbb8588e8d9c1bd  -
785664+0 registros de entrada
785664+0 registros de saída
1609039872 bytes (1,6 GB, 1,5 GiB) copiados, 270,346 s, 6,0 MB/s
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$

Site onde fiz a comparação:
http://www.ubuntubuzz.com/2017/04/how-to-verify-ubuntu-iso-image-checksum.html
ou:
http://funkyimg.com/i/2vuR3.jpg

Bem, estando o dvd bom, então porque não estou conseguindo reinstalar o Ubuntu?

Quanto a memória swap (questão ainda não resolvida), acho que ela está ativa sim, pois ao pôr o mouse em cima de um dos HDs que ficam do lado esquerdo do monitor (vide imagem abaixo, no link), aparece escrito o nome que dei para essa partição quando usei o GParted: ubuntuSwap:

http://funkyimg.com/i/2vuRo.jpg


Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #21 Online: 18 de Julho de 2017, 03:37 »
Quanto a memória swap (questão ainda não resolvida), acho que ela está ativa sim, pois ao pôr o mouse em cima de um dos HDs que ficam do lado esquerdo do monitor (vide imagem abaixo, no link), aparece escrito o nome que dei para essa partição quando usei o GParted: ubuntuSwap:
http://funkyimg.com/i/2vuRo.jpg

Sim, está ativa, apenas que também criptografada, pois o restante do sistema também está, o que seria um furo de segurança se a swap não estivesse igualmente criptografada.

Porém essa questão tornou-se secundária na medida em que a ideia é reinstalar o sistema da forma normal, mais simplificada ao manuseio e aprendizado.
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #22 Online: 18 de Julho de 2017, 03:46 »
Executei todos esses comandos e o hashe obtido é exatamente  igual a .iso queimada: Ubuntu 17.04 desktop amd64:
18cc54af55d7ca931bbb8588e8d9c1bd  -
Bem, estando o dvd bom, então porque não estou conseguindo reinstalar o Ubuntu?

[Não tô conseguindo fazer uma reinstalação! Toda vez que tento usar o live-dvd aparece uma janela em inglês dizendo que o Ubuntu 17.04 encontrou um erro interno! E depois de segundos, o mouse e o teclado param de funcionar! Aí sou obrigado a desligar o Notebook na marra: pelo botão "Power"!
Erro interno:
http://funkyimg.com/i/2vscH.jpg

Pois bem, então o cdrom está conferido e está OK, o md5sum inegavelmente confirma isso.

O fato é que pouco antes com essa mesma media você conseguiu instalar o sistema corretamente.

A questão é o que pode ter mudado nesse computador entre uma coisa e outra?

1) Alterou o setup (=BIOS) da máquina em algum aspecto?

2) Algum hardware foi alterado, trocado ou acrescentado (incluindo o mouse, teclado, etc, dentre outros)?

« Última modificação: 18 de Julho de 2017, 03:56 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #23 Online: 18 de Julho de 2017, 16:16 »
Se não ocorreu nenhuma alteração, seja no setup, seja no hardware, então talvez possa ser alguma dificuldade com a placa de vídeo que está ocasionando o travamento.

Não lembro de já termos visto informações sobre o hardware aí existente.
Como o Ubuntu encriptado instalado ainda está funcionando, então use-o para coletar essas informações e traga ao tópíco para podermos ter uma ideia melhor do cenário existente.

Instale o pacote inxi

Código: [Selecionar]
sudo apt install inxi
O repositório universe precisa estar habilitado para poder instalar o inxi.

Citar
Configurações do sistema/Programas e atualizações/Aplicativos Ubuntu

Se já não estiverem, deixe os quatro assinalados: main universe restricted multiverse

Reload (=recarregar) etc e tal para atualizar.

Depois, em ele instalado, faça o comando abaixo e traga ao tópico o resultado:

Código: [Selecionar]
inxi -FxZ
Isso dará uma panorâmica do cenário existente.

Faça ainda e traga ao tópico:

Código: [Selecionar]
lspci -k | grep -i vga -A3
Código: [Selecionar]
sudo lshw -c display
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline Weliton Oliveira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #24 Online: 18 de Julho de 2017, 17:20 »
Se não ocorreu nenhuma alteração, seja no setup, seja no hardware, então talvez possa ser alguma dificuldade com a placa de vídeo que está ocasionando o travamento.

Instale o pacote inxi
Código: [Selecionar]
sudo apt install inxi
Depois, em ele instalado, faça o comando abaixo e traga ao tópico o resultado:
Código: [Selecionar]
inxi -FxZ
Faça ainda e traga ao tópico:
Código: [Selecionar]
lspci -k | grep -i vga -A3
Código: [Selecionar]
sudo lshw -c display

Não alterei a Bios (Setup) e também não houve mudança de Hardware algum!
Instalei o pacote inxi (as 4 opções já estavam marcadas no repositório universe).
Eu não vejo lógica em dizer que pode ser a placa de vídeo ou até outro hardware qualquer, pois o dvd funcionou normalmente, tanto em modo live como na hora da instalação (o Setup + Hardwares continuam os mesmos)!!!

Segue o resultado dos comandos:

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ sudo apt install inxi
[sudo] senha para weliton:
Lendo listas de pacotes... Pronto
Construindo árvore de dependências       
Lendo informação de estado... Pronto
Os seguintes pacotes foram instalados automaticamente e já não são necessários:
  linux-headers-4.10.0-19 linux-headers-4.10.0-19-generic
  linux-image-4.10.0-19-generic linux-image-extra-4.10.0-19-generic
Utilize 'sudo apt autoremove' para os remover.
The following additional packages will be installed:
  gawk hddtemp libsigsegv2 lm-sensors net-tools
Pacotes sugeridos:
  gawk-doc ksensors fancontrol read-edid i2c-tools
Os NOVOS pacotes a seguir serão instalados:
  gawk hddtemp inxi libsigsegv2 lm-sensors net-tools
0 pacotes atualizados, 6 pacotes novos instalados, 0 a serem removidos e 29 não atualizados.
É preciso baixar 879 kB de arquivos.
Depois desta operação, 3.630 kB adicionais de espaço em disco serão usados.
Você quer continuar? [S/n] s
Obter:1 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/main amd64 libsigsegv2 amd64 2.10-5 [14,1 kB]
Obter:2 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/main amd64 gawk amd64 1:4.1.4+dfsg-1 [401 kB]
Obter:3 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/main amd64 net-tools amd64 1.60+git20161116.90da8a0-1ubuntu1 [194 kB]
Obter:4 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/universe amd64 hddtemp amd64 0.3-beta15-52 [52,8 kB]
Obter:5 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/universe amd64 inxi all 2.3.8-0ubuntu1 [132 kB]
Obter:6 http://br.archive.ubuntu.com/ubuntu zesty/universe amd64 lm-sensors amd64 1:3.4.0-4 [85,5 kB]
Baixados 879 kB em 1s (673 kB/s)     
Pré-configurando pacotes ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado libsigsegv2:amd64.
(Lendo banco de dados ... 242654 ficheiros e directórios actualmente instalados.)
A preparar para desempacotar .../libsigsegv2_2.10-5_amd64.deb ...
A descompactar libsigsegv2:amd64 (2.10-5) ...
Configurando libsigsegv2:amd64 (2.10-5) ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado gawk.
(Lendo banco de dados ... 242662 ficheiros e directórios actualmente instalados.)
A preparar para desempacotar .../gawk_1%3a4.1.4+dfsg-1_amd64.deb ...
A descompactar gawk (1:4.1.4+dfsg-1) ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado net-tools.
A preparar para desempacotar .../net-tools_1.60+git20161116.90da8a0-1ubuntu1_amd64.deb ...
A descompactar net-tools (1.60+git20161116.90da8a0-1ubuntu1) ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado hddtemp.
A preparar para desempacotar .../hddtemp_0.3-beta15-52_amd64.deb ...
A descompactar hddtemp (0.3-beta15-52) ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado inxi.
A preparar para desempacotar .../inxi_2.3.8-0ubuntu1_all.deb ...
A descompactar inxi (2.3.8-0ubuntu1) ...
A seleccionar pacote anteriormente não seleccionado lm-sensors.
A preparar para desempacotar .../lm-sensors_1%3a3.4.0-4_amd64.deb ...
A descompactar lm-sensors (1:3.4.0-4) ...
Configurando hddtemp (0.3-beta15-52) ...
A processar 'triggers' para ureadahead (0.100.0-19) ...
ureadahead will be reprofiled on next reboot
Configurando gawk (1:4.1.4+dfsg-1) ...
A processar 'triggers' para libc-bin (2.24-9ubuntu2.2) ...
Configurando lm-sensors (1:3.4.0-4) ...
Created symlink /etc/systemd/system/multi-user.target.wants/lm-sensors.service → /lib/systemd/system/lm-sensors.service.
Configurando inxi (2.3.8-0ubuntu1) ...
A processar 'triggers' para systemd (232-21ubuntu5) ...
A processar 'triggers' para man-db (2.7.6.1-2) ...
Configurando net-tools (1.60+git20161116.90da8a0-1ubuntu1) ...
A processar 'triggers' para ureadahead (0.100.0-19) ...
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ inxi -FxZ
System:    Host: weliton-Lenovo-G460 Kernel: 4.10.0-26-generic x86_64 (64 bit gcc: 6.3.0)
           Desktop: Gnome  (Gtk 3.22.11-0ubuntu3) Distro: Ubuntu 17.04
Machine:   Device: laptop System: LENOVO product: 20041 v: Lenovo G460
           Mobo: LENOVO model: N/A
           BIOS: LENOVO v: 29CN40WW(V2.17) date: 04/13/2011
Battery    BAT1: charge: 43.8 Wh 100.1% condition: 43.8/48.8 Wh (90%)
           model: PANASONIC PABAS024 status: N/A
CPU:       Dual core Intel Core i5 M 540 (-HT-MCP-) cache: 3072 KB
           flags: (lm nx sse sse2 sse3 sse4_1 sse4_2 ssse3 vmx) bmips: 10109
           clock speeds: max: 2534 MHz 1: 1199 MHz 2: 1199 MHz 3: 1466 MHz
           4: 1999 MHz
Graphics:  Card: Intel Core Processor Integrated Graphics Controller
           bus-ID: 00:02.0
           Display Server: X.Org 1.19.3 drivers: modesetting (unloaded: fbdev,vesa)
           Resolution: 1366x768@60.00hz
           GLX Renderer: Mesa DRI Intel Ironlake Mobile
           GLX Version: 2.1 Mesa 17.0.3 Direct Rendering: Yes
Audio:     Card Intel 5 Series/3400 Series High Definition Audio
           driver: snd_hda_intel bus-ID: 00:1b.0
           Sound: Advanced Linux Sound Architecture v: k4.10.0-26-generic
Network:   Card-1: Qualcomm Atheros AR9285 Wireless Network Adapter (PCI-Express)
           driver: ath9k bus-ID: 05:00.0
           IF: wlp5s0 state: up mac: 9c:b7:0d:5e:f5:13
           Card-2: Realtek RTL8101/2/6E PCI Express Fast/Gigabit Ethernet controller
           driver: r8169 v: 2.3LK-NAPI port: 2000 bus-ID: 06:00.0
           IF: enp6s0 state: down mac: dc:0e:a1:bd:cb:28
Drives:    HDD Total Size: 500.1GB (1.6% used)
           ID-1: /dev/sda model: WDC_WD5000BPVT size: 500.1GB temp: 39C
Partition: ID-1: / size: 34G used: 7.6G (24%) fs: ext4 dev: /dev/sda5
RAID:      No RAID devices: /proc/mdstat, md_mod kernel module present
Sensors:   System Temperatures: cpu: 24.0C mobo: N/A
           Fan Speeds (in rpm): cpu: N/A
Info:      Processes: 219 Uptime: 11 min Memory: 999.4/3750.4MB
           Init: systemd runlevel: 5 Gcc sys: 6.3.0
           Client: Shell (bash 4.4.71) inxi: 2.3.8
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ lspci -k | grep -i vga -A3
00:02.0 VGA compatible controller: Intel Corporation Core Processor Integrated Graphics Controller (rev 02)
   Subsystem: Lenovo Core Processor Integrated Graphics Controller
   Kernel driver in use: i915
   Kernel modules: i915
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ sudo lshw -c display
  *-display                 
       descrição: VGA compatible controller
       produto: Core Processor Integrated Graphics Controller
       fabricante: Intel Corporation
       ID físico: 2
       informações do barramento: pci@0000:00:02.0
       versão: 02
       largura: 64 bits
       clock: 33MHz
       capacidades: msi pm vga_controller bus_master cap_list rom
       configuração: driver=i915 latency=0
       recursos: irq:26 memória:d0000000-d03fffff memória:c0000000-cfffffff porta de E/S:5050(tamanho=8) memória:c0000-dffff
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$




Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #25 Online: 18 de Julho de 2017, 17:54 »
Não alterei a Bios (Setup) e também não houve mudança de Hardware algum!
Eu não vejo lógica em dizer que pode ser a placa de vídeo ou até outro hardware qualquer, pois o dvd funcionou normalmente, tanto em modo live como na hora da instalação (o Setup + Hardwares continuam os mesmos)!!!

Realmente misterioso, fazia bem pouco antes e agora não faz mais funcionar o live-cdrom.
A gpu é uma Intel usando o i915, que não costuma ser problemática.

Bem, vamos lá, primeiro um palpite sem lá muita fundamentação, mas experimente aí:

1) primeira opção:

Suba o sistema pelo Ubuntu cripto instalado, abra uma janela de terminal e execute:

Código: [Selecionar]
sudo update-grub
Reinicie o sistema e então suba novamente pelo live-cdrom

2) segunda opção:

Se a opção anterior não funcionou, então faça o boot pelo live-cdrom usando a opção nomodeset na linha de boot.
Ou seja, naquela tela inicial onde existem as opções "Experimentar o Ubuntu" etc e tal, edite a linha de boot acrescentando o parâmetro mencionado.
Se acionar a tecla F6 aparecerá a opção nomodeset para fazer o boot.

3) terceira opção:

Se as anteriores não funcionaram, suba o live-cdrom usando o parâmetro noapic
Acho que também tem lá na tecla F6, não lembro bem e não tenho como verificar agora, mas se não tiver coloque à mão mesmo na linha de boot da tela inicial, é só usar a tecla 'e' para editar a linha de boot e acrescentar.

4) quarta opção:

Combine as opções 2 e 3 anteriores, isto é, acrescente na linha de boot ambos os parâmetros; nomodeset noapic

A tela inicial que estou referindo é essa:



Note que está expressamente mencionado o uso da tecla F6 e ainda é possível editar diretamente a linha de boot.
É possível apagar um parâmetro já existente, como o quiet e o splash (isso irá mostrar o carregamento do sistema) e ainda acrescentar outros, é simples de fazer, é só editar a linha inicial do boot, conhecida como boot cmdline.

Por enquanto é isso, vamos ver se alguma funciona.

O problema é que parece que você não teve tempo de clicar em "Show details" naquela caixa de erro interno, travou antes, pois assim teríamos alguma dica de onde está enroscando.

De toda forma, se a caixa de erro interno aparecer e não travar imediatamente, use as teclas Ctrl Alt F1 para ir para um terminal puro e depois retorne usando as teclas Ctrl Alt F7, às vezes resolve alguns problemas.



« Última modificação: 18 de Julho de 2017, 18:26 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline Weliton Oliveira

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 17
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #26 Online: 19 de Julho de 2017, 13:56 »
Bem, vamos lá, primeiro um palpite sem lá muita fundamentação, mas experimente aí:
1) primeira opção:
Suba o sistema pelo Ubuntu cripto instalado, abra uma janela de terminal e execute:

Código: [Selecionar]
sudo update-grub
Reinicie o sistema e então suba novamente pelo live-cdrom

O primeiro comando (sudo update-grub) foi o suficiente! Ao reiniciar, o live-dvd funcionou normalmente e pude reinstalar o ubuntu sem criptografá-lo!
Ao reiniciar e entrar pelo ubuntu, apareceu uma mensagem de erro:
O sistema detectou um problema no aplicativo
Você gostaria de relatar o problema agora?
Cliquei em "Relatar problema".

Como não era permitido copiar o conteúdo (não sei porque!) para postar aqui, fotografei:
01:
http://funkyimg.com/i/2vxBv.jpg
02:
http://funkyimg.com/i/2vxBu.jpg
03:
http://funkyimg.com/i/2vxBQ.jpg
04:
http://funkyimg.com/i/2vxBM.jpg

Também usei o GParted para reformatar a partição para Swap e dei o nome de "ubuntuSwap2".
Só não sei se está ativa, mesmo dando os comandos "free -tm" e "cat /etc/fstab", pois não sei como ler o resultado:

To run a command as administrator (user "root"), use "sudo <command>".
See "man sudo_root" for details.

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ free -tm
              total        used        free      shared  buff/cache   available
Mem:           3750         873        1928         198         947        2453
Swap:          1625           0        1625
Total:         5375         873        3553
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ cat /etc/fstab
# /etc/fstab: static file system information.
#
# Use 'blkid' to print the universally unique identifier for a
# device; this may be used with UUID= as a more robust way to name devices
# that works even if disks are added and removed. See fstab(5).
#
# <file system> <mount point>   <type>  <options>       <dump>  <pass>
# / was on /dev/sda5 during installation
UUID=2ff0ba5d-0cfc-4e59-8964-40307ffc3cd6 /               ext4    errors=remount-ro 0       1
/swapfile                                 none            swap    sw              0       0
weliton@weliton-Lenovo-G460:~$

Quando usei o GParted, apareceu uma mensagem de erro (crashed) em inglês:
http://funkyimg.com/i/2vxC9.jpg
Clicando em "try again" a janela de erro some e aparece! Cliquei em "continue anyway" e voi-se em frente o trem............! Só não me lembro se essa janela apareceu por causa da sda5 ou sda8 (partição que reservei para a Swap)! Acho que foi sda5 (partição que reservei para o ubuntu).

Ao iniciar o ubuntu, pede-se uma senha. Até aí normal! Só que abaixo dessa janela de senha aparece escrito "sessão convidado"! Não entendi, pois no ubuntu antigo (criptografado) não tinha isso!



Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #27 Online: 19 de Julho de 2017, 15:38 »
O primeiro comando (sudo update-grub) foi o suficiente! Ao reiniciar, o live-dvd funcionou normalmente e pude reinstalar o ubuntu sem criptografá-lo!

Excelente, como disse no post anterior, era apenas um palpite sem muita fundamentação substantiva, porém achava que iria funcionar mesmo.
O palpite veio do fato de constatar que essa máquina se trata de um Lenovo.
Há alguma característica no setup dela, o BIOS, que leva a esse tipo de comportamento estranho e que não faz muito sentido, aliás, não faz nenhum sentido, porém o fato é que funcionou.

Bem, tanto melhor que está resolvida a dificuldade central.  :)

Seria interessante assim que você puder e se tiver o dispositivo, também gravar um live-pendrive, testar e deixar funcional.
Melhor que tenha o live-pendrive com uma versão estável, LTS (Long Term Support), como a 16.04.2.
Depois dos testes de funcionalidade deixe de reserva o live-pendrive para alguma dificuldade que possa vir a ter no futuro.

No mais, a subida pelo live-pendrive é mais suave e mais rápida que pelo cdrom.
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #28 Online: 19 de Julho de 2017, 15:48 »
Também usei o GParted para reformatar a partição para Swap e dei o nome de "ubuntuSwap2".
Só não sei se está ativa, mesmo dando os comandos "free -tm" e "cat /etc/fstab", pois não sei como ler o resultado:

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ free -tm
              total        used        free      shared  buff/cache   available
Mem:           3750         873        1928         198         947        2453
Swap:          1625           0        1625
Total:         5375         873        3553

weliton@weliton-Lenovo-G460:~$ cat /etc/fstab
/swapfile                                 none            swap    sw              0       0

A swap está ativa no sistema, como se vê nas linhas que evidenciei em negrito.

Porém não está usando a partição swap e sim o conceito de swapfile, que é um arquivo de swap dentro do sistema, ao invés de usar uma partição.

Esse é um conceito novo implementado agora nessa versão 17.04, ainda não analisei melhor isso.

Nas instalações que fiz aqui da versão 17.04 sempre consegui usar a partição swap pré-existente ao invés de criar um swapfile.

Na prática quando da instalação você precisaria ter clicado na linha da partição swap, que é a sda8 (como fez com a sda5), e mandar usar como swap.
Também a formatação da swap não é ext4 e sim o próprio formato swap, que é especial para essa finalidade.
Estaria aparecendo no GParted como tipo swap e não como está aparecendo ext4.
Se tivesse feito isso a partição swap estaria sendo usada, como fiz várias vezes aqui.

Essa novidade do swapfile já havia sido anunciada pelo povo desenvolvedor lá da Canonical antes do lançamento da versão.

O swapfile é pequeno, está indicando 1625MB quando o sistema possui 4GB de RAM, então precisa ver como fica no caso de hibernação.

Nesse particular aspecto preciso ainda estudar melhor a questão.

Voltamos a falar disso adiante.

« Última modificação: 19 de Julho de 2017, 16:41 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 5.084
    • Ver perfil
Re:Ponto de montagem
« Resposta #29 Online: 19 de Julho de 2017, 16:20 »
Ao iniciar o ubuntu, pede-se uma senha. Até aí normal! Só que abaixo dessa janela de senha aparece escrito "sessão convidado"! Não entendi, pois no ubuntu antigo (criptografado) não tinha isso!

O normal do Ubuntu é essa tela de login com a possibilidade do usuário (ou vários usuários, se existir mais de um no sistema) logar ou ainda uma sessão convidado.

A sessão convidado não deixa nada gravado no sistema, alguém usa, porém nada fica registrado ou gravado como arquivos em disco.
É para uso eventual, como o próprio nome diz, para convidados.

Evidentemente que essa opção não existe quando o sistema é criptografado, pois quebraria toda a lógica da criptografia de um sistema, pois se o usuário está criptografando o sistema é porque não quer que ninguém veja, então não faz o menor sentido ter um convidado que pudesse ver o que há no sistema, não é mesmo?

Apenas como registro, querendo, também é possível configurar o sistema para que não pare nessa tela de login e inicie diretamente, indo de uma vez para o desktop.

É só ir lá em:

Citar
Configurações do sistema/Contas de usuários

Clique em "Desbloquear" na parte superior direita e depois altere a chave "Início automático de sessão".

www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.