Autor Tópico: Ubuntu 16.04 em PC antigo!  (Lida 6103 vezes)

Offline galactus

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.101
    • Ver perfil
Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Online: 19 de Maio de 2016, 17:48 »
Olá amigos da rede Ubuntu! Aqui vai um relato da minha experiência com o Ubuntu 16.04 em um PC antigo. O  artigo original deveria ser com dois Pcs antigos, mas foram tantos os problemas com a segunda máquina que foi impossível fazer um teste!

Foi exatamente isso que me levou a testar o Ubuntu 16.04. Os inúmeros relatos de problemas e lentidão. Então resolvi pegar pesado e usar duas máquina antigas que tinha aqui pra testar.

O Pc antigo em questão é um Sempron 140 (2.7GHz) com 2GB de RAM e uma placa de vídeo Nvidia GeForce 8400Gs mais HD Sata de 500GB.   O Sempron 140 é um processador de meados de 2009 com apenas um 1 núcleo e 1 thread.   No CPU Benchmarks ele tem apenas 740 pontos! Para efeito de comparações um Core 2 Duo E8200 já tem 1892 pontos.  Enfim, certamente ele está longe de ser o processador minimamente ideal para rodar o Ubuntu.  A coisa só não fica pior por conta da placa de vídeo dedicada GeForce 8400Gs, 1GB DDR2 e 64bits. 

Usei a versão 32bits devido a quantidade de RAM. O Tempo de instalação foi de cerca de 45minutos! O sistema de arquivos foi o XFS, usei as dicas do meu tópico sobre o XFS!

O tempo de inicialização é de 40.7 segundos, do grub nas opções de kernel até a tela de login com o som dos tambores característicos do Ubuntu. Depois da tela de login até o Unity aparecer na lateral esquerda são mais 25.3 segundos!   Ou seja, mais de 1 minuto para poder usar o sistema. Tempo de desligamento? 13.6 segundos. Notei que se usar muitos programas por algum tempo, principalmente navegadores ou navegar no compartilhamento de arquivos do samba,  esse tempo de desligamento aumenta muito. E descobri o motivo depois, já conto pra vocês!

Usei o cronometro do celular.  Sem nada alterado para desempenho (fora o XFS)  e sem nenhum serviço ou efeito desligado!


O consumo inicial de RAM para um sistema 32bits é alto, pelo menos para um Linux em minha opinião pessoal!  São 440MB quando não tinha desligado nada do sistema, só instalação padrão!
Com poucos aplicativos abertos pula rapidamente para 600MB! Com o Firefox aberto, chega fácil nos 800MB. Com várias abas abertas passa de 1GB!

Depois de instalar o Synaptic, eu não uso Software Center e nem Atualizador de programas, só o velho terminal ou o synaptic, e ativar os repositórios que uso ele já mostrou 77 pacotes a serem atualizados em menos de 1 mês de lançamento! Não ativei o repositório proposed! Foram 740Mb de atualizações!

Essa nova versão do Unity tem visual mais bonito que as anteriores. Eu testei o 16.04 em modo Live em duas máquinas modernas, no meu A10 7850k e no Notebook com Core i7 e placa de vídeo dedicada.  Essa nova versão do Unity voa em relação as versões anteriores! Com HD SSD então …   É preciso de músculos para tocar o Unity!

Com o Sempron 140 a coisa é bem diferente.  Mas me surpreendi com o desempenho geral sem alterar nada do sistema, achei que ia ficar muito pior.  Então resolvi arregaçar as mangas e começar a brincar com o sistema. Aí a coisa ficou feia.  Eu explico. Comecei a desligar serviços e efeitos do Unity e o resultado prático em relação a consumo de RAM foi quase nulo! E juro a vocês que eu desliguei muita coisa. 

Há, descobri que o rcconf não funciona mais com o systemd. Tem que usar o Bum. Para quem não sabe o rcconf e o Bum servem para desligar ou ligar serviços do sistema. Um olhada atenta no htop e logo vejo uma infinidade de serviços atrelados ao systemd e o compiz velho de guerra que não podem ser desativados.  É isso mesmo, notem bem é a união Systemd + Gnome + Compiz + Unity é que forma o Ubuntu 16.04. E você não pode se desfazer disso tudo! Ele quer arrancar quase o sistema todo se quiser remover algum pacote importante do sistema. Resumindo, você não é dono do seu sistema! Para quem já usou ou usa Arch Linux, só um exemplo, você faz o que quer, usa só o necessário e ele não quer remover quase todo o sistema mesmo mandando remover coisas importantes. Esse é o preço que se paga por ter tantas coisas automatizadas no Ubuntu. 

Eu desativei o plymouth ( a tela de carregamento e desligamento do Ubuntu, pra você não ficar vendo letrinhas passando na tela do monitor), só desativei pois removê-lo seria como remover o sistema junto! E aí descobri o motivo da demora no desligamento depois de usar por muito tempo o Ubuntu.  É o Network Manager, ele pode levar até 1 min e 30 segundos para desligar! Ele mostra isso na tela, o  tempo que ele leva para desligar-se. Evidentemente você só vê isso  se você desligar o plymouth.

É muita coisa pra o sistema tomar conta, as lentes do Unity e o sistema de indexação consomem um horror de processamento do sistema.  Eu desliguei tudo! Só mantive a lente das aplicações. O sistema fica muito melhor sem isso e mais um monte de coisas que eu não uso. Por isso tem gente reclamando de lentidão após começar a instalar programas e encher o sistema com seus dados.

Eu gravei um vídeo para demostrar o 16.04 com essa máquina.  Comecei a gravar da hora que digitei a senha na tela do login.  Foi muito serviço pra deixar este sistema assim! Zero de compilações! O Driver proprietário da Nvidia está instalado, é a versão 340. Com o driver proprietário instalado o consumo de RAM aumenta, mas a carga no processador diminui cerca de 10%! Uma folga enorme para um Sempron 140 carregando o Ubuntu!


O outro Pc seria um Atlhon 64 X2 com vídeo Onboard da Nvidia, um GeForce série 6.  Foi só pau! Com o Driver livre da Nvidia o unity trava ou mostra uma tela cheia de artefatos quando vou usar o dash.  E com o driver proprietário da Nvidia ele não faz Login! Entra e sai! Uma bomba! Tentei várias dicas e nada!

E com vocês o vídeo em questão, eu sei que não tá legal, foi gravado do celular mesmo. Mas o que interessa dá pra ver!

https://www.youtube.com/watch?v=OGkz1ABnKnU

As minhas sugestões se quiser fazer uso do Ubuntu em máquinas limitadas são:

- Não use ext4, ele prende demais o sistema por usar muito do processador
- Desligue tudo o que puder, mas tudo mesmo
- Use uma placa de vídeo dedicada, mesmo que antiga e de 64bits, este é o ponto principal, sem ela seu sistema vai se arrastar. Foi o que aconteceu com o outro Pc que não pude fazer o mesmo teste
- Tenha no mínimo 2GB de RAM

Eu instalei o Lubuntu 16.04 nos dois PCs mencionados acima com total sucesso e desempenho muito superiores!  Com o Lubuntu a placa da Nvidia Onboard funciona numa boa com o driver proprietário.
« Última modificação: 19 de Maio de 2016, 17:51 por galactus »
* Linux Mint 17.3 Mate 64bits / Windows 10 64bits Casa! * CentOS 7 64bits Servidor de arquivos em modo texto - Casa * MacOS El Capitain  - Mac Mini servidor multimidia - Casa * DELL Inspiron 14R + Ubuntu Mate 16.10 64bits.

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.226
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #1 Online: 19 de Maio de 2016, 18:01 »
Estou usando o Xubuntu num computador abaixo:

Citar
-Computer-
Processor      : 2x Intel(R) Celeron(R) CPU  J1800  @ 2.41GHz
Memory      : 1945MB (1088MB used)
Operating System      : Ubuntu 16.04 LTS

Tentei o Gnome-Shell e ficou lento.
No Xubuntu tive que desinstalar todas as extensões do Chrome (que consomem bastante).

Tá em EXT4. Tem como converter?

Estou pensando nesta história da placa dedicada. Sempre suspeitei que valeria a pena.

Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline jkmsjq

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.313
  • Ubuntu Member
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #2 Online: 19 de Maio de 2016, 20:30 »
Tenho o Ubuntu 16.04 em um Core 2 Duo E6600 com 3 GB de RAM e chip gráfico integrado com sistema de arquivo JFS e está funcionando perfeitamente. Demora apenas para carregar o sistema.
Ele começa a chorar com uso de browser usando páginas com muito flash, tipo YouTube.
LinuxUser: 548942 / Dando um tópico como resolvido
"A verdade só é agressiva a quem vive de mentiras". Autor desconhecido.
Twitter: @jeisonkertesz

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.901
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #3 Online: 20 de Maio de 2016, 02:34 »
Citar
instalei o Lubuntu 16.04 nos dois PCs mencionados acima com total sucesso e desempenho muito superiores!

A experiência lúdica com esse hardware mais que antigo, inadequado e fora da especificação mínima recomendada demonstra mais uma vez o magnífico desempenho e poder do Linux, o que explica 99% dos TOP 500 supercomputadores do planeta rodando Linux. Aliás, não só do planeta, vez que a NASA está implementando Linux em 100% da Estação Espacial Internacional (ISS), mais uma vez atestando se tratar do melhor e mais confiável sistema operacional do mundo. Instituições que gastam  bilhões de dólares com o hardware não estão preocupadas com o custo do software livre, o que as faz optar pelo Linux é a qualidade, a eficiência e a flexibilidade.

O experimento ora trazido pelo colega /galactus/ demonstra que até puxando carroça o Linux vai muito bem, onde outros sequer sairiam do lugar.

O site oficial do Ubuntu é claro quanto aos requisitos mínimos necesários à instalação do Ubuntu 16.04 padrão (Unity):

2 GHz dual core processor or better

2 GB system memory

E sabemos que essa especificação mínima nominal está sendo generosa, pois o Ubuntu, como sistema operacional moderno e com vastos recursos que é, para rodar de verdade é adequado a partir de máquinas da família de processadores Core i, composta pelos processadores chips i3, i5 e i7, preferenciamente pelo menos a partir da 2ª geração Sandy Bridge e no mínimo 4 GB RAM.

Não tendo a máquina na especificação correta, não fique "sofrendo" com baixo desempenho, a solução está dada conforme consta do próprio experimento, vai pro Lubuntu ou talvez Xubuntu e seja feliz, a vantagem da excelente estrutura de atualização do Ubuntu com a leveza dos ambientes de desktop daqueles sabores.



fontes:

TOP500 Lists

http://www.top500.org/lists/2015/11/

Linux Foundation Training Prepares the International Space Station for Linux Migration

https://training.linuxfoundation.org/why-our-linux-training/training-reviews/linux-foundation-training-prepares-the-international-space-station-for-linux-migration?utm_source=digg

« Última modificação: 20 de Maio de 2016, 03:20 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline Denis Ferraz

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 76
  • DEUS EXISTE E É PARA TODOS!
    • Ver perfil
    • Evangelho Quotidiano
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #4 Online: 20 de Maio de 2016, 04:19 »
Boa Noite a Todos!

Caro galactus;

Eu instalei o Lubuntu 16.04 nos dois PCs mencionados acima com total sucesso e desempenho muito superiores!  Com o Lubuntu a placa da Nvidia Onboard funciona numa boa com o driver proprietário.

Já experimentou o Ubuntu MATE nessas antigas máquinas?

Fique com Deus e obrigado!
« Última modificação: 20 de Maio de 2016, 04:22 por Denis Ferraz »
São Mateus 6,31.33-34

Offline galactus

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.101
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #5 Online: 20 de Maio de 2016, 07:12 »
Estou usando o Xubuntu num computador abaixo:

Citar
-Computer-
Processor      : 2x Intel(R) Celeron(R) CPU  J1800  @ 2.41GHz
Memory      : 1945MB (1088MB used)
Operating System      : Ubuntu 16.04 LTS

Tentei o Gnome-Shell e ficou lento.
No Xubuntu tive que desinstalar todas as extensões do Chrome (que consomem bastante).

Tá em EXT4. Tem como converter?

Estou pensando nesta história da placa dedicada. Sempre suspeitei que valeria a pena.

Seu Celeron J1800 faz 1030 pontos! É pior que um Core 2 Duo! Eu trocaria do Ubuntu para o Lubuntu.

Infelizmente não tem como converter agente100gelo. Tem que formatar com XFS ou JFS.

Colocar uma placa de vídeo dedicada com certeza vai transformar seu PC! Principalmente se insistir no Ubuntu por causa das crianças!
* Linux Mint 17.3 Mate 64bits / Windows 10 64bits Casa! * CentOS 7 64bits Servidor de arquivos em modo texto - Casa * MacOS El Capitain  - Mac Mini servidor multimidia - Casa * DELL Inspiron 14R + Ubuntu Mate 16.10 64bits.

Offline galactus

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.101
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #6 Online: 20 de Maio de 2016, 07:14 »
Tenho o Ubuntu 16.04 em um Core 2 Duo E6600 com 3 GB de RAM e chip gráfico integrado com sistema de arquivo JFS e está funcionando perfeitamente. Demora apenas para carregar o sistema.
Ele começa a chorar com uso de browser usando páginas com muito flash, tipo YouTube.


JFS é o mais leve dos sistema de arquivos que ainda temos. É ótimo para máquinas com poucos recursos mesmo. Você com vídeo OnBoard do Core 2 Duo com certeza vai sofrer com o Youtube atual! Viu que o Chromium consumiu menos recursos?
* Linux Mint 17.3 Mate 64bits / Windows 10 64bits Casa! * CentOS 7 64bits Servidor de arquivos em modo texto - Casa * MacOS El Capitain  - Mac Mini servidor multimidia - Casa * DELL Inspiron 14R + Ubuntu Mate 16.10 64bits.

Offline galactus

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.101
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #7 Online: 20 de Maio de 2016, 07:15 »
Citar
instalei o Lubuntu 16.04 nos dois PCs mencionados acima com total sucesso e desempenho muito superiores!

A experiência lúdica com esse hardware mais que antigo, inadequado e fora da especificação mínima recomendada demonstra mais uma vez o magnífico desempenho e poder do Linux, o que explica 99% dos TOP 500 supercomputadores do planeta rodando Linux. Aliás, não só do planeta, vez que a NASA está implementando Linux em 100% da Estação Espacial Internacional (ISS), mais uma vez atestando se tratar do melhor e mais confiável sistema operacional do mundo. Instituições que gastam  bilhões de dólares com o hardware não estão preocupadas com o custo do software livre, o que as faz optar pelo Linux é a qualidade, a eficiência e a flexibilidade.

O experimento ora trazido pelo colega /galactus/ demonstra que até puxando carroça o Linux vai muito bem, onde outros sequer sairiam do lugar.

O site oficial do Ubuntu é claro quanto aos requisitos mínimos necesários à instalação do Ubuntu 16.04 padrão (Unity):

2 GHz dual core processor or better

2 GB system memory

E sabemos que essa especificação mínima nominal está sendo generosa, pois o Ubuntu, como sistema operacional moderno e com vastos recursos que é, para rodar de verdade é adequado a partir de máquinas da família de processadores Core i, composta pelos processadores chips i3, i5 e i7, preferenciamente pelo menos a partir da 2ª geração Sandy Bridge e no mínimo 4 GB RAM.

Não tendo a máquina na especificação correta, não fique "sofrendo" com baixo desempenho, a solução está dada conforme consta do próprio experimento, vai pro Lubuntu ou talvez Xubuntu e seja feliz, a vantagem da excelente estrutura de atualização do Ubuntu com a leveza dos ambientes de desktop daqueles sabores.



fontes:

TOP500 Lists

http://www.top500.org/lists/2015/11/

Linux Foundation Training Prepares the International Space Station for Linux Migration

https://training.linuxfoundation.org/why-our-linux-training/training-reviews/linux-foundation-training-prepares-the-international-space-station-for-linux-migration?utm_source=digg

Obrigado pelos comentários druidaobelix!
* Linux Mint 17.3 Mate 64bits / Windows 10 64bits Casa! * CentOS 7 64bits Servidor de arquivos em modo texto - Casa * MacOS El Capitain  - Mac Mini servidor multimidia - Casa * DELL Inspiron 14R + Ubuntu Mate 16.10 64bits.

Offline galactus

  • Equipe Ubuntu
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.101
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #8 Online: 20 de Maio de 2016, 07:16 »
Boa Noite a Todos!

Caro galactus;

Eu instalei o Lubuntu 16.04 nos dois PCs mencionados acima com total sucesso e desempenho muito superiores!  Com o Lubuntu a placa da Nvidia Onboard funciona numa boa com o driver proprietário.

Já experimentou o Ubuntu MATE nessas antigas máquinas?

Fique com Deus e obrigado!


Ainda não testei o Ubuntu MATE em maquinas antigas!  É uma boa idéia  para teste!
* Linux Mint 17.3 Mate 64bits / Windows 10 64bits Casa! * CentOS 7 64bits Servidor de arquivos em modo texto - Casa * MacOS El Capitain  - Mac Mini servidor multimidia - Casa * DELL Inspiron 14R + Ubuntu Mate 16.10 64bits.

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.226
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #9 Online: 20 de Maio de 2016, 14:57 »
@Galactus, neste PC estou usando o Xubuntu de uma forma que funciona razoavelmente bem pra mim e pras crianças (que usam pra jogos, Youtube e Netflix).
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson

Offline jkmsjq

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.313
  • Ubuntu Member
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #10 Online: 20 de Maio de 2016, 15:43 »
[...]

JFS é o mais leve dos sistema de arquivos que ainda temos. É ótimo para máquinas com poucos recursos mesmo. Você com vídeo OnBoard do Core 2 Duo com certeza vai sofrer com o Youtube atual! Viu que o Chromium consumiu menos recursos?

Nunca experimentei o Chromium...!!!  ::) ::)

Tenho instalado o Firefox, Chrome e o Opera. Testarei o Chromium para conhecer melhor!
LinuxUser: 548942 / Dando um tópico como resolvido
"A verdade só é agressiva a quem vive de mentiras". Autor desconhecido.
Twitter: @jeisonkertesz

Offline Renan Rischiotto

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 2.880
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #11 Online: 21 de Maio de 2016, 18:40 »
Por que não comprar um computador bom? ;D

Offline jkmsjq

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.313
  • Ubuntu Member
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #12 Online: 21 de Maio de 2016, 19:51 »
Por que não comprar um computador bom? ;D

Porque quando se é casado, com casa, carro financiado, professor efetivo do Estado da Bahia, comprar computador se torna situação a ser pensado e ponderado muito.
LinuxUser: 548942 / Dando um tópico como resolvido
"A verdade só é agressiva a quem vive de mentiras". Autor desconhecido.
Twitter: @jeisonkertesz

Offline druidaobelix

  • Usuário Ubuntu
  • *
  • Mensagens: 3.901
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #13 Online: 21 de Maio de 2016, 20:24 »
Citar
Porque quando se é casado, com casa, carro financiado, professor efetivo do Estado da Bahia, comprar computador se torna situação a ser pensado e ponderado muito.

Sem dúvida alguma, /jkmsjq/, muito bem ponderado, existe uma realidade econômica-social a ser levada em consideração, não apenas aqui no nosso país, mas também no mundo como um todo, sabidamente as dificuldades são enormes e infelizmente o poder aquisitivo muito aquém do custo dos computadores mais modernos.

E exatamente também aí entra o software livre e o Linux em especial.

Um Ubuntu Unity pede máquina mais potente, nada obstante na mesma família e com a mesma estrutura encontramos um Lubuntu, que é um mais que excelente ambiente gráfico (pessoalmente é o que mais uso, mesmo em computador muito bom, prefiro o Lubuntu) com um desempenho espetacular, não deixando nada a desejar.

Além disso, a flexibilidade do Linux e o enorme número de distribuições, adequadas aos mais variados gostos e necessidades, permitem atender de forma satisfatória máquinas de desempenho menor, o que também nisso acaba cumprindo uma relevante função social.

Não apenas pelo fato de ser gratuito (claro que também ajuda), mas pelo simples fato de existir, cobrindo segmentos de mercado que passam a ser desinteressantes para empresas comerciais, que deixam desassistidas uma massa de pessoas, que não se encaixam nos seus objetivos e possibilidades mais imediatos de custos e lucros.

Mas veja, essa é apenas uma função marginal do Linux e do software livre, decorre marginalmente, no sentido econômico do termo, de uma realidade, pois não é, nunca foi e não se vislumbra que venha a ser o propósito e função primordial do opensource.

O opensource e nele especialmente o Linux não é construído com o expresso propósito de atender às massas economicamente desassistidas.

Se assim fosse veríamos o Linux sendo usando em profusão mundo afora, empresas lançando computadores de baixo custo com Linux embarcado como sistema operacional dominante e obviamente não é essa a realidade que se pode ver.

Basta constatar a participação de mercado do Linux no segmento desktop, o market share, com seus minúsculos 1,7%, contra os avassaladores 85% da líder de mercado, a Microsoft, com seu sistema comercial, o Windows, com a segunda colocada, uma das maiores e financeiramente forte empresas do planeta, a Apple, detendo apenas cerca de 10%.

O propósito do opensource e particularmente do Linux é estratégico envolvendo a geopolítica planetária.

Se o Linux já não existisse, ele seria inventado pelas potencias mundiais.

Dos 500 TOP supercomputadores do mundo 99% executam Linux e atualmente nenhum executa Windows, certamente isso deve significar alguma coisa.

Nos dias atuais computadores movimentam a economia planetária e as máquinas militares.

Evidentemente nenhuma potência mundial aceitaria ficar refém de um monopólio do código de software.
Ninguém se sujeitaria a essa vulnerabilidade, daí ser imperativo o código aberto.




« Última modificação: 22 de Maio de 2016, 01:30 por druidaobelix »
www.arredondar.org.br
Vencedor Desafio de Impacto Social Google 2016!
Você também pode participar e fazer a diferença.

Offline agente100gelo

  • Administrador
  • Usuário Ubuntu
  • *****
  • Mensagens: 4.226
  • @Ceará
    • Ver perfil
Re:Ubuntu 16.04 em PC antigo!
« Resposta #14 Online: 21 de Maio de 2016, 21:53 »
Por que não comprar um computador bom? ;D

Pra mim porque a diferença de um computador que funciona e um topo de linha dava pra pagar uma mensalidade da escola dos meus filhos :)
Advogado e analista de sistema cearense.
Twitter: @glaydson