Fórum Ubuntu Linux - PT
30 de Outubro de 2014, 12:25 *
Olá, Visitante. Faça o login ou registre-se.
Perdeu o seu e-mail de ativação?

Login com nome de usuário, senha e duração da sessão
Notícias: Sejam todos bem-vindos e fiquem atentos às regras de utilização do fórum e política de privacidade.
 
   Home   Ajuda Regras Pesquisa Login Registre-se  
Anúncios
Páginas: [1] 2 3 ... 36   Ir para o fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Instalação de Programas no Ubuntu  (Lida 373824 vezes)
pinduvoz
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 2.499



Ver Perfil
« em: 26 de Agosto de 2007, 21:18 »

*** vejam meus comentários na página 25 ***

Este tópico foi escrito com a colaboração de vários membros da “Liga dos Dinos” (Eunir Augusto, clcampos, Versuri e VB5, dentre outros) e com a intenção de ser um presente de usuários mais experientes aos iniciantes que buscam  o Fórum.

Introdução:

Usuários do UBUNTU que migraram do Windows sentem dificuldade em instalar programas e esta é a razão pela qual este texto foi criado.

Recomendação:

A primeira coisa a lembrar é que os desenvolvedores do UBUNTU pretendem que o usuário utilize o Adicionar/Remover, encontrado no Menu Aplicações, pois ali estão inúmeros programas instaláveis, divididos por categorias. Além da facilidade em encontrar o que procura, a instalação dependerá de apenas dois cliques do usuário (um  marca a caixa-de-seleção do programa escolhido; outro,  no aplicar, o instala).

Notem que outra vantagem ao utilizar a opção Adicionar/Remover é a segurança de usar  programas de boa origem e que vão funcionar (previamente testados).

Mas como nem sempre esse cenário ideal ocorre (há muitas novidades por aí), este guia deve ajudar.

Pacotes Genéricos:

Atualização: leia sobre o auto-apt, aqui.

É a mais complicada das opções de instalação, valendo seguir algumas recomendações. Primeiro faça uma busca na Internet por informações no site do desenvolvedor, no Fórum e nos sistemas de buscas, como o Google, pois alguém que já instalou o pacote pode lhe fornecer dicas que facilitarão a operação. Em seguida leia os arquivos de texto (README ou INSTALL) geralmente incluídos no pacote (eles deverão estar na pasta descompactada), pois tais arquivos podem incluir observações (especialmente sobre dependências) ou comandos sem os quais não será possível a instalação. Finalmente crie o ambiente de instalação no UBUNTU com o seguinte comando:

Código:
sudo apt-get install build-essential fakeroot gcc alien make linux-headers-`uname -r` checkinstall
(os caracteres entre a expressão “uname -r” são crases e implicam na instalação do pacote para o kernel atual)

Continuando, ressalvados casos especiais, a instalação funciona assim:

1º passo) descompactação do arquivo: utilize os seguintes comandos de acordo com o formato do arquivo:

- arquivos tar.bz2:
Código:
tar -jxvf nome-do-programa.tar.bz2

- arquivos tar.gz:
Código:
tar -zxvf nome-do-programa.tar.gz

- arquivos tar:
Código:
tar -zxvf nome-do-programa.tar.gz

- arquivos zip:
Código:
unzip nome-do-programa.zip

- arquivos tgz:
Código:
tar -zxvf nome-do-programa.tgz

Observações úteis:
a) é possível descompactar graficamente o arquivo pelo File Roller (o Compactador de Arquivos). Para tanto, abra com duplo-clique e mande extrair, escolhendo e guardando o nome e caminho da pasta, ou use o clique direito e a opção “extrair aqui”, criando dentro da pasta atual uma nova pasta cujo nome será o do pacote acrescido da expressão “_FILES”;
b) o pacote nautilus-open-terminal permite que se abra um terminal a partir de qualquer pasta aberta no Navegador de Arquivos (o Nautilus) e é uma mão-na-roda para quem prefere descompactar graficamente, pois basta abrir a pasta criada pelo File Roller e a partir dela, via clique direito do mouse, o Terminal.
Utilizando as dicas acima o usuário evita qualquer dificuldade para chegar ao conteúdo do pacote a ser instalado e poderá partir diretamente para o 3º passo.

2º passo) entrar na pasta descompactada com o comando:

Código:
cd /caminho/pasta-criada-pelo-descompactador
(o “caminho” incluirá a pasta onde o pacote foi descompactado)

3º passo) partir para a instalação propriamente dita com os comandos:

Código:
./configure
make
sudo make install

E o que faz cada comando acima?

O configure pode ser utilizado com diversas opções, tais como: onde será instalado o programa, onde estão as bibliotecas utilizadas, ativação de  determinados recursos etc. Para visualizar as opções utiliza-se o comando:

Código:
./configure --help

O make faz a compilação do código, utilizando o makefile criado pelo configure como referência, e finalmente o make install faz a instalação.

E para desinstalar?

Alguns programas são acompanhados da opção make uninstall, mas para utilizá-la é necessário guardar o código-fonte. Para não depender disso faça um pacote de instalação (arquivo DEB) e será possível instalar e desinstalar facilmente.

A melhor opção para isso é usar o comando checkinstall:

Código:
./configure
make
sudo checkinstall -D
ou use
Código:
fakeroot checkinstall -D

Uma vez criado o pacote DEB pelo checkinstall, é possível instala-lo (necessariamente, pois apenas foi criado o pacote) ou remove-lo a qualquer tempo.

Embora a opção em questão seja trabalhosa, ela, ao menos em teoria, permite que se instale qualquer programa, pois o código-fonte sempre está disponível.

Instalando Programas no Formato DEB:

Depois de fazer o download do arquivo DEB você pode instalá-lo com o seguinte comando no terminal:

Código:
dpkg -i nome-do-programa.deb

Para desinstalar:

Código:
dpkg -r nome-do-programa
(para desinstalar não é preciso informar a versão ou a extensão DEB)

Com esse método você pode se deparar com problemas de dependências de arquivos que não estão no seu sistema, o que não ocorre ao utilizar os comandos apt-get ou o aptitude, ou mesmo o Synaptic.

Vejamos o uso do apt-get, que é idêntico ao do aptitude (basta trocar apt-get por aptitude):

- atualização (atualiza a lista de programas disponíveis nos repositórios, o que é recomendado antes da instalação propriamente dita):

Código:
sudo apt-get update

-  instalação:

Código:
sudo apt-get install nome-do-programa

- desinstalação:

Código:
sudo apt-get remove nome-do-programa

Uso do Synaptic e do Gdebi:

O Synaptic é a interface gráfica do APT. Ele está à disposição no Menu, pelo caminho Sistema -> Administração -> Gerenciador de Pacotes Synaptic. Por ele é possível não só instalar pacotes com gerenciamento/preenchimento automático dependências, mas também gerenciar repositórios, pesquisas, atualizações, remoções, inclusive de pacotes dispensáveis ou não mais utilizados.

A melhor parte do Synaptic é o sistema de busca, pois basta clicar em procurar e fornecer nome ou função/relação (mp3, por exemplo) esperada do pacote que as opções serão prontamente apresentadas.

A instalação é bem simples e semelhante ao Adicionar/Remover: clique na caixa à frente do pacote, escolha a opção no menu de contexto e  depois clique em aplicar.

Já o Gdebi é o instalador gráfico de pacotes do Gnome. Baixado um pacote DEB, um duplo clique nele carregará o Gdebi, que apresentará o estado das dependências requeridas (as faltantes serão baixadas se disponíveis nos repositórios) e instalará o pacote.

Pacotes RPM no seu Ubuntu:

Embora não seja de todo aconselhável instalar pacotes RPM no Ubuntu, já que foram criados para distribuições basadas no Red Hat, há uma ferramenta  capaz de converter esses pacotes para pacotes DEB ou mesmo instalá-los diretamente. Trata-se do alien, que pode ser usado, sempre com reservas, de acordo com os seguintes comandos:

- converter pacote RPM em DEB:

Código:
alien -d pacote.rpm

- converter e instalar diretamente o pacote RPM:

Código:
alien -i pacote.rpm

Dicas Finais:

- É possível checar o md5sum dos arquivos baixados com o seguinte comando:

Código:
md5sum -c arquivo.md5

Para que esse comando funcione o arquivo_para_checar.xxx e o  arquivo_para_checar.md5  devem estar na mesma pasta.

- Há comandos que consertam dependências (ou erros do APT) e devem ser usados na ordem abaixo:

Código:
sudo apt-get install -f

Código:
sudo apt-get upgrade -f

Código:
sudo apt-get dist-upgrade -f

Código:
sudo dpkg --configure -a

- Remover "na marra" pacote que esta travando o APT:

Código:
sudo dpkg --remove --force-remove-reinstreq nome-do-pacote

O comando acima apareceu recentemente aqui no Fórum e serve para remover um pacote mal instalado que esteja travando o APT. O nome do pacote será informado na mensagem de erro e, como visto acima, basta colocá-lo no final do do comando. Antes de usa-lo, tente os comandos da dica anterior.

- Instalação de arquivos binários (BIN):

Alguns programas, dentre os quais se destacam o Java (a última versão) e o Real-Player, podem ser baixados como arquivos binários (executáveis) para instalação. Embora os sites onde eles são encontrados disponham de instruções de instalação, vale esclarecer o básico.

Usando o Terminal, a primeira providência é dar permissão de execução ao arquivo com o comando:

Código:
chmod +x nome-do-programa.bin

A segunda é a execução do arquivo de instalação com o comando:

Código:
sudo ./nome-do-programa.bin

Executar o binário é quase como executar um arquivo de instalação do Windows porque, sendo necessária a sua interferência, um aviso na tela irá lhe fornecer as opções.

- Usando o Automatix2: (o automatix2 não existe mais)

Embora haja divergência quanto ao uso do Automatix2, a maioria dos usuários do Ubuntu costuma utiliza-lo sem qualquer comprometimento do sistema para tarefas bem específicas, tais como a instalação de suporte a DVD, do Skype e até do ntfs-3g, novo driver para leitura e escrita em partições NTFS (do Windows, portanto).

Caso você decida utilizar o Automatix2, a maneira mais fácil de instala-lo é baixar o pacote DEB atual no respectivo site (www.getautomatix.com) e usar o dpkg, via terminal, ou o Gdebi (duplo clique no pacote) e ele (o Automatix2) irá para o Menu Ferramentas do Sistema.

- uso de Proxy:

Se você está atrás de um proxy e não consegue utilizar o APT, o WGET e até o adicionar/remover, leia o contido nos links que me foram sugeridos pelo clcampos:

Gerenciamento de pacotes com o APT

Configure seu Ubuntu para usar proxy quando estiver usando terminal, apt-get e wget.
« Última modificação: 23 de Agosto de 2011, 23:11 por pinduvoz » Registrado

:: Linux Registered User nº 439378 ::
fabiovalinhos
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 439


Vire a direita..para Valinhos-SP! Arch user


Ver Perfil
« Responder #1 em: 27 de Agosto de 2007, 05:53 »

Muito bom pinduvoz.

Para quem está iniciando, isto será um belo referencial.
73
Registrado

sudo dpkg no seu quadrado ...sudo dpkg no seu quadrado ...
http://www.youtube.com/watch?v=tHmrq0FtczM
arlei
Visitante
« Responder #2 em: 27 de Agosto de 2007, 09:28 »

Meus parabéns, amigo dino pinduvoz.

Eu apenas gostaria de sugerir que o faça em nosso Wiki, que é onde deve estar toda e qualquer documentação do Ubuntu.
Inclusive já temos uma documentação sobre o assunto conforme podem ver no link abaixo, que com sua contribuição e dos demais membros envolvidos poderá ser bastante melhorada.

http://wiki.ubuntubrasil.org/GerenciamentoDePacotes

O Time de Documentação do Ubuntu Brasil, no qual faço parte, tem como objetivo conseguir junto ao fórum que toda e qualquer tutorial ou outro tipo de documentação normalmente postado na seção "Dicas e Truques" o seja feito diretamente no Wiki, deixando o fórum mais para o papel de suporte como deve ser, fazendo no mesmo apenas a referência a estas documentações que estarão então em local apropriado.

[]'s
Arlei
Registrado
isdiru
Visitante
« Responder #3 em: 27 de Agosto de 2007, 14:33 »

Boas,na mosca,obrigado.
Registrado
pinduvoz
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 2.499



Ver Perfil
« Responder #4 em: 27 de Agosto de 2007, 18:36 »

Meus parabéns, amigo dino pinduvoz.

Eu apenas gostaria de sugerir que o faça em nosso Wiki, que é onde deve estar toda e qualquer documentação do Ubuntu.
Inclusive já temos uma documentação sobre o assunto conforme podem ver no link abaixo, que com sua contribuição e dos demais membros envolvidos poderá ser bastante melhorada.

http://wiki.ubuntubrasil.org/GerenciamentoDePacotes

O Time de Documentação do Ubuntu Brasil, no qual faço parte, tem como objetivo conseguir junto ao fórum que toda e qualquer tutorial ou outro tipo de documentação normalmente postado na seção "Dicas e Truques" o seja feito diretamente no Wiki, deixando o fórum mais para o papel de suporte como deve ser, fazendo no mesmo apenas a referência a estas documentações que estarão então em local apropriado.

[]'s
Arlei

Primeiro, agradeço o elogio e o compartilho com a Liga dos Dinos.

Segundo, estou à disposição do Time de Documentação se houver interesse no material aqui postado, ou mesmo para qualquer outra coisa.

Terceiro, a razão deste trabalho foi a reclamação/sugestão no sentido de que não havia no Fórum algo "unificado" sobre o tema tratado, de interesse da maioria dos iniciantes. Daí surgiu também a escolha da seção onde o tópico foi criado.

[]s.

Pinduvoz
Registrado

:: Linux Registered User nº 439378 ::
david_6-8
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 50


Ver Perfil
« Responder #5 em: 27 de Agosto de 2007, 18:48 »

Muito bom topico!
é só aguardar a leitura dos moderadores para ser fixado!!
Registrado

Padrão de Pacotes no linux é INDISPENSÁVEL! junte-se a nós
http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,25549.0.html
o crescimento do linux depende deste padrão,apóie você também!
clcampos
Administrador
Usuário Ubuntu
*****
Deslogado Deslogado

Mensagens: 10.795


.:: User Linux #439596 ::.


Ver Perfil
« Responder #6 em: 27 de Agosto de 2007, 19:13 »

Eu gostei do tópico ter vindo para o fórum porque ele fica acessível com uma consulta daqui, ajudando o usuário. Acho até que pode ficar no wiki também, mas aqui ainda tem vantagem do tópico poder crescer com a ajuda da comunidade.

Claro que ter o assunto documentado no wiki também é importante.
Registrado

Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!
d_gobbo
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 52

FEEL THE DIFERENCE


Ver Perfil
« Responder #7 em: 27 de Agosto de 2007, 20:27 »

Muito bom o tópico Pinduvoz!
Com certeza ajudará a mim e outros iniciantes e intusiastas do Ubuntu!
Está no favoritos já !  Piscada

Abraços...
Registrado
arlei
Visitante
« Responder #8 em: 28 de Agosto de 2007, 09:07 »

... mas aqui ainda tem vantagem do tópico poder crescer com a ajuda da comunidade ...

Bom dia Cristiano,

isso só não ira acontecer também la no Wiki se ninguém colaborar.

Cristiano, eu particularmente, assim como o time de documentação vemos a coisa da seguinte forma:

Este tipo de tópico, ou seja, tutoriais e outros relacionados deveriam estar lá no Wiki, que é onde nos esforçamos para manter uma documentação do Ubuntu em nosso idioma. Aqui no fórum, os esforços devem ser no sentido de oferecer suporte técnico aos usuários da nossa distribuição.

Portanto, se alguém postar algo sobre uma dúvida "X", um ou mais membros mais experientes ira responder, amigo, consulte a documentação do Ubuntu na página "tal" que encontrará a solução para esta questão.

Lógico, nada impede que aqui no fórum também possa ter este tipo de tópico em sua plenitude, o que o time de documentação sugere é que, se alguém esforçou-se para elaborar um tópico desta natureza aqui no fórum, que então o faça lá no Wiki e aqui faça uma boa chamada ao mesmo fazendo incluir toda e qualquer palavra chave necessária para que alguém consiga fazer uma boa busca quando necessário.

Porém hoje o que acontece é que poucos membros do time de documentação (infelizmente somos poucos), entre outras atividades, tem que garimpar aqui no fórum por estes tópicos para posteriormente quando sua disponibilidade "colaborar", refazer todo trabalho lá no Wiki.

Por isso achamos que isso poderia ser bastante melhorado se cada um fizesse a sua parte diretamente lá no Wiki. Imagem só o quanto já poderia estar a documentação do nosso Ubuntu.  Contente

http://wiki.ubuntu-br.org/TimeDeDocumentacao

[]'s
Arlei
Registrado
clcampos
Administrador
Usuário Ubuntu
*****
Deslogado Deslogado

Mensagens: 10.795


.:: User Linux #439596 ::.


Ver Perfil
« Responder #9 em: 28 de Agosto de 2007, 10:03 »

Concordo Arlei, e entendo seus anseios. Eu colaboro com um wiki que de certa forma é vinculado a uma lista de discussão, e sempre que achamos uma boa mensagem (como esta, que esta bem diagramada, bem documentada), tratando de algo importante solicitamos que a pessoa poste seu conteúdo lá no wiki também.

Neste caso em particular acho que o pinduvoz fez exatamente o que deveria fazer, deixou o tema a disposição de todos, através de uma simples pesquisa, permitindo assim que alguns tópicos deixem de ser criados a toa (isso é um sonho né!), e avisou a um dos membros do Time de Documentação, permitindo assim que os mesmos tenham seu trabalho facilitado.

Claro que provavelmente pensamos diferentes, viva a diversidade, mas sei que estamos querendo o bem da comunidade, e saiba que estou a disposição em ajudar como puder a vocês, os poucos heróis do time de documentação.

[]'s

Cristiano.
Registrado

Cristiano/Timóteo - MG
.: Como Fazer Perguntas de Forma Inteligente :.                
Com dúvida? pesquise!
pinduvoz
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 2.499



Ver Perfil
« Responder #10 em: 30 de Agosto de 2007, 17:55 »

Àqueles que lerem este tópico e gostarem, peço que deixem um comentário, pois assim a tendência é que o tópico fique na primeira página da Seção, facilitando a vida dos iniciantes.

Se não gostarem, as críticas e sugestões também são bem-vindas.
Registrado

:: Linux Registered User nº 439378 ::
rjbgbo
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 3.865

Ubuntu 14.04LTS


Ver Perfil WWW
« Responder #11 em: 01 de Setembro de 2007, 21:53 »

Show de bola amigo pinduvoz

Foi pro meus favoritos

também queria opinar sobre concordar que um trabalho desse nível deve passar a ser WIKI, tal o referencial dele, mas também pode permanecer aqui no Forum de modo a crescer
Registrado

Linux User #440843 / Ubuntu User #11469 / Não respondo via mp
FAQ: Frequently Asked Questions / Apostilas / Guia de uso: Unity
pinduvoz
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 2.499



Ver Perfil
« Responder #12 em: 07 de Setembro de 2007, 19:08 »

Eu mencionei neste tópico o Automatix2, mas esqueci de mencionar também o EasyUbuntu, que tem a mesma proposta, ou seja, facilitar a instalação de codecs, plugins e drivers NVidia e ATI.

Então, para que o EasyUbuntu integre o tópico, segue o link de um bom artigo sobre ele no "Viva o Linux", escrito pelo membro daquela comunidade de apelido "rpitarello":

http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=7113

Até.

Registrado

:: Linux Registered User nº 439378 ::
pinduvoz
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 2.499



Ver Perfil
« Responder #13 em: 23 de Setembro de 2007, 19:14 »

Para aqueles que querem manter o Firefox sempre atualizado, deixo aqui o link para o tópico sobre o script ubuntuzilla:

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,25559.0.html

Registrado

:: Linux Registered User nº 439378 ::
VB5
Usuário Ubuntu
*
Deslogado Deslogado

Mensagens: 3.567


Liga dos Dinos


Ver Perfil
« Responder #14 em: 23 de Setembro de 2007, 23:23 »

Graaaande tacada, pinduvoz!...   Contente Contente Nem cinco minutos, Firefox e Thunderbird atualizados para a última versão, sem o mínimo problema!

Essa valeu mesmo!...  Piscada Obrigado!...

VB5
Registrado

Ubuntu 10.04 - Semprom 2600+/Asus K8N/1.5 GB RAM DDR 400/GeForce 6200/HDs: 80MB + 320 GB
Páginas: [1] 2 3 ... 36   Ir para o topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Powered by MySQL Powered by PHP Tema desenvolvido por FaBMak e n3t0
Powered by SMF 1.1.19 | SMF © 2006-2009, Simple Machines
© 2014 Canonical Ltd. Ubuntu e Canonical são marcas registradas da Canonical Ltd.
XHTML 1.0 válido! CSS válido!